⚽️ Brasil e Portugal jogam para se evitar nas oitavas-de-final; veja os jogos de hoje na Copa do Mundo

Cotações por TradingView
2021-03-22T17:54:13-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
presencial em destaque

Novata na bolsa, Cruzeiro do Sul Educacional deve usar crise para crescer via aquisições

Avaliação é de que o momento macroeconômico, em que grupos educacionais pequenos passam por dificuldades, seria uma janela para a companhia continuar o plano de avançar sobre o segmento de educação presencial

22 de março de 2021
16:24 - atualizado às 17:54
cruzeiro_unidade_paulista-b-1
Cruzeiro do Sul, Campus Paulista - Imagem: Divulgação / Cruzeiro do Sul

A Cruzeiro do Sul Educacional (CSED3), que estreou na bolsa em fevereiro passado, deve aproveitar a crise desencadeada pela covid-19 para crescer via aquisições, segundo analistas do BTG Pactual e do Bank of America (BofA).

A avaliação é de que o momento macroeconômico, em que grupos educacionais pequenos passam por dificuldades, seria uma janela para a companhia continuar o plano de avançar sobre o segmento de educação presencial.

A Cruzeiro do Sul levantou R$ 1,2 bilhão na oferta inicial de ações (IPO), coordenada por BTG, Bradesco BBI, BofA, Morgan Stanley e Santander. O grupo comprou 11 empresas nos últimos 10 anos — mantendo, na avaliação do mercado, a qualidade de ensino das faculdades adquiridas.

Para o BTG, "décadas de tomada de decisão consistente" por parte do grupo, "priorizando qualidade e tradição", resultaram em uma taxa composta de crescimento anual do Ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de 25% entre 2014 e 2019.

O desempenho da Cruzeiro do Sul no ensino a distância também é bem avaliado por Samuel Alves e Yan Cesquim, que assinam o primeiro relatório do banco sobre o grupo.

O segmento pode levar a companhia a ter uma taxa média de avanço do Ebitda de 15% até 2025, podendo chegar a um valuation de 8,5 vezes a relação entre valor da firma (enterprise value - EV) e Ebitda ajustado projetado para 2021.

Para o banco, os papéis da empresa (CSED3), teriam potencial de alta de 53% em 12 meses, chegando a R$ 18, ante R$ 11,71 do preço de fechamento de sexta passada.

O BofA é até mais otimista, falando em preço-alvo de R$ 21 em relatório. O banco, que também está inaugurando a cobertura das ações do grupo, segue a linha de raciocínio do BTG.

Para os analistas Roberto Otero e Pedro Mariani, a companhia tem sido impactada na bolsa por conta do desempenho geral do setor de educação — os papéis da Cruzeiro do Sul caíram 15% desde o IPO.

No entanto, contaria a favor da companhia o fato de ser pouco dependente do Fies (Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior), cujo encolhimento afetou profundamente o setor.

"A Cruzeiro do Sul teve a capacidade de ajustar preços bem acima de seus pares, devido ao seu posicionamento, e de manter níveis de conversão de fluxo de caixa mais saudáveis, uma vez que os recebíveis foram mantidos sob controle ao longo do tempo", dizem os analistas do BofA.

Fundada em 1965 em São Miguel Paulista, a Cruzeiro do Sul diz ser o quarto maior grupo de ensino do país. O grupo é dono da Unicid, UDF Centro Universitário, Universidade Positivo, entre outras empresas de educação.

A companhia tem uma média anual de 330 mil alunos, 25 campi e 1,1 mil polos de educação a distância. No período de nove meses encerrado em setembro, teve receita líquida de R$ 1,331 bilhão, em uma alta anual de 20,0%, mas com prejuízo líquido de R$ 78,372 milhões.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

E AGORA, FED?

Vai se criando um clima terrível! Alegria dura pouco e Wall Street desaba após dado de emprego forte; entenda o que está em jogo

2 de dezembro de 2022 - 13:34

O presidente do Fed, Jerome Powell, animou os mercados na quarta-feira (30) ao reafirmar o compromisso com um ritmo mais brando de elevação da taxa básica, mas o payroll de hoje colocou de volta em campo a chance de outro aperto mais agressivo

SEMANA EM CRIPTO

Após vaivém, bitcoin (BTC) termina semana em leve alta e volatilidade domina os últimos dias; criptomoedas devem oscilar ainda mais na próxima semana

2 de dezembro de 2022 - 13:26

Entre os destaques da semana estão a aprovação da lei de criptomoedas no Brasil e o pedido de falência da BlockFi

NA TERRA DO TIO SAM

Só o filé: JBS (JBSS3) compra empresa norte-americana TriOak Foods e amplia presença nos EUA; ações disparam na B3

2 de dezembro de 2022 - 12:38

Compradora exclusiva dos suínos da produtora desde 2017, a aquisição fortalece a capacidade da JBS de fornecer produtos suínos de alta qualidade aos consumidores dos EUA

DE OLHO NAS REDES

Elon Musk quer curar a cegueira e fazer tetraplégicos andarem com um chip cerebral: testes em humanos já têm prazo — e o próprio bilionário deve ser a cobaia

2 de dezembro de 2022 - 11:14

O bilionário deu prazo de seis meses para os testes em humanos de seu chip cerebral começarem

COISA DE CINEMA

O crime perfeito: ataque hacker em criptomoedas leva a roubo de US$ 5 milhões, faz token ‘desaparecer’ e Binance a suspender negociações

2 de dezembro de 2022 - 10:52

Uma falha no protocolo Ankr (ANKR) permitiu a “emissão infinita” de tokens e fez uma criptomoeda da rede Binance Smart Chain despencar a quase zero

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies