Menu
2020-09-30T16:35:36-03:00
Estadão Conteúdo
balanço do mês

BC tem perda de R$ 5,7 bi com swap cambial em setembro

Resultado líquido das reservas, que é a rentabilidade menos o custo de captação, ficou positivo em R$ 21,399 bilhões em setembro até o dia 25

30 de setembro de 2020
16:35
dinheiro impostos real
Imagem: Shutterstock

Após prejuízo de R$ 14,319 bilhões com sua posição em swap cambial em agosto, o Banco Central registrou resultado negativo de R$ 5,748 bilhões em setembro até o dia 25 com estes contratos pelo critério caixa.

Pelo conceito de competência, houve perdas de R$ 4,676 bilhões. O resultado pelo critério de competência inclui ganhos e perdas ocorridos no mês, independentemente da data de liquidação financeira. A liquidação financeira desse resultado (caixa) ocorre no dia seguinte, em D+1.

O BC registrou ainda no período ganhos de R$ 25,368 bilhões com a rentabilidade na administração das reservas internacionais. Entram no cálculo ganhos e prejuízos com a correção cambial, a marcação a mercado e os juros.

O resultado líquido das reservas, que é a rentabilidade menos o custo de captação, ficou positivo em R$ 21,399 bilhões em setembro até o dia 25. Já o resultado das operações cambiais no período ficou positivo em R$ 16,723 bilhões.

No acumulado de 2020 até 25 de setembro, o Banco Central registra resultado negativo de R$ 59,922 bilhões com os contratos de swap pelo critério caixa. Pelo conceito de competência, houve perdas de R$ 63,099 bilhões.

O BC obteve ganhos de R$ 636,180 bilhões com a rentabilidade na administração das reservas internacionais no acumulado do ano. Já o resultado líquido das reservas ficou positivo em R$ 571,773 bilhões e o resultado das operações cambiais no período foi positivo em R$ 508,675 bilhões.

O BC sempre destaca que, tanto em relação às operações de swap cambial quanto à administração das reservas internacionais, não visa ao lucro, mas fornecer hegde ao mercado em tempos de volatilidade e manter um colchão de liquidez para momentos de crise.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Mercados hoje

Dólar vai a R$ 5,73 e Ibovespa tem queda de 2% com aversão ao risco no exterior e Copom no radar

O avanço da covid-19 no exterior mina qualquer chance de recuperação dos mercados internacionais. A agenda doméstica cheia também pressiona os negócios

Disputa parece longe do fim

Ser Educacional não desiste e recorre de decisão que invalida acordo com Laureate

A companhia afirma se manter certa de seus direitos e diz que tomará todas as medidas cabíves para manter o acordo inicial válido

ATENÇÃO, ACIONISTA

Petrobras altera política de remuneração para pagar dividendos mesmo em caso de prejuízo

Administração poderá propor o repasse de proventos, mesmo sem a apuração de lucro, caso se verificar redução da dívida líquida nos 12 meses anteriores

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

11 notícias para começar o dia bem informado

Começo esta newsletter sem delongas: fique ligado hoje no Seu Dinheiro, pois será um dia importante para os mercados. Os investidores aguardam com expectativa números que serão conhecidos após o fechamento do pregão. Estou falando da decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) sobre a taxa básica de juros, a Selic, e também dos balanços de […]

esquenta dos mercados

Dia cheio: Coronavírus, eleições, Copom e balanços dão o tom (cauteloso) dos mercados

A agenda pesada e as preocupações com a possibilidade de novos lockdowns pela Europa faz a aversão ao risco predominar nos mercados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies