Menu
2020-08-07T07:27:12-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
intervenção

Trump assina ordens que podem banir aplicativos TikTok e WeChat

Donas dos aplicativos chineses teriam de vender o controle da ferramenta no país em até 45 dias para uma empresa americana

7 de agosto de 2020
7:26 - atualizado às 7:27
Donald Trump
Imagem: Shutterstock

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou nesta quinta-feira (6) duas ordens executivas para banir os aplicativos TikTok e WeChat, ambos da China, em até 45 dias.

Para não serem banidos do país, os apps chineses teriam de ser vendidos para empresas americanas. As ordens do governo dizem que os aplicativos capturam automaticamente "vastas faixas de informações" de seus usuários.

O WeChat é um concorrente do WhatsApp - o dono é a chinesa Tencent. Já o proprietário do TikTok, app de vídeos curtos, é a startup ByteDance. O TikTok virou febre nos últimos anos principalmente entre adolescentes - e tem mantido a popularidade durante a quarentena.

O governo dos EUA já ameaçou o TikTok algumas vezes e escalou o tom contra a dona do aplicativo nos últimos dias. A imprensa americana chegou a relatar que a ByteDance estaria em conversas com a Microsoft para se desfazer do controle do app no país.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Após vacinação e apoio fiscal

Economia dos EUA está “em ponto de inflexão” positivo, diz Powell, do Fed

Economia norte-americana está prestes a começar a crescer muito mais rapidamente, afirmou presidente do banco central norte-americano em entrevista

nos estados unidos

Remuneração de CEOs cresceu em meio à pandemia

Recuperação do mercado de ações impulsionou ganhos de executivos em 2020, que tiveram remuneração média de US$ 13,7 mi no período

Após estremecimentos

China quer parceria estratégia com Brasil, diz chanceler asiático

Chanceler chinês, Wang Yi, falou com o novo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Carlos Alberto Franco França.

entrevista

Bittar reafirma que Guedes sabia de acordo para destinar verba a emendas

Apontado como um dos artífices da “maquiagem” no Orçamento, o senador Marcio Bittar diz que não chegou sozinho ao valor de R$ 29 bilhões em emendas

Apesar da pandemia

Saúde perde espaço em emendas parlamentares

Números mostram estratégia dos parlamentares para destinar recursos para obras e projetos de interesse eleitoral em seus redutos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies