🔴 CHANCE DE MULTIPLICAR O SEU CAPITAL POR 7,5X COM 1 CLIQUE – CONHEÇA A FERRAMENTA

Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Mercados Hoje

Ibovespa recua quase 2% com PEC dos precatórios em foco e economia mais fraca; dólar avança a R$ 5,51

Os dados de atividade ruins se somam aos ruídos que mostram que a PEC dos precatórios pode ficar enroscada até o próximo ano. Com dólar e juros em alta, o Ibovespa aprofunda a queda

Renan SousaJasmine Olga
Renan Sousa, Jasmine Olga
16 de novembro de 2021
10:19 - atualizado às 17:11
Arte mostrando um homem segurando um cartão com uma bandeira do Brasil; no primeiro plano, um gráfico em queda, simbolizando o mau desempenho da bolsa e dos ativos brasileiros nos mercados internacionais, como o EWZ
Ações brasileiras em queda - Imagem: Shutterstock

Os primeiros minutos do dia foram no azul, mas a volta do feriado tem sido amarga para o Ibovespa nesta terça-feira (16). O dia positivo no exterior está longe de refletir a queda firme da bolsa local. O campo político é um fator decisivo para o mau humor ter se firmado no mercado brasileiro, mas não é a única razão. 

A PEC dos precatórios segue em tramitação, agora no Senado, e pode ter vida difícil pela frente. O texto deve ser votado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado até quinta-feira. Depois disso, ainda será preciso aprovar a pauta em dois turnos e o governo ainda tenta mobilizar os votos necessários para que a mudança siga de pé. 

Agora pela manhã, os comentários de alguns senadores mostraram que o cenário pode ser ainda mais difícil. Orivisto Guimarães, do Podemos, disse que o partido deve ser oposição ao texto caso ele permaneça como está. O presidente Jair Bolsonaro e o relator da PEC no Senado, Fernando Bezerra, falam também em reajuste aos servidores caso a PEC seja aprovada. 

A pior na percepção fiscal, que está longe de ser das melhores, voltou a pressionar a curva de juros, a bolsa e o dólar. 

Por volta das 17h10, o Ibovespa operava em queda de 1,82%, aos 104.398 pontos. O dólar à vista acompanha o movimento visto no exterior e sobe 0,68%, a R$ 5,5101. Confira as principais taxas do dia:

  • Janeiro de 2022: de 8,476% para 8,51%
  • Janeiro de 2023: de 11,955% para 12,10%
  • Janeiro de 2025: de 11,68% para 11,92%
  • Janeiro de 2027: de 11,60% para 11,81%

Agenda cheia

Além das questões políticas, os investidores também digerem números que confirmam a desaceleração da economia brasileira. 

Considerado a prévia do PIB do Banco Central, o IBC-Br divulgado pela manhã mostrou uma queda de 0,27%, em linha com o recuo de 0,30% esperado pelos analistas. Os resultados dos últimos meses também foram revisados para baixo, indicando que o saldo final da atividade econômica deve ser negativo no terceiro trimestre. 

Em um mês, a previsão do PIB brasileiro saiu de 5,01% para 4,88%, de acordo com a última edição do Boletim Focus, que traz as perspectivas do mercado para a economia nacional. O ministro da Economia, Paulo Guedes, prevê que o PIB deve crescer cerca de 5,5% este ano, mesmo com a piora da inflação e alta de juros

Por fim, os balanços do dia também movimentam o Ibovespa, com Eletrobras, Gafisa, Ânima e outras empresas divulgando os resultados hoje. Antes da abertura, BR Partners, Ânima Educação e Sinqia mostraram seus dados do terceiro trimestre e as demais companhias devem fazer o mesmo após o fechamento do pregão

E agora, Fed?

Após a divulgação dos dados de vendas do varejo nos Estados Unidos, o dólar voltou a se fortalecer e as apostas para uma elevação de juros já no ano que vem passaram a ganhar mais força, ainda que o Fed siga com o discurso de que só fará isso em 2023.

Em Nova York, as bolsas americanas abriram o dia em alta e ganharam fôlego ao longo da manhã. Além dos dados de atividade, os investidores também repercutem a conversa entre os presidentes dos Estados Unidos, Joe Biden, e Xi Jinping, da China. 

Apesar de nenhuma decisão concreta ter sido tomada pelos chefes das maiores economias do mundo, os dois prometeram estreitar os laços entre as duas potências. 

Sobe e desce do Ibovespa

Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGONOMEVALORVARIAÇÃO
PCAR3GPA ONR$ 24,152,85%
SUZB3Suzano ONR$ 52,792,76%
BRKM5Braskem PNAR$ 49,301,65%
BRFS3BRF ONR$ 23,020,66%
CPLE6Copel PNR$ 6,260,32%

Com a inflação mais alta e projeção de Selic em dois dígitos já nos próximos meses, as empresas de tecnologia e varejo comandam os piores desempenhos da sessão. Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEULTVAR
LWSA3Locaweb ONR$ 17,15-10,21%
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 10,13-9,15%
AMER3Americanas S.AR$ 34,44-7,91%
BPAN4Banco Pan PNR$ 11,97-7,85%
VIIA3Via ONR$ 5,74-7,57%

Compartilhe

Engordando os proventos

Caixa Seguridade (CXSE3) pode pagar mais R$ 230 milhões em dividendos após venda de subsidiárias, diz BofA

14 de setembro de 2022 - 13:22

Analistas acreditam que recursos advindos do desinvestimento serão destinados aos acionistas; companhia tem pelo menos mais duas vendas de participações à vista

OPA a preço atrativo

Gradiente (IGBR3) chega a disparar 47%, mas os acionistas têm um dilema: fechar o capital ou crer na vitória contra a Apple?

12 de setembro de 2022 - 13:09

O controlador da IGB/Gradiente (IGBR3) quer fazer uma OPA para fechar o capital da empresa. Entenda o que está em jogo na operação

novo rei?

O Mubadala quer mesmo ser o novo rei do Burger King; fundo surpreende mercado e aumenta oferta pela Zamp (BKBR3)

12 de setembro de 2022 - 11:12

Valor oferecido pelo fundo aumentou de R$ 7,55 para R$ 8,31 por ação da Zamp (BKBR3) — mercado não acreditava em oferta maior

Exclusivo Seu Dinheiro

Magalu (MGLU3) cotação: ação está no fundo do poço ou ainda é possível cair mais? 5 pontos definem o futuro da ação

10 de setembro de 2022 - 10:00

Papel já alcançou máxima de R$ 27 há cerca de dois anos, mas hoje é negociado perto dos R$ 4. Hoje, existem apenas 5 fatores que você deve olhar para ver se a ação está em ponto de compra ou venda

NOVO ACIONISTA

Com olhos no mercado de saúde animal, Mitsui paga R$ 344 milhões por fatias do BNDES e Opportunity na Ourofino (OFSA3)

9 de setembro de 2022 - 11:01

Após a conclusão, participação da companhia japonesa na Ourofino (OFSA3) será de 29,4%

Estreia na bolsa

Quer ter um Porsche novinho? Pois então aperte os cintos: a Volkswagen quer fazer o IPO da montadora de carros esportivos

6 de setembro de 2022 - 11:38

Abertura de capital da Porsche deve acontecer entre o fim de setembro e início de outubro; alguns investidores já demonstraram interesse no ativo

Bateu o mercado

BTG Pactual tem a melhor carteira recomendada de ações em agosto e foi a única entre as grandes corretoras a bater o Ibovespa no mês

5 de setembro de 2022 - 15:00

Indicações da corretora do banco tiveram alta de 7,20%, superando o avanço de 6,16% do Ibovespa; todas as demais carteiras do ranking tiveram retorno positivo, porém abaixo do índice

PEQUENAS NOTÁVEIS

Small caps: 3R (RRRP), Locaweb (LWSA3), Vamos (VAMO3) e Burger King (BKBR3) — as opções de investimento do BTG para setembro

1 de setembro de 2022 - 13:50

Banco fez três alterações em sua carteira de small caps em relação ao portfólio de agosto; veja quais são as 10 escolhidas para o mês

PATRIMÔNIO HISTÓRICO

Passando o chapéu: IRB (IRBR3) acerta a venda da própria sede em meio a medidas para se reenquadrar

30 de agosto de 2022 - 11:14

Às vésperas de conhecer o resultado de uma oferta primária por meio da qual pretende levantar R$ 1,2 bilhão, IRB se desfaz de prédio histórico

Exclusivo Seu Dinheiro

Chega de ‘só Petrobras’ (PETR4): fim do monopólio do gás natural beneficia ação que pode subir mais de 50% com a compra de ativos da estatal

30 de agosto de 2022 - 9:00

Conheça a ação que, segundo analista e colunista do Seu Dinheiro, representa uma empresa com histórico de eficiência e futuro promissor; foram 1200% de alta na bolsa em quase 20 anos – e tudo indica que esse é só o começo de um futuro triunfal

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar