Menu
2019-10-14T14:26:05-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Reta final

Fusão entre Nextel e Claro é aprovada sem restrições pelo Cade

A operação aprovada envolve a aquisição, pela América Móvil, de 100% do capital social da Nextel Holdings atualmente detida por NII International e AI Brasil

9 de setembro de 2019
11:22 - atualizado às 14:26
Nextel – Claro
Imagem: Seu Dinheiro

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a aquisição do controle da Nextel Holdings pela América Móvil, dona da operadora Claro. A transação também depende da aprovação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

A decisão, publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (9), vinha sendo acompanhada pelas concorrentes Oi, Telefônica Brasil e TIM. As empresas estavam preocupadas no aumento do poder de mercado da Claro depois de confirmada a operação.

A operação aprovada envolve a aquisição, pela América Móvil, de 100% do capital social da Nextel Holdings - e, indiretamente, da Nextel Brasil -, atualmente detida por NII International e AI Brasil. Após a operação, a América Móvil passará a exercer o controle unitário da Nextel.

As empresas informaram ao Cade que "a integração entre as plataformas das partes possibilitará que a Claro aumente a oferta de seus serviços nos mercados afetados, especialmente de SMP (Serviço Móvel Pessoal), estimulando a inclusão digital e proporcionando aos atuais clientes da Nextel Brasil acesso ao portfólio completo de produtos e serviços ofertados pela Claro".

Segundo a empresa, a aquisição de ativos da Nextel Brasil também está alinhada com a estratégia de ampliar a distribuição de plataformas da Claro, combinado com o incremento de capacidade necessário ao atendimento da crescente demanda e preferência dos consumidores pelo consumo de dados móveis.

O anúncio da compra da Nextel pela mexicana América Móvil foi feito em março, pelo valor de US$ 905 milhões (R$ 3,47 bilhões).

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Explica direito isso aí...

Procon-SP cobra explicações de Gol, Azul, Latam e mais 7 aéreas sobre cancelamentos, remarcações e reembolsos na pandemia

As empresas têm até o dia 10 de maio para responderem questionamentos sobre sua política de comercialização de passagens no período

Melhorias no ar

Azul divulga projeções e aposta em recuperação total no início de 2022

A companhia aérea foi a única das Américas a aumentar seu caixa em 2020 e aposta em um Ebitda de cerca de R$ 4 bilhões no próximo ano

Podcast Tela Azul

CASH3: Conheça a Méliuz, sua estratégia de cashback e saiba por que esta ação tech está bombando

Em entrevista para o Podcast Tela Azul da Empiricus, Lucas Marques, COO da Méliuz, conta sobre a onda da estratégia de cashback e como ela funciona. É falado também do atual foco da companhia em Growth, e dos planos futuros. Entenda o que é o “jabutiCAC”, jargão que surgiu nesta edição.

Desceu redondo

Na Ambev, a venda de cerveja garantiu o happy hour no primeiro trimestre

A Ambev reportou forte crescimento na receita líquida e no lucro no primeiro trimestre, impulsionada pelas vendas de cerveja no Brasil

cardápio dos balanços

Balanços de Copel, Braskem, Azul e outros mexem com o mercado nesta quinta; veja os destaques

Só no Ibovespa, foram ao menos cinco companhias que revelaram os resultados do primeiro trimestre entre esta quarta e quinta; desempenho mexe com os papéis das companhias

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies