Menu
2019-06-21T13:03:44-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
e o otimismo?

‘Prévia do PIB’ tem queda de 0,28% em março

IBC-Br, que avalia o ritmo da economia brasileira ao longo dos meses, teve um novo recuo após baixa de 0,98% em fevereiro

15 de maio de 2019
9:16 - atualizado às 13:03
Gráfico desenhado por um homem mostra queda
Imagem: Shutterstock

Após a 11º queda consecutiva nas projeções do mercado para a economia brasileira divulgado na última segunda-feira, o Banco Central acaba de divulgar os últimos números do Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), considerado uma prévia do PIB, avaliando o ritmo da economia brasileira.  Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (15).

Segundo dados do BC, a economia teve nova baixa e recuou 0,28% em março, no comparativo com fevereiro. O índice já vinha de um recuo de 0,98% no mês de fevereiro. A queda no primeiro trimestre de 2019 foi de 0,68%.

O IBC-Br passou de 137,07 pontos para 136,62 pontos, alcançando o menor resultado para o mês desde maio de 2018. O resultado veio próximo do esperado pelos analistas ouvidos pelo Broadcast.

A previsão do Banco Central para a atividade doméstica em 2019 é de avanço de 2,0%.  O número deve ser revisto para baixo no próximo Relatório Trimestral de Inflação (RTI), marcado para junho.

Comparado ao mesmo mês de 2018, o indicador de março apresentou um resultado pior do que a média dos números esperados. Na comparação, houve uma queda de 2,52%, ante a queda de 2,30% projetada pelos especialistas.

Na ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), divulgada nesta terça-feira, 14, o BC já havia afirmado que os "indicadores disponíveis sugerem probabilidade relevante de que o PIB tenha recuado ligeiramente no primeiro trimestre do ano, na comparação com o trimestre anterior".

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Oferta de ações

Caixa Seguridade (CXSE3): reservas para o IPO terminam no dia 26; veja os detalhes e se vale a pena investir

Banco público pretende captar até R$ 6,5 bilhões com a venda de parte de suas ações na empresa que reúne suas participações em seguros

Fechando o bolso

Republicanos contrariam Biden e propõem pacote alternativo de US$ 568 bilhões para infraestrutura

O valor defendido pela oposição é muito inferior aos mais de US$ 2 trilhões propostos pelo presidente democrata

Aceno a Biden

Na Cúpula do Clima, Bolsonaro promete zerar emissões de gases de efeito estufa até 2050

No encontro, organizado por Joe Biden, o presidente do Brasil também se comprometeu a zerar o desmatamento ilegal até 2030

Nem o agro se salva

Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) engrossa a lista de IPOs adiados em 2021

A empresa, que já havia interrompido a oferta por alguns dias em janeiro, citou a “deterioração” do mercado em seu segundo adiamento

perspectivas

Temporada de balanços 1º tri: quem deve ir bem e quem ainda está mal, segundo o BofA

Empresas começam a divulgar resultados de um período marcado por lockdowns e alta dos preços das commodities; veja o que esperar

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies