🔴 RECEBA ANÁLISES DE MERCADO DIÁRIAS: CLIQUE AQUI E SIGA O SEU DINHEIRO NO INSTAGRAM

2022-05-31T20:30:41-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa derrapa na reta final do pregão, mas encerra o dia em alta e sobe mais de 3% em maio; dólar recua 3,8% no mês

Acostumado a trabalhar com cenários inflacionários um tanto quanto caóticos, o índice ignorou as preocupações do exterior hoje

31 de maio de 2022
18:25 - atualizado às 20:30
Touro com óculos na frente do logo da B3, bolsa brasileira | Ibovespa
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Venda em maio e vá embora, diz um dos ditados mais famosos do mundo financeiro. Por aqui, a frase gringa está mais para lenda do que para sugestão de investimento. Ao menos é o que indica o Ibovespa — mais uma vez, o principal índice da B3 terminou o mês em alta.

O pregão desta terça-feira (31) foi marcado pela volta dos negócios em Nova York após o feriado do Memorial Day. Os temores de aceleração da inflação pesaram sobre Wall Street e, por lá, as bolsas encerraram o dia em queda.

Dados que mostraram um salto nos preços reacenderam as preocupações sobre o ritmo de aperto monetário dos bancos centrais e também fizeram a maioria dos mercados europeus recuar hoje.

Já o Ibovespa, que está mais acostumado a trabalhar com cenários inflacionários um tanto quanto caóticos, ignorou as preocupações do exterior e operou em alta durante boa parte da sessão.

Não foi fácil, contudo, sustentar os ganhos. Afetado pelo recuo dos papéis da Petrobras — que acompanharam a volatilidade do petróleo no mercado internacional —, o índice da bolsa brasileira chegou a operar no vermelho perto do final da tarde.

Mas, assim como a petroleira, o Ibovespa voltou ao campo positivo perto do fechamento e encerrou com uma alta de 0,29%, aos 111.350 pontos. No mês, o avanço foi de 3,22%.

Já o dólar, que passou o dia em queda, se aproximou da estabilidade no final da tarde. Novamente influenciada pelo cálculo da última Ptax do mês, a moeda norte-americana fechou com leve queda de 0,02%, cotada em R$ 4,7526. O recuo foi maior em maio: 3,85%.

Confira também o fechamento dos principais contratos de DI:

CÓDIGONOME ULT  FEC 
DI1F23DI jan/2313,41%13,38%
DI1F25DI Jan/2512,38%12,25%
DI1F26DI Jan/2612,24%12,13%
DI1F27DI Jan/2711,30%12,12%

Sobe e desce do Ibovespa

Em dia de ganhos no Ibovespa, a ponta positiva do índice foi dominada pelos papéis da Marfrig (MRFG3). 

A subida foi impulsionada pelo anúncio de que os controladores da empresa, Marcos Antonio Molina dos Santos e a Marcia Aparecida Pascoal Marçal dos Santos, compraram mais ações e aumentaram a participação no frigorífico.

Veja quais foram as maiores altas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
MRFG3Marfrig ONR$ 15,605,33%
IRBR3IRB ONR$ 2,954,98%
CMIG4Cemig PNR$ 11,613,48%
BRFS3BRF ONR$ 15,533,19%
RAIL3Rumo ONR$ 17,672,97%
Fonte: B3

Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEULTVAR
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 3,71-3,39%
HAPV3Hapvida ONR$ 6,74-3,30%
AMER3Americanas S.AR$ 20,06-3,09%
EZTC3EZTEC ONR$ 16,26-3,04%
BIDI11Banco Inter unitR$ 12,55-2,71%
Fonte: B3

Inflação na meta

Um dos destaques do noticiário interno de hoje foi a participação do presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, em audiência pública extraordinária na Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados.

Campos Neto evitou prever qual será o patamar final da taxa Selic no atual ciclo de alta nos juros, mas voltou a garantir que o BC fará o necessário para trazer a inflação para a meta com os instrumentos que dispõe.

Vale relembrar que o Comitê de Política Monetária (Copom) da instituição já contratou uma nova alta da taxa básica de juros na próxima reunião, em junho. O ritmo, porém, deverá ser menor do que o movimento de 1 ponto percentual feito neste mês.

O presidente do BC reforçou que, se o ajuste tempestivo de juros brasileiro tiver credibilidade junto ao mercado, a inflação voltará a ser controlada.

O que mexeu com o mercado lá fora?

No exterior — mais especificamente na China — o dia também teve pelo menos uma notícia positiva. É que o Índice de Gerentes de Compras (PMI) industrial do gigante asiático surpreendeu analistas e avançou a 49,6 pontos em maio, em comparação aos 47,4 de abril. Do lado dos serviços, o índice também registrou melhora — de 41,9 em abril para 47,8 em maio.

Na Europa, a terça-feira ficou marcada pela divulgação dos dados da inflação ao consumidor (CPI) na Zona do Euro no mês de maio. A segunda prévia do indicador atingiu nível recorde ao ficar em 8,1%. Na comparação com abril, o avanço é de 0,8%.

A alta da inflação na região ainda é um desdobramento da guerra na Ucrânia, que tem desorganizado a economia do continente. Exemplo disso é que o Conselho Europeu informou que deve retomar as discussões sobre um dispositivo que libera do embargo importações de petróleo russo. A medida, contudo, deve ter um caráter temporário. 

Nos Estados Unidos, Christopher Waller, membro do FOMC, o equivalente norte-americano do Copom, deixou os investidores ressabiados ao afirmar que, se a inflação não ceder, o juro deve subir bastante e rápido. Anteriormente, a percepção era de que o Federal Reserve iria manter o ritmo das altas, mesmo que isso significasse mais tempo em um regime de juros mais altos.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

NOITE CRIPTO

Parece, mas não vai: bitcoin segue preso ao patamar de US$ 20 mil; saiba o que está no caminho do BTC

5 de julho de 2022

Investidores devem ficar atentos à divulgação da ata da reunião do junho do Federal Reserve, prevista para amanhã — documento tem potencial para aumentar a volatilidade do mercado

AGORA É PRA VALER

Petrobras (PETR4) conclui a venda de participação na Deten Química — veja quanto entrou no caixa da estatal

5 de julho de 2022

O negócio, que tinha sido anunciado em abril, encerra a presença da petroleira na fabricante das principais matérias-primas para o segmento de limpeza doméstica e comercial no Brasil

MOVIMENTAÇÃO ACIONÁRIA

Itaúsa (ITSA4) e Votorantim desembolsam R$ 4,1 bilhões por fatia da CCR (CCRO3); empresas pagaram prêmio de 14% por ações vendidas pela Andrade Gutierrez

5 de julho de 2022

Cada uma das duas holdings ficará com uma participação de 10,33% da companhia de concessões e administração rodoviária

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

A montanha-russa do Ibovespa, o potencial da Localiza (RENT3) e o futuro da Petz (PETZ3); confira os destaques do dia

5 de julho de 2022

Se os primeiros seis meses foram comandados pelo temor de uma inflação persistentemente alta, o segundo semestre parece ter apresentado a todos a sua nova vilã ainda nos primeiros dias de julho — a recessão. Na primeira metade do ano, parecia mais fácil para o mercado financeiro se distrair com narrativas paralelas. Agora, dia sim […]

VAGAS AFIRMATIVAS

Itaú abre vagas para capacitação e contratação de pessoas trans; saiba como se inscrever

5 de julho de 2022

O programa terá início em setembro e formará 14 analistas em operações e atendimento, que serão contratados para atuar no banco em São Paulo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies