2019-04-20T14:02:15-03:00
Estadão Conteúdo
Em evento com banqueiros, analistas e empresários

Quem defende a reforma da Previdência não pode se silenciar, diz Doria

Em evento, governador de São Paulo orientou o mercado financeiro para reagir e apoiar publicamente a medida, considerada essencial para o equilíbrio das contas públicas

4 de abril de 2019
11:13 - atualizado às 14:02
Governador do estado de São Paulo, João Doria
João Doria - Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quinta-feira, 4, que quem defende a reforma da Previdência não pode se silenciar. "A oposição vai tentar emparedar o ministro da Economia, Paulo Guedes", disse.

Doria participou da conferência Perspectivas para o Brasil 2020 do banco Daycoval em São Paulo. "Depois de ontem quando Guedes foi à Câmara dos Deputados, o papel de todos vocês banqueiros, analistas, empresários é outro. (...) Não basta dizer que apoia a reforma. Tem de agir em prol da reforma. Não emudeçam", comentou o governador.

Ele também orientou o mercado financeiro para reagir e apoiar publicamente a reforma da Previdência. "Ontem, o mercado reagiu negativamente à reforma na CCJ. Reaja a favor, mercado!", afirmou Doria, que pediu para que os integrantes do mercado liguem para seus deputados e exijam que eles aprovem a Previdência.

O governador de São Paulo ainda adotou um discurso do tempo de campanha eleitoral. "Vamos acabar com a roubalheira. Lula livre? Não, Lula preso", afirmou o governador do PSDB e ganhou aplausos. E continuou: "Lula sem vergonha. Lula roubou a esperança do povo brasileiro", disse.

Doria afirmou que tem uma visão otimista sobre a aprovação da reforma da Previdência. "Eu dobro minha aposta na reforma da Previdência", disse o governador.

Ele destacou que, se a reforma não for aprovada, será o caos fiscal para o Brasil. "Sem a reforma, os municípios não terão dinheiro para pagar as contas, para custear a saúde", disse Doria.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

SOB NOVA DIREÇÃO

Passou, mas não foi unânime: indicado para comandar a Petrobras (PETR4) é aprovado por comitê — confira a próxima etapa

Caio Mário Paes de Andrade é o quinto gestor da estatal no governo de Jair Bolsonaro, mas seu nome ainda não recebeu aprovação final

VAI FICA DENTRO OU FORA DESSA?

Prepara-se: Metaverso vem aí com jogos, ensino e comércio eletrônico — e deve movimentar US$ 5 trilhões

De acordo com a empresa de consultoria McKinsey, os gastos globais no metaverso podem chegar a US$ 5 trilhões até 2030. Desse total, o e-commerce é visto como o meio que oferece a maior oportunidade, com um valor de mercado previsto de US$ 2,6 trilhões.

CARREIRA DOS SONHOS

Google (GOGL34) é eleita a empresa dos sonhos dos brasileiros; Nubank (NUBR33) e Itaú (ITUB4) também estão na lista

A gigante de tecnologia se mantém na liderança como empresa dos sonhos dos brasileiros na última década; a Google é desejada principalmente entre os mais jovens

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Político pesa no Ibovespa, projeções melhores para VIIA3 e outros destaques do dia

A inflação global elevada e as apostas cada vez maiores de que o mundo deve enfrentar um cenário de recessão econômica continuam alimentando os ursos do mercado financeiro nos quatro cantos do mundo, monopolizando a atenção dos investidores.  Mesmo com um cenário marcado por uma forte aversão ao risco, os principais índices de Wall Street […]

AUMENTA O SOM

Ex-ministro Milton Ribeiro diz ter recebido ligação de Bolsonaro sobre busca e apreensão — ouça o áudio

O telefonema ocorreu em 9 de junho, antes do ex-chefe da pasta da Educação ter sido alvo da operação da Polícia Federal (PF), deflagrada na quarta-feira (22)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies