Menu
2019-06-11T06:47:23-03:00
será que o crescimento vai se manter?

China vai apoiar emissões de bônus especiais para projetos de infraestrutura

As medidas têm como objetivo fortalecer a coordenação entre agências governamentais, manter ampla liquidez e garantir uma taxa de crescimento dentro de faixa razoável, afirma o comunicado de ontem.

11 de junho de 2019
6:47
Centro econômico de Pequim, na China
Imagem: shutterstock

Autoridades da China prometeram apoiar emissões de bônus com propósito específico por governos locais, depois de Pequim dar seu aval à tomada de recursos para ajudar a impulsionar o crescimento econômico.

O governo chinês vai ampliar esforços para acelerar o financiamento de grandes projetos por meio dessas emissões, que são usadas basicamente para gastos em infraestrutura, afirmou o PBoC - como é conhecido o banco central do país - em comunicado conjunto divulgado nesta terça-feira com outros órgãos governamentais, incluindo o Ministério de Finanças e agências de planejamento econômico.

Fundos levantados por meio de emissões especiais poderão, de agora em diante, ser utilizados como capital semente para grandes projetos. Além disso, veículos de financiamento de governos locais poderão negociar empréstimos com instituições financeiras, de acordo com comunicado publicado no site do governo central no fim da segunda-feira.

As medidas têm como objetivo fortalecer a coordenação entre agências governamentais, manter ampla liquidez e garantir uma taxa de crescimento dentro de faixa razoável, afirma o comunicado de ontem.

A China prevê que governos locais emitirão este ano 2,15 trilhões de yuans (US$ 310 bilhões) em bônus com propósito específico voltados para projetos de infraestrutura, montante bem maior que o total de 1,35 trilhão de yuans emitido no ano passado. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Enfim uma oportunidade

Berkshire Hathaway, de Warren Buffett, faz primeira aquisição desde a explosão do coronavírus

Empresa adquire ativos de gás de companhia de energia americana por US$ 4 bilhões, além de assumir parte da sua dívida; desde o colapso dos mercados em março, a Berkshire apenas vendeu ativos, e vinha montada em caixa, no aguardo de boas oportunidades de compra

Um dos bilionários mais velhos

Aos 99 anos, Aloysio de Andrade Faria, o ‘banqueiro invisível’ ainda dá as cartas

Criador do Banco Real, Aloysio de Andrade Faria continua à frente de um império que inclui o banco Alfa e mais uma dezena de empresas.

Entrevista

O agronegócio não precisa das terras da Amazônia para se expandir, diz ministra da Agricultura

Em entrevista ao Estadão, Tereza Cristina diz ser “defensora intransigente de zerar o desmatamento ilegal”; sob escrutínio internacional, agronegócio corre risco de perder investimentos por questões ambientais

Nas redes sociais

Renato Feder recusa convite para ser novo ministro da Educação

Segundo o Estadão, Bolsonaro foi pressionado pela ala ideológica do governo e por militares para não colocar Feder no comando do MEC

Novo candidato?

Rapper Kanye West diz que vai concorrer à presidência dos EUA – e já tem o apoio de Elon Musk

Conhecido apoiador do presidente Donald Trump, o rapper tuitou que concorreria à presidência, e Musk respondeu

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements