Menu
2019-04-02T15:10:28-03:00
Estadão Conteúdo
IBGE

Produção de bens de capital sobe para 4,6% em fevereiro

Comparação é feita em relação ao mês de janeiro; no ano, houve ligeiro avanço de 0,1% na produção de bens de capital e, no acumulado em 12 meses, a taxa ficou positiva em 5,6%

2 de abril de 2019
12:07 - atualizado às 15:10
Parque industrial da Sepac
Parque industrial da Sepac - Imagem: Divulgação

A produção da indústria de bens de capital teve alta de 4,6% em fevereiro ante janeiro, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com fevereiro de 2018, o indicador mostrou aumento de 7,0%. Os dados fazem parte da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física (PIM-PF).

No ano, houve ligeiro avanço de 0,1% na produção de bens de capital. No acumulado em 12 meses, a taxa ficou positiva em 5,6%.

Em relação aos bens de consumo, a pesquisa registrou alta de 1,6% na passagem de janeiro para fevereiro. Na comparação com fevereiro de 2018, houve crescimento de 5,3%. No ano, a produção de bens de consumo subiu 1,2%. No acumulado em 12 meses, o avanço foi de 1,0%.

Na categoria de bens de consumo duráveis, o mês de fevereiro foi de avanço de 3,7% ante janeiro. Em relação a fevereiro de 2018, houve alta de 12,2%. Entre os semiduráveis e os não duráveis, houve elevação de 0,7% na produção em fevereiro ante janeiro. Na comparação com fevereiro do ano passado a produção cresceu 3,2%.

Para os bens intermediários, o IBGE informou que a produção recuou 0,8% em fevereiro ante janeiro. Em relação a fevereiro do ano passado, houve uma retração de 0,4%. No ano, os bens intermediários tiveram redução de 0,9%. Em 12 meses, houve diminuição de 0,3% na produção.

O índice de Média Móvel Trimestral da indústria teve ligeira alta de 0,1% em fevereiro.

Revisões
O IBGE revisou o resultado da produção industrial em janeiro de 2019 ante dezembro de 2018, de -0,8% para -0,7%. A taxa de dezembro ante novembro saiu de 0,2% para 0,3%.

Na categoria de bens de capital, a taxa de janeiro ante dezembro foi revisada de -3,0% para -2,6%. O resultado de dezembro ante novembro saiu de -3,5% para -4,3%, enquanto o desempenho de novembro ante outubro passou de -4,1% para -4,4%. A taxa de outubro ante setembro foi revista de 0,5% para 1,5%.

O desempenho de bens de consumo duráveis em janeiro ante dezembro passou de 0,5% para 1,3%. A taxa de dezembro ante novembro saiu de -1,7% para -1,0%, e o resultado de novembro ante outubro foi revisto -3,6% para -2,7%, e o de outubro ante setembro saiu de 3,1% para 2,1%.

Já os bens de consumo semi e não duráveis em janeiro ante dezembro foram revisados de -0,4% para 0,0%, e a taxa de dezembro ante novembro passou de 0,4% também para 0,0%. O desempenho de novembro ante outubro saiu de -1,0% para -0,4%.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Efeito reverso

Elon Musk fez piada sobre o Dogecoin na TV aberta — e as cotações desabaram

Elon Musk fez a aguardada participação no SNL no último sábado, fazendo piada sobre si mesmo e falando do Dogecoin — mas a cotação caiu forte

Pesquisa da FGV

Presente mais caro: inflação do Dia das Mães é a maior dos últimos quatro anos

Levantamento da FGV mostra que a inflação no Dia das Mães é a maior desde 2017; eletrodomésticos e passagens aéreas tiveram maiores saltos

Expansão

SPX Capital assume operações do Carlyle no país

As operações do Carlyle no Brasil serão absrovidas pela SPX Capital. Com isso, a gestora de Rogério Xavier se expande em private equity

ESTRADA DO FUTURO

Um pé no abismo e outro na casca de banana: como identificar ações de empresas decadentes

Excesso de otimismo, planos mirabolantes e desprezo pela inovação estão entre as receitas para uma empresa falhar, segundo o gestor que se dedicou a descobrir empresas terríveis

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies