🔴 CHANCE DE MULTIPLICAR O SEU CAPITAL POR 7,5X COM 1 CLIQUE – CONHEÇA A FERRAMENTA

Camille Lima
Camille Lima
Repórter no Seu Dinheiro. Estudante de Jornalismo na Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Já passou pela redação do TradeMap.
FATIA MAIOR

Como Jorge Paulo Lemann e sócios se tornaram donos de quase metade da Americanas (AMER3)

Com o aporte de dinheiro novo, os executivos viram sua participação subir de 30,12% em fevereiro para os atuais 49,2%

Jorge Paulo Lemann, Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto Sicupira, bilionários acionistas da Americanas (AMER3)
Jorge Paulo Lemann, Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto Sicupira, acionistas da Americanas (AMER3). - Imagem: Estadão Conteúdo/Reprodução/Divulgação/Montagem Seu Dinheiro

Acionistas de referência da Americanas (AMER3), os bilionários Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira se tornaram donos de quase metade da gigante do varejo.

O “ganho” de participação do trio é resultado do aumento de capital de até R$ 40,7 bilhões na companhia — em que os acionistas de referência se comprometeram a injetar pelo menos R$ 12 bilhões.

Com o aporte de dinheiro novo, os executivos viram sua participação subir de 30,12% em fevereiro para os atuais 49,2%, de acordo com uma visão preliminar do resultado do aumento de capital enviada à CVM nesta terça-feira (2).

Se consideradas apenas as subscrições de ações realizadas até esta data — ou seja, excluindo as sobras de novos papéis que ainda poderão ser compradas —, a atual composição acionária da Americanas ficaria dessa forma:


Vale lembrar que as participações poderão ser alteradas, inclusive devido à subscrição de sobras. 

Segundo a varejista, o montante de R$ 12,1 milhões decorrente do exercício do direito de preferência será destinado para o resgate antecipado ou amortização extraordinária de parte das debêntures não conversíveis em ações.

A cifra não considera os valores relativos às ações subscritas pelos acionistas de referência e suas respectivas afiliadas.

Americanas (AMER3) e o pagamento aos credores 

Além disso, a Americanas (AMER3) já apurou o percentual de composição de cada contrapartida a ser entregue aos credores financeiros que optaram pela Opção de Reestruturação II após o leilão reverso.

Vale lembrar que a varejista destinou pouco mais de R$ 2 bilhões à operação de leilão reverso — permitindo que a empresa quitasse R$ 8,6 bilhões em dívidas no contexto de seu plano de recuperação judicial.

Agora, para além do leilão reverso, os credores quirografários Opção II receberão o pagamento do seu crédito mediante a entrega de novas ações ordinárias AMER3 e de debêntures da Companhia, além do pagamento em dinheiro no valor correspondente à parcela de recompra de créditos. 

Em relação ao saldo de créditos quirografários Opção II – Pós Leilão Reverso, cada credor receberá as contrapartidas conforme a tabela:


Na contrapartida em ações, para cada três papéis AMER3, cada credor receberá um bônus de subscrição, avaliado ao preço de emissão nos termos do plano de recuperação judicial. 

Por sua vez, para as debêntures, é considerado o valor integral da emissão dos títulos de dívida antes de qualquer evento de Cash Sweep — que define o pagamento de parte dos créditos com recursos da geração de caixa excedente. 

Já a contrapartida de recompra considera a estimativa de 3,1% para o fator de ajuste pela inflação, medida pelo IPCA, que está sujeito a atualização até a data do pagamento aos credores.

Leia também: 

Investigações encerradas — pelo menos, pelo Conselho Independente

Uma das investigações sobre o rombo multibilionário na Americanas (AMER3) chegou ao fim no último domingo (30).

Segundo a varejista, o Comitê Independente (CI), que investiga as circunstâncias que resultaram em uma das maiores fraudes contábeis da história corporativa brasileira, concluiu os trabalhos de apuração após um ano e meio de esforços.

Os resultados da investigação conduzida pelo CI devem ser apresentados ao conselho de administração da Americanas nas próximas semanas.

Segundo o CI, a equipe de investigação revisou aproximadamente 1,2 milhão de documentos únicos, além de realizar cerca de 250 entrevistas com funcionários, ex-funcionários e outras partes que colaboraram com a apuração;

É importante ressaltar que os resultados do trabalho do comitê não têm ligação com as investigações conduzidas pelas autoridades públicas como a Polícia Federal, o Ministério Público Federal e a CVM ou pela própria Americanas.

“As análises conduzidas pelo Comitê Independente não serviram de base para os trabalhos da Polícia Federal que resultaram na Operação Disclosure”, escreveu o CI. 

Compartilhe

SAIU!

Privatização da Sabesp (SBSP3): a maior oferta de saneamento da história movimenta R$ 14,8 bilhões; confira os detalhes da operação

19 de julho de 2024 - 6:14

A demanda total do mercado pelas ações da Sabesp chegou a R$ 187 bilhões — 53% foram ordens de investidores estrangeiros e o restante de gestoras locais

A MALA TÁ FEITA

Com data para deixar a B3, Cielo (CIEL3) recebe aval dos membros independentes do conselho para OPA

18 de julho de 2024 - 20:02

Leilão marcado para o dia 14 de agosto tem como objetivo vender 902.247.285 ações ordinárias da companhia a R$ 5,60

PERTO DO LIMITE?

Ambipar (AMBP3): Mercado faz contas e especula se controlador pode ser obrigado a fazer OPA

18 de julho de 2024 - 19:13

No entendimento de parte do mercado, Tércio Borlenghi Júnior já ultrapassou o limite de um terço das ações em circulação da Ambipar (AMBP3) em compras

FUSÕES E AQUISIÇÕES

De olho no sucesso de óculos inteligentes, Meta quer um pedaço da EssilorLuxottica, dona da Ray-Ban

18 de julho de 2024 - 17:00

Companhia de Mark Zuckerberg negocia a aquisição de 5% da empresa, participação avaliada em cerca de US$ 5 bilhões

VALE A PENA?

A ação da Vale (VALE3) está barata? Papel está descontado em relação a gigantes gringas; saiba se é hora de aproveitar

18 de julho de 2024 - 15:47

O Itaú BBA calcula um preço-alvo de US$ 14 para os ADRs da mineradora, o que representa um potencial de valorização de 24,8% sobre o fechamento de quarta-feira (17)

IA EM FOCO

Depois da tempestade, setor de chips e semicondutores de Inteligência Artificial (IA) respira após balanço da TSMC

18 de julho de 2024 - 13:48

Empresa taiwanesa ampliou lucro em 36% no segundo trimestre e superou as expectativas, com forte demanda por chips

AQUISIÇÃO

De olho nas importações, BTG Pactual (BPAC11) adquire capital social da Sertrading, empresa de patrimônio de quase R$ 400 milhões

18 de julho de 2024 - 9:46

De acordo com o comunicado enviado à CVM, em quatro anos, o volume transacionado em operações de comércio exterior passou de R$ 5 bilhões para R$ 19 bilhões

EMPREENDEDORISMO

Novo visual e mudança de nome: as apostas da Grendene (GRND3) para conquistar franqueados e abrir mais lojas da Melissa

18 de julho de 2024 - 9:09

Um ano após internalizar a gestão de franquias, a marca famosa por suas sandálias de plástico com aroma de tutti-frutti também lançará novos formatos de lojas

APÓS A CRISE

Lemann e sócios recalculam a rota: Americanas (AMER3) adia publicação do balanço após laudo de investigação independente

18 de julho de 2024 - 7:33

A publicação dos resultados ficou para o dia 14 de agosto, quando também serão divulgados os números do período até 30 de junho

MAIS UM PASSO

Agora vai? Grupo de credores da Americanas (AMER3) adere ao plano de recuperação judicial e abre caminho para novas emissões e pagamentos

17 de julho de 2024 - 20:27

Segundo a varejista, os credores titulares da maioria dos créditos quirografários — aqueles sem garantia — aderiram às deliberações sobre o plano de recuperação judicial do grupo, homologado em 26 de fevereiro de 2024

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar