Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-10-26T18:36:50-03:00
Estadão Conteúdo
Precavidos

Toyota prevê mercado 25% maior em 2021, mas diz ter até ‘Plano X’

“Temos reunião com fornecedores toda semana e estamos caminhando com nosso plano”, afirmou o presidente da Toyota no Brasil.

26 de outubro de 2020
18:36
Toyota
Imagem: Shutterstock

O presidente da Toyota no Brasil, Rafael Chang, traçou nesta segunda-feira, 26, um cenário de crescimento de dois dígitos do mercado de veículos novos no ano que vem, mas disse que a montadora se prepara com planos "A, B e até X" para dar respostas rápidas caso as previsões otimistas não sejam confirmadas.

Leia também:

"Temos plano A, B, C e até X a depender das variáveis econômicas e de como a covid vai evoluir nos próximos meses", comentou o executivo ao participar de congresso virtual promovido pela Autodata.

A Toyota trabalha com previsão de vendas da indústria, incluindo as demais montadoras, da ordem de 2,5 milhões de veículos em 2021, 25% a mais do que o mercado previsto para este ano, de aproximadamente 2 milhões de unidades. A projeção tem como base o ritmo atual de vendas.

Num momento em que a indústria automotiva aponta reajustes pesados de insumos como o aço, que não teriam sido completamente repassados ao preço final dos automóveis, Chang afirmou que sua montadora vai buscar no ano que vem maior equilíbrio entre volume e rentabilidade.

Segundo ele, o pior momento de fluxo de caixa na indústria de autopeças, sobretudo da base da cadeia de suprimentos, já passou, e a Toyota não vem passando pelo problema de falta de insumos apontado por diversas indústrias, inclusive no segmento de veículos comerciais do setor automotivo. "Temos reunião com fornecedores toda semana e estamos caminhando com nosso plano", afirmou Chang.

O câmbio alto, por outro lado, segue sendo um grande desafio, sendo que a forma pela qual a montadora japonesa tem lidado com a situação tem sido elevar o porcentual de componentes nacionais dos carros produzidos no Brasil, ao mesmo tempo em que trabalha para aumentar as exportações. "É a única receita para administrar o impacto cambial na nossa operação", comentou o presidente da Toyota.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

PROMESSA DESCUMPRIDA

Reforma administrativa não sai antes das eleições, admite relator da proposta na Câmara

O deputado Arthur Maia afirmou que faltou empenho do executivo para garantir que o texto fosse aprovado no Congresso

FOGUETE SEM FREIO

Boeing tropeça e SpaceX, de Elon Musk, garante mais três viagens tripuladas com a Nasa

O plano original era alternar missões com as duas empresas, mas o Starliner, foguete da Boeing, deve ficar impedido de voar até 2023

ALÍVIO NO BOLSO

Sem dizer quanto, Bolsonaro promete que Petrobras (PETR4) anunciará redução no preço dos combustíveis nesta semana

O presidente, que é um dos críticos mais ferrenhos da política de preços da estatal, afirmou que a queda deve seguir por algumas semanas

INVESTIDORES ATENTOS

4 fatos que mexem com o Ibovespa na próxima semana — incluindo Copom e IPO do Nubank

O principal índice acionário brasileiro terá um calendário cheio de eventos e dados econômicos para digerir ao longo dos próximos dias

Alívio no Orçamento

Com receita acima do esperado, Economia reduz estimativa de rombo nas contas públicas em 2022

Considerando todo o setor público, o que inclui Estados e Municípios, as novas projeções da pasta preveem até mesmo um saldo positivo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies