🔴 NOVA META: RENDA EXTRA DE ATÉ R$ 2.000,00 POR DIA – VEJA COMO

Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Dinheiro na conta

Ser Educacional opta por receber multa da Ânima em vez de ativos da Laureate

Companhia escolheu receber R$ 180 milhões em dinheiro em vez de exercer opções de compra de duas instituições de ensino, mas ainda poderá exercê-las daqui a dois meses

Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
4 de novembro de 2020
10:25
sala de aula
Imagem: Shutterstock

A Ser Educacional anunciou que exerceu seu direito de receber, da Ânima, a multa no valor de R$ 180 milhões em dinheiro, relativa ao fim do seu acordo com a Laureate para adquirir os ativos da empresa americana no Brasil, em vez de receber o direito à propriedade futura das sociedades mantenedoras de duas das instituições de ensino do grupo estrangeiro neste momento.

Em acordo firmado com a Ânima Educação, que acabou levando os ativos da Laureate no Brasil por R$ 4,4 bilhões, a Ser havia aceitado escolher entre receber a multa em dinheiro ou o controle das mantenedoras da Faculdade Internacional da Paraíba (FPB) e do Centro Universitário dos Guararapes (UNIFG).

A Ser tinha até esta quarta-feira (04) para decidir, e acabou optando pela multa em dinheiro ("Pagamento Rescisório pelo Go Shop"), conforme Fato Relevante divulgado ao mercado.

Mas isso não quer dizer que a Ser ainda não possa ficar com o controle das duas instituições de ensino da Laureate. Segundo o documento, a companhia se reservou o direito de exercer sua opção de compra sobre as cotas das duas sociedades mantenedoras pelo mesmo valor de R$ 180 milhões, a qual pode ser exercida no prazo de 60 dias contados a partir de 29 de outubro de 2020, prorrogável por no máximo 15 dias, por solicitação de qualquer das partes.

Além disso, a Ser permanece como detentora de opções de compra, com o mesmo prazo de exercício, sobre as sociedades mantenedoras de outras três instituições de ensino da Laureate: Centro Universitário Ritter dos Reis (UniRitter), Centro Universitário FADERGS e Centro Universitário Hermínio da Silveira.

A Ser Educacional e a Ânima quase entraram numa disputa judicial pelos ativos da Laureate no Brasil, depois que a Ser fez uma proposta para a Laureate, que exerceu seu direito de receber outras propostas. A americana acabou optando pela proposta da Ânima, o que foi questionado pela Ser, mas as duas companhias acabaram selando acordo para dividir os ativos.

Compartilhe

EM LIBERDADE

Entenda por que o ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, e os pastores foram soltos por ordem de desembargador

23 de junho de 2022 - 16:15

Enquanto isso, o Senado consegue o número mínimo de assinaturas para a abertura de uma CPI sobre o caso; confira os próximos passos que devem ser tomados

MANDADO DA PF

Entenda por que o ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, foi preso — e saiba quem são os pastores envolvidos no caso

22 de junho de 2022 - 12:43

A operação conduzida pela Polícia Federal investiga a responsabilidade do ex-ministro no caso do gabinete paralelo do MEC e também tem como alvos os pastores Gilmar dos Santos e Arilton Moura

NA SAÚDE E NA DOENÇA

Parceria bilionária entre Dasa (DASA3) e Inspirali, da Ânima (ANIM3), sai do papel com foco em formação médica; confira detalhes do projeto

18 de maio de 2022 - 13:40

Iniciativa deve beneficiar os mais de 10 mil estudantes de Medicina da Inspirali assim como os médicos que fazem parte das mais de 900 unidades de medicina diagnóstica e hospitais da Dasa

DESTAQUES DO PREGÃO

Cogna (COGN3) dispara quase 20% após balanço surpreendente e puxa o setor de educação para o alto; Yduqs (YDUQ3) sobe 9,41%

25 de março de 2022 - 14:51

O prejuízo ajustado da Cogna (COGN3) caiu 87,3% no trimestre, para R$ 74,9 milhões; sem ajuste, a empresa teve lucro de R$ 65 milhões

NA FILA DA APROVAÇÃO

Será que a Cogna (COGN3) passou de ano? Goldman Sachs corta preço-alvo e agora vê potencial de alta de 11% para ação; confira as novas estimativas

31 de janeiro de 2022 - 14:06

Empresa do setor de educação vem sofrendo com a redução dos recursos do Fies e com o efeito da pandemia sobre seu público-alvo, o que leva a uma baixa anual acumulada de quase 50% dos seus papéis

DESFIBRILANDO VALOR

Aporte de R$ 1 bilhão destrava valor na Ânima; ação dispara quase 30% na B3, e XP recomenda compra

30 de novembro de 2021 - 12:39

Para analistas, aporte bilionário condicionado a reorganização societária deve destravar valor e diminuir alavancagem da instituição de ensino

Ações para ficar de olho

Cogna (COGN3), Yduqs (YDUQ3), Ser (SEER3) ou Ânima (ANIM3)? Qual a melhor ação para a sua carteira passar de ano?

2 de outubro de 2021 - 7:49

O setor de educação foi afetado pela Covid. Veja algumas ideias de investimento em Cogna (COGN3), Yduqs (YDUQ3), Ser (SEER3) e Ânima (ANIM3)

Cardápio de balanços

Reta final com IRB, Yduqs, Cruzeiro do Sul, Cemig e Gafisa – Os resultados que podem mexer com o mercado nesta terça

17 de agosto de 2021 - 7:55

Empresas que deixaram para apresentar seus números do segundo trimestre no último dia do prazo ficam no radar dos investidores

Mais uma prova

Vai animar o mercado? Ânima Educação (ANIM3) consegue melhorar resultados financeiros e operacionais no segundo trimestre

16 de agosto de 2021 - 7:23

Lucro, Ebitda e base de alunos cresceram na comparação com o ano passado, enquanto a proporção de desistências nos cursos de graduação recuou

Sem empolgação

Melhora muito aguardada: Cogna (COGN3) sobe com trimestre melhor que o esperado, mas futuro ainda inspira cautela

13 de agosto de 2021 - 14:37

Empresa diminuiu bastante seu prejuízo, mas analistas preferem esperar um ponto de inflexão mais claro na geração de caixa livre

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar