Menu
2020-04-23T17:11:28-03:00
Em meio ao covid-19

Concessões de crédito livre da 11ª a 14ª semana de 2020 subiram 61,4% a empresas

No caso das pessoas físicas, a alta foi de 6,5%. Considerando o crédito total (empresas e famílias), a alta foi de 44,1%

23 de abril de 2020
17:11
Banco Central do Brasil
Banco Central do Brasil - Imagem: Shutterstock

O Banco Central informou nesta quinta-feira, 23, que as concessões de crédito a empresas e famílias aumentaram entre a 11ª e a 14ª semana do ano - período compreendido entre o dia 9 de março e o dia 3 de abril. Em meio à pandemia do novo coronavírus, as instituições financeiras registraram aumento de 61,4% nas concessões de crédito para pessoas jurídicas no período, na comparação com o mesmo intervalo do ano passado. No caso das pessoas físicas, a alta foi de 6,5%. Considerando o crédito total (empresas e famílias), a alta foi de 44,1%.

Os dados levam em conta as operações livres - aquelas que não utilizam recursos da caderneta de poupança ou do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Além disso, não entraram na conta as operações com cartão de crédito e cheque especial, as duas modalidades de crédito, de caráter emergencial, bastante acessadas pelos tomadores em momentos de dificuldades.

Conforme o BC, a exclusão dessas duas modalidades do cálculo busca direcionar o foco para as operações não rotativas. Além disso, as informações do cartão à vista, que são a maior parte das concessões do cartão de crédito, são mensais. Não há informação semanal para essa modalidade.

No início desta semana, o BC já havia publicado dados recentes de concessão em sua página na internet. A divulgação ocorre em meio a críticas, vindas do empresariado brasileiro e mesmo do Congresso Nacional, de que os recursos disponibilizados pelo BC para os bancos não estão chegando na ponta final de crédito - ou seja, às empresas e às famílias.

Desde o início da crise, o BC já disponibilizou o equivalente a R$ 1,2 trilhão às instituições financeiras. Setores do empresariado, no entanto, reclamam que o dinheiro está "empoçado" nos bancos. Isso ocorreria porque as instituições, em função da crise, estariam mais seletivas na concessão de empréstimos e financiamentos.

Os dados desta quinta do BC indicam que a concessão de crédito, durante o período de crise, está aumentando. No acumulado das 14 primeiras semanas de 2020, em relação ao mesmo período do ano passado, as concessões subiram 34,0% para as empresas e 13,9% para as pessoas físicas. Considerando o crédito total, o avanço é de 27,4%.

Isoladamente, porém, estes números pouco dizem sobre o atendimento da demanda neste período de crise. Questionado pelo Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) por meio de sua assessoria de imprensa, o BC informou que não possui dados a respeito do comportamento da demanda por crédito neste período de crise.

Na prática, não há dados que permitam estimar até que ponto a alta das concessões está, de fato, atendendo à demanda por crédito de empresas e famílias, neste momento de isolamento social e paralisação de diversas atividades econômicas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

coronavírus no brasil

Brasil passa da marca de 1,5 milhão de casos confirmados de covid-19

Do total de infectados até o momento, 868.372 já se recuperaram

ministro da Economia

Presidente está determinado a seguir em frente com reformas, diz Guedes

Guedes voltou a traçar um prognóstico positivo para a recuperação da atividade econômica após o momento mais dramático dos efeitos da pandemia do novo coronavírus

seu dinheiro na sua noite

Aqui, ali, em qualquer lugar

Os protestos surgiram logo no primeiro dia da quarentena aqui em casa. O André, meu filho mais velho, reclamou de tédio, e não demorou até ganhar a adesão da Helena. A situação se acalmou depois que a escola adotou as aulas virtuais. Mas com as férias a partir desta semana já começo a temer por novas “manifestações”. […]

gigante estatal

Petrobras aguarda autorização da ANP para avançar com diesel vegetal

A Petrobras está em fase final de desenvolvimento da tecnologia que permitirá a produção de óleo diesel de origem vegetal em suas refinarias, afirmou o diretor de Relacionamento Institucional da estatal, Roberto Ardenghy

Semana positiva

Ibovespa sobe mais de 3% na semana e dólar cai a R$ 5,31; dados positivos se sobrepõem à cautela

Indicadores econômicos mais fortes no mundo, somados a novas injeções de recursos pelos BCs e governos, levaram o Ibovespa às máximas em quase um mês e permitiram um alívio no dólar à vista

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements