Menu
2019-04-02T10:57:45-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Por R$ 17,7 milhões

Linx anuncia compra da Hiper Software

Com a aquisição, empresa planeja crescer em meios de pagamento e nuvem entre micro e pequenas empresas

2 de abril de 2019
10:24 - atualizado às 10:57
SAO PAULO 22-01-2019 - SEU DINHEIRO -Alberto Menache, CEO da Linx, uma empresa que desenvolve softwares de varejo - Foto na Sede da empresa, Eb Birmann - Zona Sul de Sao Paulo FOTO VALERIA GONCALVEZ/SEU DINHEIRO
SAO PAULO 22-01-2019 - SEU DINHEIRO -Alberto Menache, CEO da Linx, uma empresa que desenvolve softwares de varejo - Foto na Sede da empresa, Eb Birmann - Zona Sul de Sao Paulo FOTO VALERIA GONCALVEZ/SEU DINHEIRO -

A Linx anunciou a compra da Hiper Software, empresa de soluções para micro e pequenos varejistas sob demanda (software as a service - Saas). O negócio deve custar R$ 17,7 milhões, pagos à vista, e R$ 32,3 milhões sujeitos a metas financeiras e operacionais de penetração das soluções de TEF e Linx Pay na base de clientes até 2021.

A empresa adquirida tem 15 mil clientes ativos em 2 mil municípios e cerca de 600 canais de distribuição. O faturamento bruto esperado este ano é de R$ 13,0 milhões. Com a Hiper Software, a Linx espera aumentar o mercado endereçável de Linx Pay Hub.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Pesquisa da FGV

Presente mais caro: inflação do Dia das Mães é a maior dos últimos quatro anos

Levantamento da FGV mostra que a inflação no Dia das Mães é a maior desde 2017; eletrodomésticos e passagens aéreas tiveram maiores saltos

Expansão

SPX Capital assume operações do Carlyle no país

As operações do Carlyle no Brasil serão absrovidas pela SPX Capital. Com isso, a gestora de Rogério Xavier se expande em private equity

ESTRADA DO FUTURO

Um pé no abismo e outro na casca de banana: como identificar ações de empresas decadentes

Excesso de otimismo, planos mirabolantes e desprezo pela inovação estão entre as receitas para uma empresa falhar, segundo o gestor que se dedicou a descobrir empresas terríveis

Novo competidor

Grupo catarinense que fatura R$ 8,8 bi vai abrir 1º atacarejo no estado de SP

O Grupo Pereira vai abrir uma unidade da Fort Atacadista, sua bandeira de atacarejo, na cidade de Jundiaí; forte competição em SP é desafio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies