Menu
2019-04-01T11:07:28-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Balanço

BRF reverte lucro em prejuízo de R$ 812 milhões no 3º trimestre

Companhia reverteu lucro de R$ 138 milhões registrados no mesmo período do ano passado

8 de novembro de 2018
9:02 - atualizado às 11:07
Embalagem de carne bovina
Imagem: Shutterstock

A BRF divulgou seus resultados para o 3º trimestre nesta quinta-feira, 8.

As principais informações divulgadas:

  • Prejuízo líquido: R$ 812 milhões
  • Receita líquida: R$ 8,767
  • Ebtida: 604 milhões

A companhia teve um prejuízo de R$ 812 milhões, revertendo lucro de R$ 138 milhões registrado no mesmo período do ano passado.

O que puxou o resultado?

Em relatório aos investidores, a empresa atribuiu o resultado a fatores como o desempenho operacional pressionado pelo aumento do preço dos grãos e maiores despesas com vendas. Além disso, citou as despesas não recorrentes de R$ 188 milhões relacionadas à Operação Carne Fraca/Trapaça da Polícia Federal além da greve dos caminhoneiros e reestruturação corporativa. O impacto do câmbio sobre as dívidas e a hiperinflação argentina também foram citados.

O Ebtida  (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado da empresa caiu 35,7%, a R$ 604 milhões ante os R$ 939 milhões registrados no mesmo período do ano passado.

Abaixo das expectativas

Já a receita líquida da BRF avançou 0,4%, a R$ 8,767  bilhões ante os 8,732 bilhões registrados em 2017. O resultado ficou abaixo da expectativa do mercado, que esperava algo em torno de R$ 9,153 bilhões, segundo a Bloomberg.

"Esse crescimento reflete os maiores volumes vendidos nos segmentos Brasil (5,6%) e Internacional (1,5%) combinado com o crescimento de 5,6% no preço médio, que foi beneficiado pelo repasse de preço nos segmentos Brasil e Halal, aliado ao melhor mix de vendas entre produtos in natura e processados", diz o relatório.

O endividamento líquido totalizou R$ 16,3 bilhões, um avanço de 4% na comparação com o trimestre anterior.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Novo competidor

Grupo catarinense que fatura R$ 8,8 bi vai abrir 1º atacarejo no estado de SP

O Grupo Pereira vai abrir uma unidade da Fort Atacadista, sua bandeira de atacarejo, na cidade de Jundiaí; forte competição em SP é desafio

Tensão em Brasília

Racha no Congresso põe reformas em xeque

A decisão do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), de fatiar a reforma tributária foi vista como a pá de cal nas chances de avanço das reformas no Congresso até o fim do atual governo. Embora Lira tenha prometido abrir o diálogo com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), para definir os próximos passos, […]

Rapidinhas da semana

BLINK: Itaúsa, B2W, Eletrobras e mais recomendações rápidas

Felipe Miranda, sócio-fundador e CIO da Empiricus, fala sobre Alpargatas, Eletrobras, Itaúsa, Lojas Americanas e muito mais no Blink

Reserva de emergência

Jeff Bezos, o homem mais rico do mundo, vende ações da Amazon e põe US$ 5 bi na conta

O bilionário Jeff Bezos vendeu cerca de 1,5 milhão de ações da Amazon nos últimos dias e pode vender outros 500 mil papéis em breve

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies