Menu
2020-10-28T17:46:27-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
Cursando jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Disputa parece longe do fim

Ser Educacional não desiste e recorre de decisão que invalida acordo com Laureate

A companhia afirma se manter certa de seus direitos e diz que tomará todas as medidas cabíves para manter o acordo inicial válido

28 de outubro de 2020
10:07 - atualizado às 17:46
Ser educacional e Laureate
Imagem: Montagem Andrei Morais/ Seu Dinheiro

Se depender da Ser Educacional, a briga pelos ativos da Laureate Brasil está longe de um fim.

Em fato relevante divulgado nesta quarta-feira (28), a companhia informou que a decisão liminar de primeira instância que mantinha o acordo inicial entre a Ser e a Laureate válido, obtida no último dia 21, foi revogada. No entanto, a companhia pediu a instauração de um procedimento arbitral para apurar a questão, já que acredita na validade dos termos iniciais do acordo.

No documento, a companhia afirma que se mantém "certa de seus direitos e tomará todas as medidas cabíveis para garantir o efetivo cumprimento" do acordo firmado entre as duas companhias.

Entenda o caso

Em setembro, a Ser Educacional anunciou a aquisição dos ativos do grupo Laureate no Brasil. A proposta, avaliada em cerca de R$ 3,8 bilhões, envolvia a troca de ações e parte de pagamento em dinheiro. O acordo previa que a Laureate poderia receber novas propostas até o dia 13 de outubro.

No último dia 21, a Laureate anunciou que rescindiria o acordo com a Ser e aceitaria a proposta da Ânima, que ofereceu cerca de R$ 500 milhões a mais.

Porém, para a Ser Educacional, houve divergências no cumprimento do exercício de direito da Laureate em procurar outras propostas e, por conta disso, entrou com um pedido de tutela cautelar na Justiça para manter o acordo de compra dos ativos.

Segundo o Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, a Ser afirmou que a proposta feita pela Ânima não cumpria exigências postas em contrato, incluindo a declaração das fontes dos recursos utilizados para financiar a transação. A decisão inicial foi favóravel à empresa brasileira e o acordo seguiu valendo.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Retrospectiva da semana

Coquetel anticrise: vacina e dinheiro na veia

Na onda das boas notícias, Ibovespa fechou a sexta-feira, 4, perto das máximas

Pandemia

Covid-19: Bolsonaro diz que governo não terá como socorrer os necessitados se ‘fechar tudo de novo’

Presidente avalia que o país não tem mais condições de se endividar

de olho na agenda

Congresso sacramenta decisão de levar Orçamento para plenário e abre prazo para emendas

Cúpula do Legislativo tenta afastar o “fantasma” do shutdown; Se a LDO não for aprovada ainda neste ano, o governo fica sem autorização para realizar despesas básicas em janeiro, como salários e aposentadorias

em brasília

Mourão diz que parte dos assessores de Bolsonaro distorce fatos

Vice-presidente afirmou nesta sexta-feira que existe “certa incompreensão” no seu relacionamento com o chefe do Executivo

seu dinheiro na sua noite

Free Solo: Ibovespa escala para perto da marca histórica

Com imagens de tirar o fôlego, o extraordinário documentário Free Solo conta a preparação do alpinista Alex Honnold para chegar ao topo do El Capitan, uma parede rochosa com quase 1000 metros de altura. Detalhe: a escalada é feita sem equipamentos de segurança. O filme vencedor do Oscar está disponível no Disney Plus. Mas quem não é […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies