O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-05-07T15:02:20-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
DESEMBARQUE AUTORIZADO

Eve, startup de “carros voadores” da Embraer (EMBR3), recebe novo sinal verde para fusão com norte-americana; veja como a operação garantirá listagem da brasileira na bolsa de NY

A empresa aterrissará na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) sob os tickers EVEX e EVEXW, com valor implícito de US$ 2,4 bilhões

7 de maio de 2022
15:02
Arte conceitual do eVTOL da Eve, subsidiária da Embraer (EMBR3)
Imagem: Divulgação

A Eve deve desembarcar em breve na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE). Os acionistas da norte-americana Zanite aprovaram na última sexta-feira (6) a combinação de negócios com a startup de "carros voadores" da Embraer (EMBR3).

Vale lembra que a Zanite é uma companhia de propósito específico de aquisição (Spac, na sigla em inglês) voltada para o setor de aviação. Ou seja, ela pode ajudar uma empresa fechada como a Eve a chegar à bolsa de valores sem as burocracias de um IPO.

Por isso, a fusão é considerada um passo decisivo para que a empresa resultante, que passará a se chamar Eve Holding, seja listada na NYSE. E ela aterrissará na bolsa norte-americana sob os tickers EVEX e EVEXW com valor implícito de US$ 2,4 bilhões.

A cifra supera a avaliação de mercado da própria fabricante cinquentenária de aeronaves, que está atualmente em US$ 2,04 bilhões.

Listagem nos EUA deve ser confirmada na próxima semana

Embraer e Eve já confirmaram que farão um anúncio na próxima terça-feira (10), em Nova York. Embora o tema do evento não tenha sido revelado, o mercado espera que a empresa de carros voadores confirme a listagem nos EUA.

Isso porque o encontro reune a direção das duas companhias: o CEO da Embraer, Francisco Gomes Neto, e os dois CEOs da Eve: Andre Stein e Jerry DeMuro.

Detalhes sobre o negócio entre a norte-americana e a startup da Embraer (EMBR3)

De volta à fusão, a assembleia extraordinária da Zanite ocorreu de forma virtual e teve duração de apenas 10 minutos, com a aprovação da combinação dos negócios e de outras pautas, como o aumento do número de ações Classe A de 100 milhões para 1 bilhão.

No negócio, a Embraer (EMBR3) permanecerá como acionista majoritária. Sua participação acionária será de aproximadamente 82% na Eve Holding. O controle será exercido por meio de sua subsidiária Embraer Aircraft Holding, Inc. A operação também já aprovada pelos conselhos da Embraer e da Zanite e deve ser concluída no segundo trimestre de 2022.

Após o fechamento da transação, considerando que não haja resgate pelos acionistas da Zanite, a Eve terá aproximadamente US$ 512 milhões em dinheiro, resultando em um valor patrimonial pro forma total de cerca de US$ 2,9 bilhões.

Tanto a fabricante quanto a Spac concordaram com um período de restrição de três anos para a venda de suas respectivas ações.

Posição estratégica

Os carros voadores da Eve também são conhecidos como eVTOLs. No decorrer dos últimos meses, a Eve assegurou encomendas de 17 clientes, por meio de cartas de intenções não vinculantes. Isto resultou em um “pipeline” de 1.735 veículos avaliados em aproximadamente US$ 5,2 bilhões.

Pelo acordo, a Eve será comandada por Jerry DeMuro, que mais recentemente atuou como CEO da BAE Systems, Inc., e Andre Stein, que está à frente da Eve desde seu início e ocupou posições no alto escalão da Embraer por mais de duas décadas.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

'PERGUNTA PRO SACHSIDA'

Bolsonaro se pronuncia sobre ‘fritura’ e possível substituição do presidente da Petrobras (PETR4)

Bolsonaro voltou a dizer que “ninguém vai tabelar preço de combustível”, mas afirmou que a “finalidade social” da Petrobras não está sendo cumprida

BAIXOU A PREVISÃO

Magazine Luiza (MGLU3) rebaixado: JP Morgan corta previsão para ações antes do balanço de amanhã, mas projeção ainda é de alta de quase 50%; entenda motivos

O cenário de alta dos juros deve pressionar o varejo, mas o JP Morgan entende que a empresa está bem posicionada no setor

ESFRIOU

Ano deve ter queda de fusões e aquisições, mas 2022 conta com negócios de grante porte até o momento; relembre algumas delas

Entre os fatores que causaram essa freada, estão a guerra entre Rússia e Ucrânia e a expectativa de desaceleração na China, após lockdowns para conterdos casos de covid

SEU DIA EM CRIPTO

Terra (LUNA) não acompanha recuperação do bitcoin (BTC) neste domingo; criptomoedas tentam começar semana com pé direito

Mesmo com a retomada de hoje, as criptomoedas acumulam perdas de mais de dois dígitos nos últimos sete dias

A COISA VAI ESQUENTAR

Novo capítulo da guerra? Vizinhos da Rússia, Finlândia e Suécia devem se juntar à Otan e tensão na região aumenta

Vladimir Putin, presidente russo, já havia dito que a entrada dos países na Organização exigiria retaliações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies