Menu
2020-03-09T19:43:49-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Mercados em chamas

Crise na bolsa parece o fim do mundo, mas vai passar, diz gestor da Western Asset

Alguma correção de fato era esperada diante da incerteza sobre os impactos do coronavírus na economia global. Mas o gestor avalia que, nos níveis atuais, o pior cenário já está refletido nos preços das ações

9 de março de 2020
19:43
Bear market: tendência de queda
Bear market: tendência de queda - Imagem: Shutterstock

Todas as crises na bolsa parecem ser o fim do mundo, mas passam. Esse é o caso do pânico provocado pela epidemia do coronavírus e o tombo nos preços do petróleo, na análise de Cesar Mikail, da gestor de renda variável da Western Asset.

A relativa calma de Mikail até me chamou a atenção durante a nossa conversa por telefone em meio à sangria na bolsa nesta segunda-feira. O Ibovespa desabou 12,17% e fechou aos 86.067 pontos – menor nível desde dezembro de 2018.

Alguma correção de fato era esperada diante da incerteza sobre os impactos do coronavírus na economia global. Mas o experiente gestor avalia que, nos níveis atuais, o pior cenário já está refletido nos preços das ações.

Leia também:

Mesmo antes da forte queda de hoje, o gestor da Western já considerava a reação dos mercados à crise provocada pelo coronavírus como exagerada.

“Eu não vejo o Ibovespa abaixo 100 mil pontos no fim deste ano, não trabalhamos aqui com esse cenário” – Cesar Mikail, Western Asset

Para ele, o movimento foi amplificado pelo movimento de fundos que venderam ações para fazer frente a eventuais resgates. Esse não é o caso da Western. “Eu não estou vendendo nesses níveis”, disse.

No curtíssimo prazo, ele avalia que o comportamento do mercado deve continuar imprevisível. “Vamos ter que conviver com a volatilidade por algum tempo.”

Até porque qualquer estimativa sobre os efeitos do coronavírus no PIB neste momento são meros chutes, segundo Mikail. “Estamos sendo arrastados junto com o mundo, ninguém escapou.”

Por isso, o gestor não vê espaço para aproveitar a forte queda das ações para aumentar as posições na bolsa. Mas a Western avalia oportunidades de troca nos portfólios, com a compra de papéis que, na visão dele, caíram exageradamente.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

EM ALTA

Petrobras: Produção média em 2020 deve superar expectativas

Crescimento da produção de petróleo e gás natural acima do esperado não tem resultado em estoques excessivos, diz companhia

Gestão na crise

Com BR Distribuidora, Via Varejo e Vale nos fundos, Opportunity vê bolsa barata se país superar risco fiscal

Ações têm espaço para subir se o governo encontrar uma solução para encaixar o Renda Cidadã no orçamento sem “chutar o balde”, diz Luiz Felipe Constantino, sócio e gestor do Opportunity

Boletim médico

Covid-19: Brasil tem 154 mil mortes e 5,27 milhões de casos acumulados

Atualmente há 397.524 pacientes em acompanhamento. De acordo com o Ministério da Saúde, 4.721.593 pessoas já se recuperaram da doença.

aperte o play

Netflix: 5 números que você precisa conhecer do resultado do terceiro trimestre

Spoiler: os investidores não gostaram do que viram… #SeuDinheiro

Mudanças no time

Weg anuncia renúncia de diretor de finanças e relações com investidores

A companhia divulga os seus resultados do terceiro trimestre na próxima quinta-feira (22)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies