⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula e Bolsonaro querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2019-10-14T14:11:34-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Enfim, aprovado?

Relatório da reforma da Previdência pode ser votado na 2ª feira em comissão, avaliam líderes

Colegiado segue reunido nesta terça-feira, em seu terceiro dia debate desde apresentação do relatório de Samuel Moreira

25 de junho de 2019
16:06 - atualizado às 14:11
Comissão Especial da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados
Comissão Especial da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados - Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O texto da reforma da Previdência pode ser votado na segunda-feira, 1º de julho, na comissão especial que analisa a matéria, segundo lideranças da Câmara.

O colegiado segue reunido nesta terça-feira, em seu terceiro dia debate desde apresentação do relatório de Samuel Moreira (PSDB-SP).

Depois que a discussão for encerrada, o relator deverá apresentar seu voto complementar e será aberto um prazo para apresentação de destaques. Só depois de concluídas essas etapas poderá ser iniciada a votação.

Partidos ainda pressionam por mudanças na matéria, em pontos como regra da fórmula de cálculo, transição e Estados e municípios.

Sobre o cálculo, o texto do Executivo previa que todas as contribuições previdenciárias, inclusive as mais baixas, fossem consideradas para a aposentadoria. Atualmente, os 20% menores salários são desprezados.

"As regras de cálculo parecem desconsiderar o que é a realidade do mercado de trabalho brasileiro. Um trabalhador, em média, no Brasil, fica seis meses empregado e outros seis meses desempregado", afirmou a deputada Talíria Petrone (Psol-RJ).

"O trabalhador ora ganha pouco, ora ganha mais, isso é algo que vai ter impacto naqueles que já são mais precarizados e precarizadas, que têm os salários mais baixos", disse.

O líder do PSB na Câmara, Tadeu Alencar, também pediu mudanças. "O relatório mantém as regras de cálculo e de benefícios que agravam enormemente a situação dos mais pobres do Regime Geral. Fiquem certos de que nós vamos usar os nossos destaques exatamente para trazer uma discussão em separado daquilo que nos parece mais pernicioso do ponto de vista da proposta e do próprio relatório, que continua a atingir os mais pobres", disse.

O deputado Valtenir Pereira (MDB-MT) pediu revisão sobre as regras de transição. "Faço um apelo ao Relator para que façamos uma transição palatável", disse.

O líder do PP na Câmara dos Deputados, Arthur Lira (AL), defende que a votação só ocorra na semana que vem. "Eu e meu partido vamos trabalhar para que não se vote esta semana", disse.

Segundo ele, há demandas de deputados ainda não atendidas no texto. Lira disse que "precisa sair do texto a desconstitucionalização", além de referências a Estados que "precisam ser amadurecidas" e questões envolvendo o Benefício de Prestação Continuada (BPC), que "precisam ser revistas".

Como o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, mostrou na semana passada, deputados pressionam para que Moreira faça "uma limpa" no que diz respeito a Estados e municípios no texto. Há mais de 20 referências a eles.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Embate entre Opep+ e Biden, nova pesquisa do Ipec e a pedra no sapato da Oi (OIBR3); confira os destaques do dia

5 de outubro de 2022 - 19:16

A decisão da Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+) de cortar a produção em dois milhões de barris por dia (bpd) para manter o mercado estável não agradou o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden. Com a inflação batendo insistentemente em sua porta e uma resistência da alta dos preços aos remédios […]

CONSOLIDAÇÃO

Líder em consolidação no setor de saúde, Hapvida (HAPV3) compra operadora de baixo custo por R$ 120 milhões

5 de outubro de 2022 - 18:57

A compra será feita por meio da subsidiária Intermédica e custará cerca de R$ 120 milhões

PRÉVIA DO BALANÇO

Multiplan (MULT3) vende R$ 4,7 bilhões e renova recorde de performance para um terceiro trimestre — confira os destaques da prévia operacional da companhia

5 de outubro de 2022 - 18:51

Todos os ativos do portfólio da empresa apresentaram crescimento de dois dígitos na comparação anual, com destaque para um shopping paulistano

ELEIÇÕES 2022

Ipec mostra Lula com 51% e Bolsonaro com 43% — confira a primeira pesquisa após o primeiro turno

5 de outubro de 2022 - 18:33

Considerando apenas os votos válidos, ou seja, excluindo os brancos e nulos, o petista aparece com 55%, ante 45% do presidente que tenta a reeleição

FECHAMENTO DO DIA

Corte de produção da Opep+ embala petroleiras e Ibovespa vai a 117.197 pontos; dólar sobe a R$ 5,18

5 de outubro de 2022 - 18:16

Mesmo com o cenário político movimentado, o Ibovespa conseguiu pegar carona na alta do petróleo no mercado internacional

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies