🔴 NOVA META: RENDA EXTRA DE ATÉ R$ 2.000,00 POR DIA – VEJA COMO

Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
anúncio da corretora

XP lança cartão de crédito sem anuidade em outubro e com ‘cashback’ em investimentos

Atualmente em fase de testes, cartão não teve taxa do rotativo revelada, mas ela será “bem menor que a dos bancos”, disse Bruno Constantino, CFO da corretora. Previsão é de lançamento do cartão de débito na 1ª metade de 2021

Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
20 de julho de 2020
19:00 - atualizado às 19:35
XP Inc
Imagem: Divulgação

Em mais um passo de seu processo de "bancarização", a XP Investimentos anunciou nesta segunda-feira (20) o lançamento de um cartão de crédito sem anuidade. A previsão do sócio e CFO da corretora, Bruno Constantino, é de que ele esteja disponível aos clientes em outubro.

Só quem é cliente ativo da XP, ou seja, quem tenha realizado aporte de recursos na plataforma de investimentos, poderá solicitar o cartão, que terá bandeira Visa e poderá ser usado internacionalmente.

Hoje, o cartão, chamado de XP Visa Infinite, se encontra em fase de testes com funcionários e agentes autônomos, que auxiliarão no desenvolvimento de outras funcionalidades.

Os usuários do cartão terão o benefício do "investback", um "cashback" dado pela XP na forma de investimento.

Com o cashback, correspondente a uma parcela dos gastos do cliente, os titulares do cartão receberão de volta parte do dinheiro usado por meio do investimento em um fundo exclusivo simples, com liquidez diária e taxa de administração zero, atrelado predominantemente a títulos públicos, segundo Constantino.

Cartão XP Visa Infinite deverá ser lançado no mês de outubro, segundo CFO da corretora, Bruno Constantino

O destino desse cashback é de livre escolha do cliente, que até mesmo poderá resgatá-lo e depositá-lo em um banco ou usá-lo com outro objetivo, se assim decidir.

"Para começar, a proposta é um investback nesse fundo básico, e a ideia é que o dinheiro investido tenha retorno composto ao longo do tempo", afirmou o executivo, durante videoconferência com jornalistas, que ressaltou que o objetivo é que o cliente aumente seus investimentos.

Ele também citou que a intenção para o futuro é que o investback ocorra com outros produtos oferecidos pela XP, como os de previdência, que foquem o planejamento financeiro a longo prazo.

Nada de anuidade

Constantino mencionou ainda a ideia de uma "anuidade sem pegadinha" do cartão de crédito — ou seja, sem a contrapartida de que o cliente gaste um valor mínimo para que não seja cobrado essa taxa. "É uma reciprocidade que incomoda", afirmou.

A taxa do cartão de crédito não teve o valor revelado, mas ele disse que será "bem menor que a dos bancos".

“Queremos revolucionar o mercado de cartões de crédito no país da mesma forma que fizemos com os investimentos", disse o executivo, observando que esses clientes têm o potencial de se tornarem investidores.

Mais serviços vêm aí

O CFO da XP disse que no momento apenas o serviço do cartão de crédito será oferecido, mas que com o passar do tempo haverá maiores funcionalidades bancárias.

No 1º semestre de 2021, Constantino espera que seja lançado o cartão de débito da corretora.

No decorrer dos próximos meses, a companhia planeja disponibilizar um pacote completo de serviços financeiros, que também incluirá contas digitais e empréstimos com garantia.

Cortando o cordão umbilical

O palpite do sócio e CFO da XP é de que "todo mundo" da base de clientes da corretora vai querer o cartão. Ainda assim, ele disse que a empresa não está preocupada com o alcance do serviço.

"O alvo são os clientes da XP. Todo cliente XP pode pedir o seu, não cobramos absolutamente nada, mas não temos uma meta", disse Constantino.

Ele também preferiu não dar número de quantos clientes poderão largar os serviços de outros bancos com o lançamento, mas ressaltou que "todo e qualquer cliente" deveria estar na XP.

"Teremos taxas mais baixas que os bancos, expandiremos os produtos e o foco é o cliente", afirmou.

Segundo ele, a ideia por trás do cartão de credito da corretora surgiu da demanda dos clientes investidores. "Os clientes querem uma solução completa. Este cartão de crédito não vai precisar de conta em banco, vai cortar esse cordão umbilical", disse Constantino.

Compartilhe

Engordando os proventos

Caixa Seguridade (CXSE3) pode pagar mais R$ 230 milhões em dividendos após venda de subsidiárias, diz BofA

14 de setembro de 2022 - 13:22

Analistas acreditam que recursos advindos do desinvestimento serão destinados aos acionistas; companhia tem pelo menos mais duas vendas de participações à vista

OPA a preço atrativo

Gradiente (IGBR3) chega a disparar 47%, mas os acionistas têm um dilema: fechar o capital ou crer na vitória contra a Apple?

12 de setembro de 2022 - 13:09

O controlador da IGB/Gradiente (IGBR3) quer fazer uma OPA para fechar o capital da empresa. Entenda o que está em jogo na operação

novo rei?

O Mubadala quer mesmo ser o novo rei do Burger King; fundo surpreende mercado e aumenta oferta pela Zamp (BKBR3)

12 de setembro de 2022 - 11:12

Valor oferecido pelo fundo aumentou de R$ 7,55 para R$ 8,31 por ação da Zamp (BKBR3) — mercado não acreditava em oferta maior

Exclusivo Seu Dinheiro

Magalu (MGLU3) cotação: ação está no fundo do poço ou ainda é possível cair mais? 5 pontos definem o futuro da ação

10 de setembro de 2022 - 10:00

Papel já alcançou máxima de R$ 27 há cerca de dois anos, mas hoje é negociado perto dos R$ 4. Hoje, existem apenas 5 fatores que você deve olhar para ver se a ação está em ponto de compra ou venda

NOVO ACIONISTA

Com olhos no mercado de saúde animal, Mitsui paga R$ 344 milhões por fatias do BNDES e Opportunity na Ourofino (OFSA3)

9 de setembro de 2022 - 11:01

Após a conclusão, participação da companhia japonesa na Ourofino (OFSA3) será de 29,4%

Estreia na bolsa

Quer ter um Porsche novinho? Pois então aperte os cintos: a Volkswagen quer fazer o IPO da montadora de carros esportivos

6 de setembro de 2022 - 11:38

Abertura de capital da Porsche deve acontecer entre o fim de setembro e início de outubro; alguns investidores já demonstraram interesse no ativo

Bateu o mercado

BTG Pactual tem a melhor carteira recomendada de ações em agosto e foi a única entre as grandes corretoras a bater o Ibovespa no mês

5 de setembro de 2022 - 15:00

Indicações da corretora do banco tiveram alta de 7,20%, superando o avanço de 6,16% do Ibovespa; todas as demais carteiras do ranking tiveram retorno positivo, porém abaixo do índice

PEQUENAS NOTÁVEIS

Small caps: 3R (RRRP), Locaweb (LWSA3), Vamos (VAMO3) e Burger King (BKBR3) — as opções de investimento do BTG para setembro

1 de setembro de 2022 - 13:50

Banco fez três alterações em sua carteira de small caps em relação ao portfólio de agosto; veja quais são as 10 escolhidas para o mês

PATRIMÔNIO HISTÓRICO

Passando o chapéu: IRB (IRBR3) acerta a venda da própria sede em meio a medidas para se reenquadrar

30 de agosto de 2022 - 11:14

Às vésperas de conhecer o resultado de uma oferta primária por meio da qual pretende levantar R$ 1,2 bilhão, IRB se desfaz de prédio histórico

Exclusivo Seu Dinheiro

Chega de ‘só Petrobras’ (PETR4): fim do monopólio do gás natural beneficia ação que pode subir mais de 50% com a compra de ativos da estatal

30 de agosto de 2022 - 9:00

Conheça a ação que, segundo analista e colunista do Seu Dinheiro, representa uma empresa com histórico de eficiência e futuro promissor; foram 1200% de alta na bolsa em quase 20 anos – e tudo indica que esse é só o começo de um futuro triunfal

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar