Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-05-21T10:08:36-03:00
Estadão Conteúdo
Maquininha aberta

Santander espera aval do Banco Central para levar Getnet à bolsa

Enquanto dá andamento ao processo para se tornar empresa aberta, adquirente está separando seus negócios do banco

21 de maio de 2021
10:08
getnet
Imagem: Reprodução/Youtube

O Santander Brasil está na expectativa de receber o aval do Banco Central para avançar com a listagem da Getnet, sua empresa de maquininhas, no Brasil e nos Estados Unidos, apurou o Estadão/Broadcast.

Enquanto a bênção ainda não vem, a empresa já entregou, na semana passada, os documentos necessários para iniciar as operações na B3 e na Nasdaq, berço de tecnologia dos EUA.

Em paralelo, o negócio da Getnet está sendo segregado do banco dentro da estratégia de dar vida própria à empresa e torná-la parte de uma operação global de pagamentos do conglomerado.

A proposta de segregação da participação acionária do Santander Brasil na Getnet foi aprovada no fim de março.

Dessa forma, automaticamente, a empresa de maquininhas estará cotada tanto no Brasil quanto nos EUA, assim como o próprio Santander Brasil.

Na última sexta-feira, 14, a Getnet entrou com pedido na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para ser uma empresa aberta. A solicitação é para a categoria A, ou seja, que permite a emissão de ações.

Não há atrelada, contudo, uma solicitação para uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), de acordo com informações da autarquia. O mesmo processo foi feito com a Nasdaq, conforme informações no site da SEC, a CVM americana.

No primeiro trimestre, a Getnet capturou R$ 86,8 bilhões, volume 46,62% maior que o visto um ano antes. O lucro líquido foi de R$ 110 milhões no primeiro trimestre deste ano. Já em 2020, o resultado foi de R$ 359 milhões.

A base de clientes ativos da Getnet atingiu 875 mil ao fim de março, 14% de crescimento em um ano.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

RIQUEZA DIGITAL

Dancinha milionária: estrelas do TikTok já ganham mais do que grandes executivos nos Estados Unidos; veja quanto elas faturam

Os milhões de seguidores de alguns tiktokers são irresistíveis para as marcas, que acabam gastando muito dinheiro não só em anúncios como em suas linhas de produtos

DA REALIDADE PARA O NOVO DIGITAL

Walmart no metaverso: gigante do varejo dos EUA vai fabricar e vender no mundo virtual; entenda

Para ter um pé nesse universo, Nike e marcas de vestuário como Urban Outfitters, Ralph Lauren e Abercrombie & Fitch também entram com pedidos de marca registrada

PEGA LADRÃO!

Fechada na economia e aberta ao cibercrime: Coreia do Norte desvia milhões de dólares com ataques a plataformas de criptomoedas em 2021

Norte-coreano Lazarus ganhou notoriedade com invasões cibernéticas à Sony Pictures e à WannaCry. Grupo já foi sancionado pelos Estados Unidos e pela ONU

EFEITOS DO CLIMA

Usiminas (USIM5) retoma gradualmente atividades de mineração afetadas por chuvas em Minas Gerais

Segundo o grupo, os problemas ainda afetam empresas responsáveis pela cadeia de escoamento de minério

Conteúdo Empiricus

Dos R$2 mil aos R$100 mil em 12 meses com esta criptomoeda? Criptoativo criado por sócio de Steve Jobs faz parte do segmento que pode decolar e deixar o Bitcoin no chinelo após evento do dia 24 de janeiro

Ele fundou a Apple junto de Steve Jobs e agora criou uma nova criptomoeda que custa centavos e pertence ao ecossistema que pode saltar 5.000% em 2022 e enriquecer os seus investidores

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies