Menu
2019-10-14T14:11:46-03:00
Estadão Conteúdo
Votação cancelada?

Ramos: “não podemos votar reforma da Previdência sem acordo que garanta maioria”

Presidente da Comissão Especial da Câmara afirma que o momento é de paciência para a construção de uma maioria que garanta a aprovação do texto

3 de julho de 2019
17:21 - atualizado às 14:11
Marcelo Ramos, do PL-AM, presidente da Comissão Especial da reforma da Previdência
Marcelo Ramos, do PL-AM - Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O presidente da Comissão Especial da Câmara dos Deputados que analisa a reforma da Previdência, Marcelo Ramos (PL-AM), disse que "a expectativa e todo o esforço estão sendo feitos para votar ainda hoje (quarta-feira, 3)" o relatório do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), lido na comissão na terça-feira, 2.

Segundo Ramos, o momento é de paciência para a construção de uma maioria que garanta a aprovação tanto na comissão quanto no plenário da Câmara.

"Agora nós temos que ter muita responsabilidade. É um tema muito importante e não podemos correr o risco da matéria vir para a votação sem o acordo necessário para garantir a maioria", disse o deputado em vídeo publicado no Twitter oficial da Câmara dos Deputados.

Ramos ainda lembrou da proposta de reforma da Previdência de 1998, quando o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso acabou derrotado no plenário da Câmara por apenas um voto.

"Só 23 anos depois nós estamos voltando a discutir idade mínima, que era o que estava naquela proposta. Obviamente nós não temos mais 23 anos pra frente e precisamos ter muita responsabilidade e muito cuidado com o conteúdo da matéria, por isso exige alguma paciência", falou o deputado. Na verdade, a reforma da Previdência de FHC foi derrotada há 21 anos.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

pandemia em pauta

Guedes: Por ‘infelicidade’, Bolsonaro não deixou claro problema da saúde

Guedes defendeu a imunização contra a covid-19 para evitar nova queda economia, diante da “tragédia que voltou a nos atingir” ao falar sobre o agravamento da pandemia.

O melhor do seu dinheiro

Stuhlberger blindado no dólar

Com alta de quase 10% em 2021, o dólar tem sido, até agora, um dos melhores investimentos do ano. Pode até parecer estranho, tendo em vista a quantidade de estímulos fiscais e monetários nos Estados Unidos. Mas parte dessa valorização não vem exatamente do fortalecimento da moeda americana, mas do enfraquecimento do real. É no […]

FECHAMENTO DA SEMANA

Ufa! Ibovespa avança quase 5% em semana de alta volatilidade, mas dólar vai a R$ 5,68

A PEC emergencial e a disparada dos títulos públicos norte-americanos monopolizaram o noticiário, pressionando o câmbio e a bolsa

Regime especial

STF forma maioria para manter sigilo das informações do programa de repatriação

A análise tem origem em uma ação proposta pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) em 2017.

Algo não agradou

Guedes vê perda estrutural em PEC do auxílio

O sentimento na equipe de Guedes foi de perda da possibilidade de acionamento dos gatilhos em caso de calamidade por mais dois anos seguintes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies