Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-04T14:26:02-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Autonomia do Banco Central em pauta

Pelo grito de independência, Ilan vai ao Congresso

Presidente do BC busca acelerar a tramitação do projeto de autonomia do banco na Câmara dos Deputados

7 de novembro de 2018
15:48 - atualizado às 14:26
ilan-goldfajn
Ilan já trata pessoalmente do projeto de autonomia do BC - Imagem: Antonio Cruz/Agência Brasil

O presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, decidiu fazer uma visita fora da sua agenda oficial nesta quarta-feira, 7, para pedir aos líderes da Câmara dos Deputados que eles avancem, ainda neste ano, com o projeto que trata a autonomia do Banco Central.

E a iniciativa parece que fez efeito: apesar de os deputados não terem uma perspectiva de quando a pauta deva entrar em votação, muitos se mostraram favoráveis a avançar com a discussão.

Na reunião, segundo os parlamentares, Goldfajn falou sobre a importância do tema. Segundo o líder do governo na Câmara, o deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) a maioria dos líderes presentes na reunião, realizada no gabinete de Rodrigo Maia (DEM-RJ), se posicionou a favor do pedido. "Hoje a gente iniciou o processo de discussão deste tema que seria relevante para a estabilidade para a política monetária do País", afirmou Ribeiro.

"Ele fez a defesa de que no Brasil temos uma realidade diferente da dos 50 países mais ricos do mundo e que todos esses países têm autonomia no seu Banco Central. É um tema que vem sendo discutido na Casa há algum tempo e que foi colocado para os líderes a possibilidade de avançar nessa discussão", disse.

O tucano Nilson Leitão (PSDB-MT) disse que acha possível inclusive votar o projeto ainda neste ano e que seu partido concorda com a matéria. O líder do MDB na Câmara, Baleia Rossi (SP), também disse que seu partido é favorável a medida que pode avançar na Casa ainda nesta legislatura.

O projeto, no entanto, encontra resistência nos partidos de oposição que querem debater mais a fundo a questão. "Ficou claro que há vários partidos com divergências", afirmou Alessandro Molon (PT-MG).

Ontem, o autor do projeto, o deputado federal Celso Maldaner (MDB-SC), disse que o governo atual está de acordo com o relatório e a equipe de transição do governo Bolsonaro também tem acompanhado a questão.

O Banco Central e o governo vinham se movimentando, antes mesmo do segundo turno da eleição, para emplacar ainda este ano o projeto de lei de autonomia do BC. Há anos a autonomia operacional, administrativa e orçamentária é uma das bandeiras da autarquia, fazendo parte da Agenda BC+, de ações de curto, médio e longo prazo perseguidas pela instituição.

A visão é de que essa autonomia vai garantir a independência de fato do BC na tomada de decisões. Porém, como o tema é polêmico, os governos sempre encontraram dificuldades para emplacar a proposta no Congresso. No programa de governo do presidente eleito Jair Bolsonaro, existe a defesa da independência do BC.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Ora, pois

Bradesco deve abrir base em Portugal para ‘seguir’ milionários brasileiros

Movimento de migração de famílias clientes do segmento private do banco após a pandemia levou à retomada dos estudos para entrar no mercado lusitano

De volta aos dois dígitos

Mercado já vê juros de até 11% em 2022

Drible no teto de gastos gerou movimento generalizado nas instituições financeiras para revisar para cima suas projeções para a taxa de juros

Óleo e gás

3R Petroleum (RRRP3) certifica reservas provadas de 185,1 milhões de barris

Companhia divulgou resultado da certificação de reservas do Campo de Papa-Terra, na Bacia de Campos, cuja participação foi adquirida da Petrobras

Valor intangível

As 10 marcas mais valiosas do mundo em 2021 – a líder vale US$ 408,2 bilhões

Apple lidera ranking da Interbrand, seguida de outras big techs; com alta de 184%, Tesla foi a marca com maior salto no seu valor no último ano

Contrata-se

Fintechs fazem mercado de vagas crescer 466%, com foco em tecnologia

Startups de tecnologia para o mercado financeiro procuram talentos sobretudo na área de TI, e alguns processos seletivos são exclusivos para mulheres

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies