Menu
2020-10-19T09:51:52-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
MAIS UMA REVISÃO

Economistas voltam a revisar para cima projeções para inflação em 2020

Relatório Focus mostra que expectativas para IPCA subiram de 2,47% para 2,65%

19 de outubro de 2020
9:25 - atualizado às 9:51
Alta da inflação
Imagem: shutterstock

As expectativas do mercado para a inflação no País subiram pela décima semana consecutiva, com os economistas passando a prever que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechará o ano em 2,65%.

A previsão está na edição mais recente do Relatório Focus, levantamento de projeções feito pelo Banco Central (BC), divulgado nesta segunda-feira (19). Na semana passada, a expectativa é de que a inflação atingisse 2,47%. Há quatro semanas, o mercado projetava alta de 1,99%.

O Focus mostra que, para o ano que vem, os economistas projetam uma inflação de 3,02%, estabilidade ante o projetado anteriormente.

A escalada dos preços no País representa um desafio para as contas públicas, ao criar uma espécie de armadilha para a equipe econômica cumprir o teto de gastos em 2021.

Mas ela também pode ser boa para investidores, dependendo de como estão alocados, e abriu margem para boas oportunidades de investimentos em fundos imobiliários (FIIs)

Ainda que a mediana de estimativas para inflação esteja sendo constantemente revisada para cima, ela ainda está abaixo da meta estabelecida pelo Comitê de Política Monetária do BC, o Copom, de 4%, e também do piso do sistema de metas, de 2,5%, em 2020.

PIB

Os economistas ouvidos pelo BC voltaram a melhorar as projeções para o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro. A mediana das projeções aponta para uma contração de 5% da economia este ano.

Na semana passada, a expectativa era de queda de 5,03%, enquanto há quatro semanas a projeção era de retração de 5,05%. Mas para 2021, a mediana sofreu redução, de crescimento de 3,50% para alta de 3,47%.

Os números mostram que o País está se recuperando dos efeitos da pandemia de covid-19, ainda que em uma velocidade menor que gostaríamos.

Divulgado na quinta-feira (15), o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), utilizado para avaliar ao ritmo da economia ao longo dos meses, apontou que a economia cresceu 1,06% em agosto, na comparação com julho. Este foi o quarto avanço mensal consecutivo.

Câmbio

Pela segunda semana consecutiva, o Relatório Focus mostrou que os economistas do mercado financeiro pioraram as projeções para a taxa de câmbio ao final do ano, em meio a notícias de piora da situação fiscal.

A mediana das expectativas mostra agora que o dólar deve fechar 2020 em R$ 5,35, acima dos R$ 5,30 estimados anteriormente. Há quatro semanas, era esperado R$ 5,25.

O dólar é muito sensível a qualquer informação sobre deterioração das condições políticas e econômicas do Brasil. Toda vez que há preocupação sobre estes temas, os investidores buscam ativos considerados mais seguros, como é o caso da moeda americana e o ouro.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Novo momento

Fertilizantes Heringer registra prejuízo líquido de R$ 7,46 milhões no 1º tri

Empresa teve melhor Ebitda da história para um primeiro trimestre, mas resultado foi impactado por despesas financeiras

na b3

GetNinjas estreia em queda na bolsa, após IPO com ação abaixo do previsto

Empresa levantou R$ 550 milhões na oferta inicial de ações, com desconto de quase 20% do valor do papel em relação ao preço mínimo da faixa

Diversificando

BTG Pactual lança fundo de investimento 100% em bitcoin

O lançamento vem em linha com a diversificação de ativos oferecidos pelo banco

Exile on Wall Street

Um investidor conservador sabe que uma boa ação tem seus defeitos

“Sou reacionário. Minha reação é contra tudo que não presta.” Se o sábado é uma ilusão, a segunda-feira deve ser a mais dura e fria realidade. Começamos a semana com Nelson Rodrigues. O conservador é um cético na capacidade de grandes revoluções oferecerem um futuro não testado que seja superior ao que sobreviveu ao teste […]

Efeito covid

Monitor do PIB aponta queda de 2,1% em março ante fevereiro, diz FGV

Na comparação com março de 2020, a atividade econômica teve avanço de 5,2%, e no primeiro trimestre, a expansão foi de 1,7%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies