2020-04-02T16:44:58-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Comprando na crise

Investidor pessoa física entra com R$ 17,5 bilhões na bolsa em março

Quem vendeu a maior parte das ações para as pessoas físicas foram os investidores estrangeiros, cujo saldo na bolsa ficou negativo em R$ 24,2 bilhões em março

2 de abril de 2020
16:38 - atualizado às 16:44
Sede da B3, no centro de São Paulo - Imagem: shutterstock

Em meio ao choque nos mercados provocado pela disseminação da pandemia do coronavírus, os investidores pessoas físicas entraram com R$ 17,5 bilhões na bolsa em março.

Leia também:

O volume representa o saldo entre as compras e vendas de ações no pregão à vista da B3 ao longo do mês passado.

Quem vendeu a maior parte dos papéis para as pessoas físicas foram os investidores estrangeiros, cujo saldo na bolsa ficou negativo em R$ 24,2 bilhões em março. Quem está certo? Citando aqui o profeta do óbvio, “só o tempo dirá”...

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

Também aparecem com saldo positivo na B3 no mês passado os investidores institucionais (R$ 3,9 bilhões); empresas públicas e privadas (R$ 2,4 bilhões), além de instituições financeiras, clubes de investimento e outros, que responderam por R$ 424 milhões em compras.

O movimento das pessoas físicas na bolsa está em linha com o que aconteceu entre os fundos de ações, que acumulavam uma captação líquida de R$ 7,65 bilhões até o último dia 27 de março, de acordo com dados da Anbima.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

A BOLSA HOJE

Esquenta dos mercados: notícia sobre possível baixa eficácia das vacinas contra ômicron derruba mercados, em dia de discurso de Powell e votação dos precatórios

O investidor local ainda permanece de olho nas falas de Roberto Campos Neto e Paulo Guedes em eventos separados hoje

SÓ NO SAPATINHO

Dividendos: Arezzo (ARZZ3) vai distribuir R$ 60 milhões aos acionistas; veja como participar

Serão R$ 33,78 milhões em JCP e R$ 26,22 milhões em dividendos a serem depositados até 31 de janeiro de 2022

INCERTEZAS NO RADAR

CEO da Moderna levanta dúvidas sobre eficácia de vacinas contra a ômicron e provoca reação negativa nos mercados

Stéphane Bancel disse que cientistas consultados por ele esperam ‘queda significativa’ na eficácia dos imunizantes contra a nova cepa

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Os investidores agora viraram virologistas: os impactos da Ômicron sobre os mercados

Ainda não sabemos o bastante para decidir se esta é uma oportunidade de compra, mas parecemos estar mais preparados como sociedade para enfrentar o problema

VAREJO DECEPCIONADO?

Black Friday supera prévias, mas vendas do fim de semana ainda perdem para os números registrados em 2019

Segundo índice calculado pela Cielo, as vendas cresceram 6,9% em relação ao ano passado, mas foram 3,8% inferiores ao período pré-pandemia