O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-18T13:44:25-03:00
Ricardo Gozzi
O PLAYSTATION QUE SE CUIDE

Em guerra pelo metaverso, Microsoft compra fabricante do ‘Call of Duty’ e do ‘Candy Crush’ por R$ 380 bilhões

Aquisição da Activision Blizzard pela empresa fundada por Bill Gates é a maior da história do setor de games

18 de janeiro de 2022
13:21 - atualizado às 13:44
Call Of Duty Divulgação
Imagem: Divulgação

A série de jogos “Call of Duty” figura há anos nas listas de games mais vendidos da história. Não é à toa. Disponível em diversas plataformas, a franquia é um dos jogos de tiro em primeira pessoa mais antigos e populares do mundo. Cada lançamento da linha “Call of Duty” atinge sem dificuldade a casa das dezenas de milhões de unidades comercializadas.

Agora, em um lance que a posiciona como a terceira maior empresa de games do mundo em termos de receita, a Microsoft anunciou a aquisição da Activision Blizzard (ATVI) por US$ 68,7 bilhões.

A quantia equivale a R$ 380 bilhões na cotação de hoje. Trata-se da maior transação da história do setor de games.

A oferta

A Activision Blizzard é fabricante do “Call of Duty”. Outro grande sucesso da desenvolvedora é a saga “Candy Crush”. A Microsoft (MSFT) ofereceu US$ 95 por ATVI. O valor contempla um prêmio de 45% em relação ao fechamento das ações da Activision na sexta-feira.

“Os jogos são a categoria mais dinâmica e emocionante em entretenimento em todas as plataformas hoje e desempenharão um papel fundamental no desenvolvimento de plataformas para o metaverso”, disse o CEO da Microsoft, Satya Nadella, em comunicado.

Investimento pesado em aquisições

Fabricante do Xbox, a Microsoft tem feito investimentos multibilionários em jogos nos últimos anos.

A empresa de tecnologia fundada por Bill Gates adquiriu recentemente a Zenimax e, joia da coroa, o Mojang Studios, fabricante do “Minecraft”, de longe o jogo mais vendido de todos os tempos.

A biblioteca de jogos da Activision, como o “Call of Duty” e o “Overwatch”, proporciona à plataforma de jogos Xbox uma vantagem sobre o PlayStation, da Sony, que há anos desfruta de um fluxo mais constante de jogos exclusivos.

Em reação à notícia, as ações da Activision subiam mais de 25% e as da Microsoft caíam 1,5% hoje na Nasdaq.

‘Call of Duty’ será exclusivo para Xbox?

A aquisição da Activision Blizzard imediatamente levantou uma dúvida entre os fãs.

“Call of Duty” seria convertido em um game exclusivo para Xbox?

Segundo o site especializado Pro Game Guides, a resposta mais provável é “não”.

Ao anunciar a aquisição, a Microsoft salientou que “os jogos da Activision Blizzard são apreciados em uma variedade de plataformas e pretendemos continuar apoiando essas comunidades no futuro”.

Seja como for, nenhum movimento no sentido de fechar o acesso ao jogo acontecerá antes de 2023, quando a transação deve ser concluída.

Escândalo na Activision Blizzard

A oferta da Microsoft veio à tona em um momento no qual a Activision Blizzard atravessa uma crise interna, mas com reflexo em suas ações.

Os papéis da fabricante de games caíram mais de 37% desde que atingiram seu recorde no ano passado, em grande parte prejudicadas por múltiplas acusações de assédio sexual e outras más condutas internas.

Desde julho, 37 funcionários foram demitidos e 44 receberam sanções disciplinares por algum grau de envolvimento nos casos de assédio.

Consolidação no setor de games

A aquisição também coincide com um momento de consolidação no setor de games. Empresas maiores têm comprado players menores nos últimos anos.

Na semana passada, a Take-Two Interactive, fabricante da série “Grand Theft Auto” anunciou a aquisição da Zynga, fabricante de joguinhos populares para dispositivos móveis, por US$ 11,04 bilhões.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Elon Musk em apuros? Tesla perde apelo entre consumidores de carros de luxo

Tesla cai do 3º para o 5º lugar na preferência dos compradores de carros de luxo nos EUA no primeiro trimestre, mas ainda domina entre modelos elétricos

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Ibovespa futuro abre próximo da estabilidade e tenta ignorar exterior; dólar vai a R$ 5,07

RESUMO DO DIA: A desaceleração da economia chinesa pesou no sentimento das bolsas nesta segunda-feira (16). Os dados mais fracos dão os primeiros sinais de recessão, o que deve afetar o desempenho das atividades nos demais países. Por aqui, a Petrobras (PETR4) é o foco do dia, com debates envolvendo o preço dos combustíveis e […]

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Oportunidade de swing trade: compra de ações da Wiz (WIZB3) e lucro de 5% no bolso com Bradesco (BBDC4)

Identifiquei uma oportunidade de swing trade – compra dos papéis da Wiz (WIZS3), com entrada em R$ 8,44; veja a análise

O melhor do Seu Dinheiro

O Nubank estará Nu mais uma vez? Confira a história do dia e outras sete notícias que mexem com os seus investimentos

O Nubank virou rei na competição com os bancões, mas a nudez dos balanços amargou o gosto dos investidores pela fintech; veja o que esperar do resultado do primeiro trimestre

Segredos da Bolsa

Esquenta dos mercados: Desaceleração da China gera mal estar e bolsas amanhecem pressionadas; Ibovespa acompanha tensão na Petrobras (PETR4)

No panorama doméstico, os balanços de Magazine Luiza, Nubank e outros movimentam o dia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies