Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-05-14T10:20:36-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Desaceleração

Atividade do setor de serviços tem queda de 0,70% em março

Este é o terceiro mês consecutivo que o setor registra uma queda. Em 12 meses, houve uma elevação de 0,60% no volume de serviços prestados

14 de maio de 2019
10:03 - atualizado às 10:20
Gráfico indicando queda
Gráfico indicando queda - Imagem: Shutterstock

O mês de março foi de queda no volume de serviços prestados . O setor teve um encolhimento de 0,70% comparado ao mês anterior. Em fevereiro, o resultado foi de -0,60. Os dados foram divulgados nesta terça-feira, 14, pela Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A queda foi registrada em três das cinco atividades pesquisadas. O maior destaque negativo ficou com os serviços de informação e comunicação, que caíram 1,7%, seguido de serviços administrativos (-0,1%) e outros serviços (-0,2).

Este é o terceiro mês consecutivo que o setor registra uma queda no volume de serviços prestados. O resultado ficou dentro das estimativas de analistas ouvidos pelo Broadcast, mas foi pior que a mediana. A previsão variava entre uma queda de 0,90% a um avanço de 0,30%.

Comparado ao mesmo período do ano passado, o volume teve uma queda de 2,30%, com o efeito da inflação já registrado.  Em 12 meses, houve uma elevação de 0,60%.

Na contramão

Enquanto isso, os serviços de transporte seguiram na direção contrária e apresentaram um crescimento de 0,5% em março.  O vanço vem após três quedas seguidas, entre dezembro e fevereiro. Serviços à família também apresentaram alta, de 1,4%.

 

 

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Me vê bitcoin

De olho no interesse dos clientes por bitcoin (BTC), Mastercard vai lançar plataforma que une criptomoedas com cartões de débito e crédito

Com essa integração, o cliente pode receber cashback em criptomoedas após compras no cartão de crédito, por exemplo

Exile on Wall Street

Felipe Miranda: Entre “O fim do Brasil —parte 2” e o começo da terceira via

Depois do desastre com o teto de gastos, o que podemos esperar de uma resolução que não envolva nem Lula nem Bolsonaro?

COLUNA DO JOJO

Bolsa hoje: Suas definições de “responsabilidade fiscal” foram atualizadas

A temporada de resultados brasileira, que começou na última sexta-feira, segue hoje com EcoRodovias, EDP Brasil, Neoenergia e TIM, após o fechamento do mercado. Enquanto isso, ao longo do dia, o presidente Jair Bolsonaro deverá lançar o Programa de Crescimento Verde, indicativo positivo para a COP26 de novembro

CRIPTOMOEDAS HOJE

Bitcoin (BTC) retoma os US$ 63 mil após cair na sexta-feira e outras criptomoedas sobem até 10% hoje; confira

Destaque para a Solana (SOL), que vem apresentando resultados acima da média das dez principais moedas do mundo

UM OLHO NO GATO, OUTRO NO PEIXE

Como a encrencada Evergrande pretende se inspirar em Elon Musk para sair da draga

Depois de depositar dinheiro devido a credores externos, fundador fala em deixar em segundo plano os empreendimentos imobiliários para investir em setores considerados mais promissores

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies