Menu
2021-06-11T17:13:51-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Pane no sistema

Novo problema técnico: B3 relata instabilidade que afetou rotinas realizadas após o pregão de ontem (10)

Um mês após cancelar operações não permitidas com ações PN e ON da Modalmais, operadora da bolsa tem novo problema técnico, que afeta fundos e pessoas físicas

11 de junho de 2021
12:52 - atualizado às 17:13
B3
B3 - Imagem: Shutterstock

A B3, operadora da bolsa de valores brasileira, informou que ontem (10) registrou problemas nos sistemas que fazem a integração entre as suas plataformas de Negociação e Clearing.

"O incidente gerou impacto para os participantes do mercado decorrentes de atrasos nos procedimentos de pós-negociação, como são chamadas as rotinas realizadas após o encerramento do horário normal de negociação dos mercados", diz nota da companhia.

O problema pode afetar a atualização de posições de fundos e investidores de pessoas físicas com as negociações realizadas na última quinta-feira.

A gestora Alaska, por exemplo, divulgou um comunicado aos cotistas dizendo que a divulgação de cotas dos fundos geridos pela casa referentes ao dia 10 de junho de 2021 foi impactada, e que o informativo será disponibilizado quando as operações forem normalizadas.

À agência Reuters, o estrategista e sócio na Laic Asset Management, Vitor Carvalho, relatou que até a manhã desta sexta ainda não havia recebido os relatórios de custódia dos fundos da sua gestora.

Já a gestora Vitreo enviou um comunicado aos clientes informando sobre o ocorrido e dizendo que "diversos negócios não estavam sendo registrados corretamente - alguns deles com operações duplicadas e outros sequer estavam sendo registrados - gerando atraso no envio de arquivos e implicando no fechamento de posições, atualizações de movimentos financeiros, problemas com margem (margem indevida), entre outros."

A gestora disse que a B3 informou que o problema foi resolvido ao meio-dia desta sexta, porém a lentidão e o atraso no envio de alguns arquivos permaneceu.

"Estamos avaliando os reflexos do incidente. Não identificamos impacto em nossas atividades, mas alguns gestores com participação em nossos produtos não estão conseguindo fechar as cotas de seus respectivos fundos.

É possível que tenhamos dificuldades na atualização de saldos, assim como atrasos em cotizar os resgates, tanto para fundos Vitreo quanto para fundos de terceiros, além de operações não capturadas e atrasos nos arquivos", completou a Vitreo.

A B3 diz que segue monitorando o incidente e continuará trabalhando nas rotinas de pós-negociação relativas ao pregão de ontem.

Cancelamento de operações no mês passado

Este é o segundo problema técnico relatado pela B3 em pouco mais de um mês. No início de maio, a companhia já havia cancelado negócios realizados com as ações preferenciais (PN) e ordinárias (ON) da Modalmais na estreia dos papéis da plataforma de investimentos na bolsa. O procedimento incomum causou estranhamento em operadores do mercado financeiro.

Apenas no início de junho a negociação destas ações foi liberada, após o término das atividades de estabilização e da homologação do aumento do capital da Modalmais. O desmembramento das units da companhia (MODL11) em papéis PN e ON havia sido liberado erroneamente no início de maio, daí a necessidade do cancelamento das operações com essas ações.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

O melhor do Seu Dinheiro

A rima das commodities, último capítulo da novela da MP da Eletrobras e outros destaques

A história não se repete, mas rima. Se Mark Twain fosse um analista do mercado financeiro, provavelmente seria um grande especialista em ciclos econômicos. Logo no começo da crise da covid-19, quem ousasse falar em investir em commodities ou ações de empresas produtoras de matérias-primas seria taxado de louco. As cotações de todas elas — […]

SINAIS DO BC

COMPARATIVO: Veja o que mudou na ata da reunião do Copom

Veja o que mudou e o que permanece igual na ata da última reunião do Copom — o BC elevou a Selic em 0,75 ponto percentual, para 4,25% ao ano

Outro escorregão

Bitcoin perde os US$ 30 mil, menor patamar desde janeiro; Confira como anda o mercado cripto

Isso motivou a queda das dez principais criptomoedas do mercado, em especial do Dogecoin, que cai quase 25%

Percepção positiva

Abegás defende contratar térmicas e diz que MP da Eletrobras é ‘alavanca’ para mercado de gás

A associação afirma que a MP irá contribuir para geração de renda, com distribuição de royalties e fundo de participação, impulsionando a economia e gerando empregos

Cabo de guerra

Cresce movimento contrário à divisão da Oi Móvel entre Vivo, TIM e Claro

Empresas concorrentes e associações reforçam tese de que o mercado e a infraestrutura de serviços de telecomunicações ficarão com alta concentração

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies