Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-02-15T18:58:37-02:00
Estadão Conteúdo
Para acompanhar o projeto

Tasso Jereissati (PSDB) deve comandar a subcomissão da reforma da Previdência no Senado

Ideia é que o Senado forme um grupo de sete parlamentares, que funcionaria como um colegiado atrelado à Comissão de Constituição e Justiça

15 de fevereiro de 2019
18:58
Tasso Jereissati
Subcomissão vai "queimar etapas" para arredondar o texto da reforma no Senado - Imagem: Valter Campanato/Agência Brasil

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), confirmou ao Broadcast Político nesta sexta-feira, 15, que o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) deve ser o escolhido para comandar uma subcomissão do Senado dedicada a acompanhar os debates sobre a reforma da Previdência na Câmara dos Deputados.

A ideia é que o Senado forme um grupo de sete parlamentares, que funcionaria como um colegiado atrelado à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa, para fazer "sugestões" aos deputados durante a primeira etapa de tramitação do projeto no Congresso.

Na avaliação de Alcolumbre, esta subcomissão vai "queimar etapas" para que o texto chegue mais "arredondado" no Senado e, assim, seja apreciado com mais celeridade.

"Estamos tentando constituir uma subcomissão dentro da CCJ, com membros da comissão, que será de acompanhamento. Essa subcomissão pode, pari passu, durante as discussões na Câmara, levar a mensagem do Senado. Eu acho importante isso para a gente queimar etapas de discussão", afirmou.

"Se uma subcomissão dentro da CCJ puder acompanhar o que estiver sendo discutido na Câmara, a matéria vai chegar no Senado bem arredondada. Acredito que (o texto da reforma) pode ser aprovado no primeiro semestre. A partir do dia 20 de fevereiro, vamos tentar construir essa subcomissão", disse.

Alcolumbre evitou, no entanto, defender o texto da reforma apresentada pelo governo Jair Bolsonaro, com quem se encontrou nesta manhã de sexta-feira, 15. "Não necessariamente o Senado vai aprovar o que o governo manda, o Senado vai ouvir a sociedade e votar o que os senadores entenderem como uma reforma boa para o Brasil", afirmou.

Troféu

A indicação de Tasso Jereissati para a presidência dessa subcomissão premia o tucano, que foi um de seus principais aliados na disputa contra o senador Renan Calheiros (MDB-AL) pelo comando da Casa. Além disso, Alcolumbre quer aproveitar a experiência de Jereissati à frente das discussões da reforma da Previdência aprovada pelo Senado em 2003, durante o primeiro governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Davi Alcolumbre disse que os técnicos do Senado estão estudando o assunto para viabilizar, regimentalmente, a criação da subcomissão da reforma da Previdência. Ele explicou, no entanto, que isso já foi feito na Casa anteriormente.

"A sugestão dos técnicos é que sejam sete membros nessa subcomissão. Aí vai ter um presidente, que vai conseguir compatibilizar com a Câmara. Regimentalmente está sendo construída a possibilidade dessa subcomissão acompanhar como orientadora do debate do Senado. A gente não pode votar (na Câmara), mas pode sugerir. Essa subcomissão pode dar sugestões para a Câmara do sentimento do Senado", explicou.

"Vamos fazer (essa subcomissão) porque já houve em outros episódios para dar celeridade às matérias. Vamos sugestionar para a Câmara dos Deputados o sentimento do Senado", complementou.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

próximos anos

Eletrobras aprova em conselho plano de negócios com desinvestimentos de R$ 41 milhões

Entre as medidas previstas está a avaliação de oportunidades para efetuar a gestão dos passivos provenientes de dívidas do Sistema Eletrobras

temporada de resultados

Lucro da Alpargatas, dona da marca Havaianas, cresce 228,7%, R$ 111 milhões

Receita líquida da companhia saltou 71,4% sobre igual intervalo de 2020, para R$ 1,095 bilhão, ao mesmo tempo em que os volumes registraram crescimento de 57%

seu dinheiro na sua noite

As corridas da bolsa e do dólar — e a frustração dos investidores na linha de chegada de julho

Nove em cada dez operadores do mercado financeiro juram, de pés juntos, que o último pregão do mês costuma ser positivo. Ora essas, é a data limite para o fechamento das lâminas de desempenho mensal dos fundos e das carteiras de investimento — e é claro que todo mundo quer estampar o melhor resultado possível. […]

decisão temporária

CVM suspende oferta de recebíveis que financiaria cooperativas do MST

Decisão da autarquia vale por 30 dias; CVM diz que a oferta não apresenta informações consideradas essenciais para os investidores

FECHAMENTO DA SEMANA

Ameaça ao teto de gastos e derretimento do minério de ferro afundam o Ibovespa em mais de 3%; dólar vai a R$ 5,20

Com a pressão das ameaças político-fiscais e a queda brusca do minério de erro, a bolsa brasileira amargou uma queda de mais de 3%. Já o dólar voltou a ser negociado na casa dos R$ 5,20

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies