Menu
2020-10-26T18:36:50-03:00
Estadão Conteúdo
Precavidos

Toyota prevê mercado 25% maior em 2021, mas diz ter até ‘Plano X’

“Temos reunião com fornecedores toda semana e estamos caminhando com nosso plano”, afirmou o presidente da Toyota no Brasil.

26 de outubro de 2020
18:36
Toyota
Imagem: Shutterstock

O presidente da Toyota no Brasil, Rafael Chang, traçou nesta segunda-feira, 26, um cenário de crescimento de dois dígitos do mercado de veículos novos no ano que vem, mas disse que a montadora se prepara com planos "A, B e até X" para dar respostas rápidas caso as previsões otimistas não sejam confirmadas.

Leia também:

"Temos plano A, B, C e até X a depender das variáveis econômicas e de como a covid vai evoluir nos próximos meses", comentou o executivo ao participar de congresso virtual promovido pela Autodata.

A Toyota trabalha com previsão de vendas da indústria, incluindo as demais montadoras, da ordem de 2,5 milhões de veículos em 2021, 25% a mais do que o mercado previsto para este ano, de aproximadamente 2 milhões de unidades. A projeção tem como base o ritmo atual de vendas.

Num momento em que a indústria automotiva aponta reajustes pesados de insumos como o aço, que não teriam sido completamente repassados ao preço final dos automóveis, Chang afirmou que sua montadora vai buscar no ano que vem maior equilíbrio entre volume e rentabilidade.

Segundo ele, o pior momento de fluxo de caixa na indústria de autopeças, sobretudo da base da cadeia de suprimentos, já passou, e a Toyota não vem passando pelo problema de falta de insumos apontado por diversas indústrias, inclusive no segmento de veículos comerciais do setor automotivo. "Temos reunião com fornecedores toda semana e estamos caminhando com nosso plano", afirmou Chang.

O câmbio alto, por outro lado, segue sendo um grande desafio, sendo que a forma pela qual a montadora japonesa tem lidado com a situação tem sido elevar o porcentual de componentes nacionais dos carros produzidos no Brasil, ao mesmo tempo em que trabalha para aumentar as exportações. "É a única receita para administrar o impacto cambial na nossa operação", comentou o presidente da Toyota.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Proventos

Banco do Brasil anuncia pagamento de R$ 416 milhões em Juros sobre Capital Próprio (JCP)

Terão direito ao provento os investidores com posição acionária na empresa no dia 11 de março

o melhor do seu dinheiro

Brandão balança mais não cai?

Chegamos ao fim de mais uma semana tensa nos mercados, que começou com a derrocada das ações da Petrobras, em razão da interferência do governo na presidência da estatal, e termina com pressões na bolsa e no dólar motivadas pelas preocupações dos investidores com a inflação nos Estados Unidos e alta nas taxas dos títulos […]

URGENTE

Hapvida e NotreDame chegam a um acordo sobre fusão, afirma site

A maior combinação entre duas empresas brasileiras criará uma gigante do setor de saúde, com um valor de R$ 110 bilhões.

fechamento da semana

Tensão em Brasília leva Ibovespa de volta aos 110 mil pontos e afunda estatais; dólar vai a R$ 5,60

Em semana marcada pela tensão entre governo e mercado, o Ibovespa recuou 7,09%, de volta aos 110 mil pontos. O dólar disparou acima dos R$ 5,60

Abandonando o barco?

Ações do Banco do Brasil recuam quase 5% com possibilidade de saída de André Brandão

Brandão tem mostrado insatisfação com o cargo e quer deixar o comando da estatal, segundo jornal; BB nega que presidente tenha renunciado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies