Menu
2020-02-27T15:04:53-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
mudança no bancão

Brasileiro Sergio Rial é indicado para o conselho da matriz do Santander

Rial faz parte do grupo Santander desde 2015 e deve manter o cargo de presidente do banco no Brasil

27 de fevereiro de 2020
15:02 - atualizado às 15:04
Sergio Rial
São Paulo, 13 de Setembro, Retrato de Sérgio Rial, presidente do banco Santander, na sede do Banco em São Paulo, Foto: Murillo Constantino/Quartetto -

O brasileiro Sergio Rial, presidente do Santander Brasil, foi indicado para o conselho de administração global do grupo. Ele vai substituir o espanhol Ignacio Benjumea Cabeza de Vaca.

Segundo a instituição, Rial deve manter o cargo de presidente do bancão no Brasil. O brasileiro também segue responsável pelo projeto Global Trade Services (GTS) — plataforma global de comércio das pequenas e micro empresas.

Com Rial à frente, o Santander Brasil viu seu retorno sobre patrimônio avançar de 14,1% em 2015 para 21,2% — um marco na história da filial que sempre foi a lanterninha entre os grandes bancos no Brasil.

O resultado se reflete nas ações, que acumulam alta da ordem de 166% no período em que ele está à frente do Santander. Os dados financeiros mais recentes do Santander Brasil também revelaram um lucro de R$ 14,5 bilhões em 2019. Com o desempenho, a participação da filial no lucro do grupo avançou de 26% para 28% em um ano.

"Além do seu conhecimento de Brasil e América Latina, Rial aporta uma grande experiência e trajetória internacional em bancos e outros negócios", diz a instituição.

Desde que assumiu o comando da unidade brasileira do Santander, Rial também se notabilizou por atitudes pouco esperadas para um banqueiro: como descer por uma corda de rappel durante a festa de fim de ano da firma e ser jurado no show de talentos entre os funcionários.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Carteira digital

PicPay entra com pedido de IPO na Nasdaq

Aplicativo atingiu recentemente a marca de 50 milhões de usuários, mas crescimento veio acompanhado de um prejuízo de mais de R$ 800 milhões só no ano passado

Mercados hoje

Bolsas sobem em Nova York após dois dias de queda; índice de empresas brasileiras avança apesar do petróleo

Otimismo com retomada da economia norte-americana impulsiona bolsas. A maior surpresa do dia é o Nasdaq, que sobe mesmo com o peso das ações da Netflix

O varejo ferve

Renner mira compra da Dafiti com recursos da oferta de ações

Varejista anunciou captação de até R$ 6,5 bilhões na bolsa e pode usar os recursos para fazer uma proposta pelo e-commerce de moda

Pouso forçado

Demanda por voos deve encerrar o ano em menos da metade do nível pré-pandemia

O prejuízo total das companhias aéreas em 2021 deve ficar entre US$ 47 bilhões e US$ 48 bilhões, de acordo com a ação Internacional de Transporte Aéreo (Iata)

Agora vai?

Governo vai reduzir valor de arrecadação por áreas “micadas” do pré-sal em novo leilão

A arrecadação que o governo pretende receber pela exploração de dois campos do pré-sal foi reduzida em R$ 25,5 bilhões; novo leilão deve acontecer em dezembro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies