🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView

GetNet dispara e sobe mais de 20%, Elon Musk finaliza venda de ações da Tesla e problemas fiscais apagam brilho de Wall Street; confira os principais destaques do dia

22 de dezembro de 2021
20:08
Homem segura maquininha da GetNet (GETT11)
Imagem: Divulgação

As luzes no Congresso Nacional começam a se apagar e os parlamentares se preparam para o recesso de final de ano. Depois de diversos atrasos e muita polêmica, o Orçamento de 2022 está finalmente aprovado, quase que no limite do tempo hábil, mas o saldo está longe de agradar. 

Os reajustes aos servidores e um fundo eleitoral inflado deixam um gosto amargo na boca do mercado. Um sinal de que o cenário fiscal brasileiro deve seguir complicado e longe do ideal. 

Enquanto as bolsas americanas subiram cerca de 1% após dados mais animadores da economia, com o PIB e a inflação vindo melhores que o esperado, o Ibovespa patinou mais uma vez, na contramão do exterior — uma tônica do que foi 2021. Além disso, o clima pré-festas minou mais uma vez a liquidez da B3, atrapalhando os negócios. 

O Ibovespa encerrou a quarta-feira em queda de 0,24%, aos 105.244 pontos, longe da mínima do dia após um empurrãozinho de Nova York . O mercado de juros também repercutiu o cenário e voltou a operar em alta. O dólar à vista, no entanto, acompanhou o movimento de desvalorização global da moeda americana e encerrou o dia em queda de 1,24%, a R$ 5,6677, voltando a ficar abaixo de R$ 5,70. 

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta quarta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho do Ibovespa.

Remuneração ao acionista

GetNet (GETT11) dispara com proventos generosos e dividend yield de mais de 7% — e ainda dá tempo de receber. Os juros sobre o capital próprio (JCP) da GetNet (GETT11) chegam a R$ 253 milhões líquidos — um montante que chama a atenção, dado o preço dos ativos na bolsa.

Acabou chorare?

Diante de fatura bilionária, Elon Musk afirma ter cumprido meta de vender cerca de 10% de sua participação na Tesla. Ao mesmo tempo em que vendeu 13,5 milhões de TSLA, porém, Musk exerceu opção de compra por mais 16,4 milhões de opções.

Anticripto

“Será uma explosão como nunca vimos antes”, afirma ex-presidente Donald Trump sobre os perigos das criptomoedas. Em agosto deste ano, Trump já havia declarado que ativos digitais são um “desastre esperando para acontecer”, e chamou o bitcoin (BTC) de “esquema”.

Criptomoedas hoje

Bitcoin (BTC) patina nos US$ 49 mil, mas Terra (LUNA) tem alta de mais de 50% na semana; Avalanche (AVAX) também é destaque. Sem maiores notícias negativas, os investidores tentaram impulsionar o preço da maior moeda digital do mundo.

Exile on Wall Street

Adeus, ano velho e Happy New Year: porque você deveria investir no exterior em 2022. Confira a análise de Enzo Pacheco, analista da Empiricus, sobre as estratégias para alocação de carteira no ano que vem.

Compartilhe

Engordando os proventos

Caixa Seguridade (CXSE3) pode pagar mais R$ 230 milhões em dividendos após venda de subsidiárias, diz BofA

14 de setembro de 2022 - 13:22

Analistas acreditam que recursos advindos do desinvestimento serão destinados aos acionistas; companhia tem pelo menos mais duas vendas de participações à vista

OPA a preço atrativo

Gradiente (IGBR3) chega a disparar 47%, mas os acionistas têm um dilema: fechar o capital ou crer na vitória contra a Apple?

12 de setembro de 2022 - 13:09

O controlador da IGB/Gradiente (IGBR3) quer fazer uma OPA para fechar o capital da empresa. Entenda o que está em jogo na operação

novo rei?

O Mubadala quer mesmo ser o novo rei do Burger King; fundo surpreende mercado e aumenta oferta pela Zamp (BKBR3)

12 de setembro de 2022 - 11:12

Valor oferecido pelo fundo aumentou de R$ 7,55 para R$ 8,31 por ação da Zamp (BKBR3) — mercado não acreditava em oferta maior

Exclusivo Seu Dinheiro

Magalu (MGLU3) cotação: ação está no fundo do poço ou ainda é possível cair mais? 5 pontos definem o futuro da ação

10 de setembro de 2022 - 10:00

Papel já alcançou máxima de R$ 27 há cerca de dois anos, mas hoje é negociado perto dos R$ 4. Hoje, existem apenas 5 fatores que você deve olhar para ver se a ação está em ponto de compra ou venda

NOVO ACIONISTA

Com olhos no mercado de saúde animal, Mitsui paga R$ 344 milhões por fatias do BNDES e Opportunity na Ourofino (OFSA3)

9 de setembro de 2022 - 11:01

Após a conclusão, participação da companhia japonesa na Ourofino (OFSA3) será de 29,4%

Estreia na bolsa

Quer ter um Porsche novinho? Pois então aperte os cintos: a Volkswagen quer fazer o IPO da montadora de carros esportivos

6 de setembro de 2022 - 11:38

Abertura de capital da Porsche deve acontecer entre o fim de setembro e início de outubro; alguns investidores já demonstraram interesse no ativo

Bateu o mercado

BTG Pactual tem a melhor carteira recomendada de ações em agosto e foi a única entre as grandes corretoras a bater o Ibovespa no mês

5 de setembro de 2022 - 15:00

Indicações da corretora do banco tiveram alta de 7,20%, superando o avanço de 6,16% do Ibovespa; todas as demais carteiras do ranking tiveram retorno positivo, porém abaixo do índice

PEQUENAS NOTÁVEIS

Small caps: 3R (RRRP), Locaweb (LWSA3), Vamos (VAMO3) e Burger King (BKBR3) — as opções de investimento do BTG para setembro

1 de setembro de 2022 - 13:50

Banco fez três alterações em sua carteira de small caps em relação ao portfólio de agosto; veja quais são as 10 escolhidas para o mês

PATRIMÔNIO HISTÓRICO

Passando o chapéu: IRB (IRBR3) acerta a venda da própria sede em meio a medidas para se reenquadrar

30 de agosto de 2022 - 11:14

Às vésperas de conhecer o resultado de uma oferta primária por meio da qual pretende levantar R$ 1,2 bilhão, IRB se desfaz de prédio histórico

Exclusivo Seu Dinheiro

Chega de ‘só Petrobras’ (PETR4): fim do monopólio do gás natural beneficia ação que pode subir mais de 50% com a compra de ativos da estatal

30 de agosto de 2022 - 9:00

Conheça a ação que, segundo analista e colunista do Seu Dinheiro, representa uma empresa com histórico de eficiência e futuro promissor; foram 1200% de alta na bolsa em quase 20 anos – e tudo indica que esse é só o começo de um futuro triunfal

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies