O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-03-28T15:34:00-03:00
Carolina Gama
DIVIDINDO O BOLO

Dividendos sob a forma de ações: Tesla (TSLA), de Elon Musk, quer entregar papéis adicionais aos acionistas; entenda a operação

As ações da fabricante de carros elétricos mais do que dobraram desde que a divisão de 5 por 1 entrou em vigor em 31 de agosto de 2020 — ano da primeira operação desse tipo realizada pela empresa

28 de março de 2022
13:56 - atualizado às 15:34
Retrato de Elon Musk
Elon Musk, CEO da Tesla e atual homem mais rico do mundo. - Imagem: Shutterstock

As ações da Tesla (TSLA) aparecem entre os destaques positivos do pregão americano nesta segunda-feira (28) — e, desta vez, o movimento não se deve a algum tweet de Elon Musk, o CEO-celebridade da companhia. O otimismo vem do anúncio de um desdobramento dos papéis da fabricante de carros elétricos, o segundo em dois anos.

Em um documento arquivado na Securities and Exchange Commission (SEC) — equivalente à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) no Brasil —, a Tesla informa que pedirá em sua assembleia anual de acionistas “um aumento no número de ações ordinárias autorizadas através de um dividendo em ações.”

E o que é isso? Bem, um dividendo em ações é um provento pago aos acionistas na forma de papéis adicionais da empresa, em vez de dinheiro. Essa operação não afeta o valor de uma empresa, mas dilui o preço de seus ativos.

O conselho da Tesla aceitou a proposta da administração, mas a autorização do dividendo ainda requer aprovação final, segundo a empresa. Os detalhes, segundo a fabricante de veículos elétricos, devem ser anunciados mais para frente. 

Empresas como Alphabet e Amazon anunciaram desdobramentos no início deste ano para reduzir o preço de suas ações, tornando mais fácil para os investidores de varejo comprá-las.

Ações da Tesla (TSLA)

A Tesla (TSLA) dividiu suas ações pela última vez em agosto de 2020. Os papéis mais do que dobraram de valor desde que o desdobramento, na proporção  de 5 por 1, entrou em vigor em 31 de agosto de 2020. Os ativos da empresa foram adicionados ao S&P 500 no final daquele ano.

A notícia do desdobramento vem em um momento no qual as ações da Tesla lutam para se manter em alta neste ano. Até o fechamento de sexta-feira (25), os papéis acumulam queda de 4,4% em 2022. As ações saltaram 49,8% em 2021 e subiram 743,4% em 2020. 

  • IMPORTANTE: liberamos um guia gratuito com tudo que você precisa para declarar o Imposto de Renda 2022; acesse pelo link da bio do nosso Instagram e aproveite para nos seguir. Basta clicar aqui

No pregão de hoje em Nova York, as ações da Tesla sobem 6,18%, cotadas a US$ 1.073.09.

A fabricante de carros elétricos é uma das oito empresas que estão no índice norte-americano e cujas ações são cotadas acima dos mil dólares, de acordo com dados da Bloomberg. Todas elas negociaram em baixa este ano até o fechamento da semana passada.

Covid-19 no caminho da Tesla e de Elon Musk

Coincidência ou não, as ações da Tesla sobem mais de 6% em Nova York, apagando quedas anteriores, depois que seu CEO, Elon Musk, anunciou que novamente está com covid-19. 

O bilionário é conhecido por se opor à vacina contra o novo coronavírus e também já esteve envolvido em várias polêmicas por espalhar desinformação sobre a doença. 

A covid-19 não só entrou no caminho de Musk como também vem interferindo nos planos da Tesla, que tem um plano de aumentar sua produção de veículos elétricos em 50% ao ano

Segundo a Bloomberg, a empresa estendeu a suspensão temporária de sua fábrica em Xangai devido ao aumento de casos de covid-19 na cidade.

Desdobramento: o que é?

O desdobramento de ações é uma operação que divide o capital social de uma empresa em pedaços menores.. Em um desdobramento de cinco para um, por exemplo, cada ação é repartida em cinco unidades — o valor unitário de cada papel é fracionado na mesma proporção.

E por que uma empresa faz isso? Bem, se há mais ações em circulação e a um preço unitário menor, abrem-se as portas para novos investidores — especialmente os de menor porte — e eleva-se a liquidez dos ativos na bolsa.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

pressão vendedora

Nubank derrete 21% na semana após fim do lock-up, que restringia venda das ações pelos “tubarões”

Desde o IPO, o Nubank já perdeu US$ 23,9 bilhões em valor de mercado, e a fintech que antes valia mais que o Itaú hoje vale quase um terço dele

INTERNET DO MUSK

O que faz a Starlink, empresa que trouxe Elon Musk ao Brasil e deve operar na Amazônia

A empresa do bilionário promete internet ultrarrápida e deve começar as suas operações ainda neste ano; Anatel já deu aval

FECHAMENTO DO DIA

Escapou do urso: S&P 500 consegue fechar no azul em recuperação dramática; saiba o que aconteceu com as bolsas nos EUA

Dois fatores são centrais para entender o comportamento do S&P 500, do Nasdaq e do Dow Jones nas últimas semanas; entenda

FECHAMENTO DO CÂMBIO

Dólar recua 0,87% e vale R$ 4,87. Euro também cai e vale R$ 5,13; confira o que movimentou o câmbio nesta sexta-feira

Apesar do predomínio de um certo humor pessimista pelo mundo, o real conseguiu ter mais um dia de ganhos em relação ao dólar

VISÃO MACRO

Por que o mercado exagera ao temer uma recessão nos Estados Unidos e na China

Os sinais de uma possível recessão nas grandes economias, como EUA e China, e o aumento de um pessimismo generalizado parecem ter tomado conta dos mercados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies