Menu
2019-12-10T09:36:44-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
Cursando jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Mais uma oferta no exterior

Madero deve desembarcar nos EUA em junho com o seu IPO, diz jornal

Segundo informações do Valor Econômico, a rede de hamburgueria já contratou o Bank of American e J.P. Morgan para coordenarem a oferta

10 de dezembro de 2019
8:42 - atualizado às 9:36
madero-e1575978395454
Imagem: Divulgação/Instagram

A rede de hamburgueria Madero está com planos para abrir o seu capital (IPO, na sigla em inglês) e a oferta deve ser feita nos Estados Unidos já no ano que vem. As informações são do jornal Valor Econômico.

De acordo com a publicação, a previsão é de que a listagem seja feita na Nasdaq e que aconteça em junho de 2020. A empresa calcula que a operação gire em torno de US$ 1,6 bilhão a US$ 1,9 bilhão. A expectativa é que a rede Madero chegue à bolsa avaliada em cerca de R$ 8 bilhões.

Os bancos coordenadores já começaram a ser contratados. Até o momento, a rede já conta com o Bank of America e o J.P Morgan na oferta.

A rede de hamburgueria brasileira foi fundada pelo paranaense Luiz Durski Junior, que continua no comando do negócio mesmo após a compra de 23,3% da empresa pela gestora americana Carlyle. A operação, na época, foi de R$ 700 milhões. A companhia estava avaliada em R$ 3 bilhões.

O IPO

A empresa analisou as condições para a abertura de capital tanto aqui como no exterior e, no comparativo com outras empresas do ramo, acabou optando por desembarcar nos Estados Unidos. Segundo fontes ouvidas pelo Valor, nos EUA a onda de valorização do negócios de restaurantes favoreceram a escolha.

A rede Madero espera vender uma participação minoritária por um múltiplo de 17 a 19 vezes o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) projetado de 2021, que segundo fontes é de R$ 420 milhões.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

escolha da CEO

Investir no Brasil: se correr o bicho pega, se ficar o bicho come

Confira uma seleção de matérias feita pela CEO do Seu Dinheiro, Marina Gazzoni

Efeitos da pandemia

PEC do auxílio aprovada no Senado prevê abater R$ 100 bi da dívida pública

Pelos cálculos do governo, a necessidade de financiamento da dívida pública federal (DPF) neste ano é de R$ 1,469 trilhão, valor que aumentou por causa do maior volume de títulos de curto prazo que o governo precisou emitir para conseguir captar recursos

Resolvendo pendências

STF: Petrobras não precisa se sujeitar à Lei das Licitações

Nos últimos anos, a Suprema Corte tem dado decisões relativas a Petrobras que consideram o cenário de livre competição em que opera a estatal.

Pacote fiscal aguardado

EUA: Senado aprova extensão de aumento de auxílio-desemprego

A emenda prevê a extensão da duração dos benefícios federais a desempregados, mas reduz seu valor semanal, em comparação com o projeto de lei aprovado pela Câmara dos Representantes no sábado passado

chama o max

Um meteoro passageiro chamado juros

O que fez a curva de juros norte-americana empinar tanto nos últimos meses e de uma maneira tão vigorosa nos últimos dias?

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies