🔴 ESTA CRIPTOMOEDA DISPAROU 4.200% EM 2 DIAS – VEJA SE VALE INVESTIR

Carolina Gama
Formada em jornalismo pela Cásper Líbero, já trabalhou em redações de economia de jornais como DCI e em agências de tempo real como a CMA. Já passou por rádios populares e ganhou prêmio em Portugal.
POR QUE PAROU?

Argentina: greve geral coloca à prova a “terapia de choque” de Milei para a economia — e governo reage com mão de ferro

Milhares de trabalhadores argentinos foram convocados pela Confederação General del Trabajo (CGT) — alinhada pela oposição — o maior e mais influente sindicato da Argentina

Carolina Gama
24 de janeiro de 2024
14:12
Javier Milei, novo presidente da Argentina
Javier Milei, presidente da Argentina - Imagem: Montagem Seu Dinheiro / Reprodução das redes sociais

Terapia de choque é um tratamento psiquiátrico, mas também é um termo usado para definir políticas que devem ser implementadas simultaneamente para liberalizar a economia — exatamente o que o presidente Javier Milei pretende para a Argentina

Acontece que esse plano vem encontrando obstáculos políticos, na justiça e agora nas ruas. O maior grupo sindical da Argentina preparou para esta quarta-feira (24) uma greve geral nacional para protestar contra a agenda econômica “chocante” de Milei. 

Milhares de trabalhadores argentinos foram convocados pela Confederação General del Trabajo (CGT) — alinhada pela oposição — o maior e mais influente sindicato da Argentina, e outras forças sindicais.

A paralisação é um teste importante para Milei, que anunciou medidas abrangentes para desregulamentar a terceira maior economia da América Latina.

A reação de Milei à greve na Argentina

A reação de Milei à greve nacional teria sido uma das piores possível, de acordo com a imprensa argentina. 

Por lá, circula a informação de que o governo teria decidido reduzir um dia de pagamento de cada funcionário público que participar da paralisação. 

Além disso, a administração de Milei teria estabelecido uma linha anônima gratuita para as pessoas denunciarem “ameaças e pressões” sobre os trabalhadores para que se afastassem de seus empregos.

A DINHEIRISTA - Serasa foi só o começo: “estou sendo processada e meus bens foram bloqueados por dívida com a faculdade”

O exército de ministros de Milei fazem pressão

Se, para o argentino comum, Milei estuda penalidades financeiras, para autoridades, o presidente argentino colocou seu exército de ministros para fazer pressão. 

Logo nas primeiras horas da greve geral, a ministra da Segurança Nacional da Argentina, Patricia Bullrich, mirou diretamente no governador da província de Buenos Aires, Axel Kicillof, por aderir à medida de força. 

“Gostaríamos que ele estivesse trabalhando e não indo para uma mobilização”, disse. “Ele é governador e como tal tem que fazer cumprir a lei e não violá-la, porque o exemplo se espalha e assim temos o problema que temos na província de Buenos Aires”, acrescentou Bullrich. 

“Não há greve que nos detenha. Sindicalistas mafiosos, gestores da pobreza, juízes cúmplices e políticos corruptos, todos defendendo os seus privilégios, resistindo à mudança que a sociedade decidiu democraticamente e que o presidente Milei lidera com determinação. Não há greve que nos pare, não há ameaça que nos intimide”, disse Bullrich no X. 

O ministro da Economia da Argentina, Luis Caputo, também fez pressão sobre Kicillof. “Caso haja alguma dúvida, Axel Kicillof também é adicionado [à medida de força]. Nunca esteve tão claro para a sociedade que estamos enfrentando uma greve política por ameaçarmos alguns privilégios.”

A reação do governo não ficou sem resposta. O chefe-geral da Associação dos Trabalhadores do Estado (ATE), Rodolfo Aguiar, disse: “Se as greves não param vocês, os paus não vão nos parar”. 

Depois disso ele continuou: “E se você fala de cúmplices e de corruptos, é melhor olhar para aqueles que hoje compõem o seu governo”.

Compartilhe

AYUDA, HERMANOS

A motosserra de Milei ficou sem combustível? Entenda por que o dólar voltou a bater máximas na Argentina — e por que isso já era esperado

23 de maio de 2024 - 12:55

Ao mesmo tempo em que o mercado aumentou o apetite por dólares, Javier Milei, o presidente do país, virou capa da revista Time

VAI VOLTAR A SUBIR?

Ata do Fed joga balde de água fria nas bolsas — entenda o que acabou de vez com o apetite por risco dos investidores hoje

22 de maio de 2024 - 16:04

Dirigentes do Fed estão descontentes com o ritmo da queda da inflação nos EUA e veem juros no atual nível por mais tempo

REI CHARLES AUTORIZOU

Primeiro-ministro dissolve o Parlamento e antecipa as eleições gerais no Reino Unido

22 de maio de 2024 - 14:44

Assim, os deputados perdem o seu mandato e agora precisam fazer campanha para a reeleição se quiserem continuar

EL PELUCA

Seis meses de Javier Milei: como está a Argentina hoje para o investidor — e para o viajante — após novo presidente assumir? 

22 de maio de 2024 - 6:20

Desde que assumiu, Milei colecionou algumas vitórias e derrotas no seu primeiro semestre de gestão; conheça algumas delas e saiba se a Argentina ainda é um destino turístico atrativo, do ponto de vista financeiro

NÃO DEIXOU BARATO

Na mira de Xi Jinping: China impõe sanções à Boeing e mais duas empresas dos EUA por venda de armas a Taiwan

20 de maio de 2024 - 19:22

A medida é a mais recente de uma série de sanções anunciadas pelo Gigante Asiático nos últimos anos contra companhias pelo fornecimento de armamento a Taipé

INTERNACIONAL

Presidente do Irã morre em queda de helicóptero; aiatolá já decidiu quem será o sucessor

20 de maio de 2024 - 7:53

Além de Ebrahim Raisi, seu ministro das Relações Exteriores e mais 7 pessoas morreram no incidente, ocorrido no norte do Irã

LOBBY DE BANCOS

CEO do JP Morgan levou outros presidentes de bancos para pressionar Federal Reserve por normas mais frouxas

19 de maio de 2024 - 16:47

Agora, o Fed e dois outros reguladores querem um novo plano, que reduziria o aumento obrigatório de capital — de quase 20% — para os maiores bancos dos EUA

NO ORIENTE MÉDIO

Membro do gabinete de Guerra de Israel ameaça pedir demissão caso não haja plano para conflito em Gaza

19 de maio de 2024 - 14:55

Benny Gantz reconheceu o impacto prejudicial que a guerra está tendo sobre os civis, mas insistiu que a “decisividade” é necessária

NO ORIENTE MÉDIO

Helicóptero que levava presidente e ministros do Irã faz pouso forçado; equipes tentam acessar o local

19 de maio de 2024 - 13:23

Houve registro de chuva forte e neblina com algum vento, o que poderia ter causado uma instabilidade na aeronave

SÓ UMA PROMESSA?

Vai fechar o banco central, Milei? A nova declaração do presidente da Argentina sobre o futuro do BC do país

17 de maio de 2024 - 18:45

O presidente argentino está na Espanha e deu diversas declarações polêmicas a um público que o aplaudiu calorosamente; veja o que mais ele disse

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar