Menu
2019-08-16T10:18:53-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Mercados

Corrida para juro zero significa que ações vão se comportar muito bem, diz Mark Mobius

Investidor que tem o Brasil entre seus mercados preferidos avalia que juro baixo obriga investidores a caçar retorno

16 de agosto de 2019
10:18
Mark Mobius
Mark Mobius, Gestor do fundo Mobius Capital Partners - Imagem: VALERIA GONÇALVEZ

O investidor Mark Mobius é conhecido dos leitores do Seu Dinheiro. No fim do ano passado, esteve no Brasil comprando empresas para seu fundo. Em maio, disse que está convencido de que o Brasil pode decolar. Agora, em entrevista à imprensa internacional, destoa de alguns de seus pares e avalia que o corte coordenado de juros no mundo é boa notícia para o mercado de ações.

Para Mobius, que conversou com os colegas do site “Marketwatch”, com todos os grandes BCs em uma “corrida para fundo”, para o juro zero ou quase zero, o resultado será muito bom para os mercados. Mesmo que essa atuação seja uma tentativa de conter uma recessão global.

A ideia de Mobius é simples, juro baixo é boa notícia para o mercado de ações. “Você tem muito dinheiro procurando retorno. Por isso tenho dito aos meus analistas: ‘Vamos olhar para as ações que ofereçam algum retorno, pois é isso que as pessoas vão querer’”, disse. O link para a breve entrevista está aqui.

A postura de Mobius destoa de alguns pares de mercado que avaliam que o momento requer cautela. Das últimas duas vezes que o Federal Reserve (Fed, banco central americano) iniciou ciclos de corte, a recessão foi inevitável, com forte queda no preço das ações.

Recentemente mostramos a diferença de avaliação entre o Morgan Stanley e o Goldman Sachs com relação à bolsa americana. Pesquisa do Bank of America Merrill Lynch também nos mostrou que os gestores globais enxergam juros menores, mas que o temor com uma recessão é a maior desde 2011. Dentro desse quadro, é bom lembrar o conselho de outro grande investidor, Howard Marks: Mova-se com cautela.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

MERCADOS HOJE

De olho na MP da Eletrobras, Ibovespa começa a semana instável; dólar recua

Enquanto o exterior busca uma recuperação, por aqui os investidores estão de olho na Eletrobras e no recuo das commodities metálicas

Boletim focus semanal

Mercado eleva projeção para Selic em 2021

A taxa de juros que estava projetada em 6,25% agora vai para 6,50% até o final do ano. Para 2022, 2023 e 2024 a Selic permaneceu em 6,50%

O melhor do seu dinheiro

A B3 terá uma rival? Oportunidades no segmento de tecnologia, energia solar ganhando força e outras notícias do dia

Todo grande herói precisa de um antagonista à altura, nem que seja apenas para realçar seus feitos. Podemos até admitir que Gotham City seria uma cidade muito mais segura sem o Coringa, mas o que o Batman faria se não tivesse o grande inimigo? O mesmo acontece nos esportes. Michael Schumacher venceu sete campeonatos da […]

Fechando o cerco

Bitcoin cai 6% após Banco da China ameaçar encerrar contas envolvidas com criptomoeda

Além disso, a retirada de mineradores do país está afetando a taxa de mineração, que valida e dá segurança para a rede do bitcoin

Interesse estrangeiro

IPOs de grandes empresas devem trazer mais investidor estrangeiro para a Bolsa

Desde janeiro, o saldo de dinheiro estrangeiro na B3, a bolsa de valores de São Paulo, já chega a R$ 44 bilhões – número que contrasta fortemente com o primeiro semestre do ano passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies