Menu
2019-07-02T15:41:05-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
mexendo nas estruturas

Via Varejo demite 12 executivos do alto escalão, após retomada da família Klein

Dona das redes Casas Bahia e Ponto Frio deve resolver problemas internos, melhorar sua operação online e correr atrás da concorrente Magazine Luiza, que já possui um modelo integrado

2 de julho de 2019
8:43 - atualizado às 15:41
Michael Klein, ex-dono da Casas Bahia e maior sócio da Via Varejo
O empresário Michael Klein. - Imagem: Seu Dinheiro

Sob nova direção, a Via Varejo, dona das redes Casas Bahia e Ponto Frio, começou a promover uma mudança profunda no alto escalão, com a demissão de 12 executivos. Eles serão substituídos por nomes de confiança da nova gestão, a serem escolhidos em breve.

Entre os que deixaram a empresa estão Rubens Domene, diretor compras de eletrodomésticos da linha branca, e Sandro Gonçalves e Silva, diretor comercial.

As mudanças na estrutura da Via Varejo começam a ser feitas após o empresário Michael Klein retomar o controle da empresa - seu pai foi o fundador da Casas Bahia.

Até então, a Via Varejo tinha como principal acionista o Grupo Pão de Açúcar (GPA), que se desfez da participação em um leilão promovido na B3, no último dia 14 de junho.

Era um desejo antigo do GPA, que queria priorizar o desenvolvimento do negócio alimentar. À espera de um comprador, a Via Varejo perdeu espaço e entregou resultados ruins, o que fez as ações registrarem forte queda ao longo do ano passado.

Agora na gestão de Klein, a varejista deve resolver problemas internos e melhorar sua operação online - vista hoje como ponto fundamental para o sucesso de uma rede focada em eletrodomésticos. A companhia terá o desafio de correr atrás da concorrente Magazine Luiza.

As ações da varejista (VVAR3) reagem bem às mudanças no quadro de executivos. Por volta das 15h10 desta terça-feira, os papéis eram negociados em alta de 4,10%, a R$ 5,33. Confira também a cobertura completa de mercados.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Crypto News

O dólar pode ser destronado como reserva de valor pelo bitcoin?

O dólar é a pior moeda para reserva mundial, exceto por todas as outras. Nem o bitcoin nem nenhuma cripto está preparada para servir como reserva internacional. E nem precisa

Mau começo

Ibovespa abre o mês com o pé esquerdo e cai 2,81%, acompanhando o pessimismo externo

O Ibovespa passou a sessão desta quarta-feira no campo negativo, mas ao menos conseguiu sustentar o nível dos 70 mil pontos. Ações de empresas ligadas ao setor de viagens — como companhias aéreas e de turismo — voltaram a reportar perdas expressivas hoje

Menos exportações e importações

Balança comercial tem superávit de US$ 4,713 bilhões em março

Com queda nas exportações e nas importações, a balança comercial brasileira registrou saldo positivo de US$ 4,713 bilhões em março. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 1º, pela Secretaria de Comércio Exterior, do Ministério da Economia

Sobe sem parar

Quebrando recordes: dólar fecha em alta e chega a R$ 5,26, nova máxima nominal de encerramento

O dólar à vista renovou mais uma vez os recordes de fechamento, pressionado pela cautela vista no exterior em relação aos impactos do coronavírus nos EUA

Visão global de carteira

Em carta, gestora de fortunas TAG se mostra construtiva para ações e NTN-B, mas nem tanto para multimercados

Na sua carta do mês de março, TAG Investimentos demonstra visão positiva para a renda variável, sobretudo ações domésticas, bem como para NTN-B de longo prazo; mas se mostra muito mais cautelosa em relação a fundos multimercados e de crédito privado local

Resiliência

Fundos de ações resistem ao choque e captam R$ 7,65 bilhões entre 1º e 27 de março

Fundos de investimento registraram resgates líquidos de R$ 19,6 bilhões entre os dias 1º e 27 de março, período que compreende o agravamento da tensão dos mercados em meio à pandemia do coronavírus

Fuga

Saída de dólar supera entrada em US$ 10,791 bilhões no ano até dia 27 de março, diz BC

Fluxo cambial do ano até 27 de março ficou negativo em US$ 10,791 bilhões, diz BC; em igual período de 2019, resultado era positivo em US$ 4,444 bilhões

Medidas sociais

PEC do orçamento de guerra é assinada por Rodrigo Maia e outros sete deputados

PEC que cria o Orçamento de Guerra já tramita na Câmara. Ela é assinada pelo presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e outros sete deputados

Sem dividendos

Autoridade bancária europeia pede que bancos não paguem dividendos

Autoridade diz que apoia medidas tomadas até agora para garantir que os bancos tenham uma base de capital robusta e deem o apoio necessário à economia

UM DOS TRADERS MAIS EXPERIENTES DO BRASIL

Por que decidi voltar a investir na Bolsa aos 80 anos e após 25 anos fora do mercado

Após um quarto de século, volto para a Bolsa. Como não tenho necessidade imediata de dinheiro, simplesmente tenho certeza de que vou ganhar.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements