Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-11T15:46:10-03:00
Estadão Conteúdo
A pauta é entrada de dólares

Fluxo cambial total em setembro até dia 6 é negativo em US$ 1,591 bilhão

Resultado é um reflexo de aportes no valor de US$ 9,386 bilhões e de retiradas no total de US$ 11,130 bilhões

11 de setembro de 2019
15:46
Notas de dólar
Imagem: Shutterstock

Depois de encerrar agosto com saídas líquidas de US$ 4,317 bilhões, o País registrou fluxo cambial negativo de US$ 1,591 bilhão em setembro até o dia 6, informou o Banco Central. O período corresponde à primeira semana do mês.

O canal financeiro apresentou saídas líquidas de US$ 1,744 bilhão. Isso é resultado de aportes no valor de US$ 9,386 bilhões e de retiradas no total de US$ 11,130 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo de setembro até o dia 6 é positivo em US$ 153 milhões, com importações de US$ 2,969 bilhões e exportações de US$ 3,122 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 542 milhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 902 milhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 1,678 bilhão em outras entradas.

No ano

O fluxo cambial do ano até 6 de setembro ficou negativo em US$ 8,117 bilhões. Em igual período do ano passado, o resultado era positivo em US$ 23,303 bilhões.

A saída pelo canal financeiro neste ano até 6 de setembro foi de US$ 22,022 bilhões. O resultado é fruto de aportes no valor de US$ 376,896 bilhões e de envios no total de US$ 399,008 bilhões.

No comércio exterior, o saldo anual acumulado até 6 de setembro ficou positivo em US$ 13,905 bilhões, com importações de US$ 116,028 bilhões e exportações de US$ 129,932 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 23,005 bilhões em ACC, US$ 33,632 bilhões em PA e US$ 73,296 bilhões em outras entradas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Ele está de volta?

Setores fazem pressão por volta do horário de verão

Criado com a finalidade de aproveitar o maior período de luz solar durante a época mais quente do ano, o horário de verão foi instituído no Brasil em 1931 pelo então presidente Getúlio Vargas e adotado em caráter permanente a partir de 2008.

MANOBRAS

Juiz põe no banco dos réus ex-gestores do banco Máxima por gestão fraudulenta

O Banco Máxima S.A. informa que seus atuais acionistas assumiram a administração do banco em 2018, após aprovação pelo Banco Central, e que os integrantes da antiga gestão não têm mais qualquer relação com a instituição financeira

Foguete? Tô fora!

Warren Buffet: o bilionário que não quer conhecer as estrelas

Enquanto Bezos, Musk e Branson protagonizam a nova corrida especial, o Oráculo de Omaha prefere apenas observar

O melhor do Seu Dinheiro

O seu momento Sherlock Holmes

Na adolescência, ouvia que quem buscasse por romance policial brasileiro deveria ler algo do Rubem Fonseca. Era uma vontade minha achar uma história desse gênero que fosse mais próxima da minha realidade — e o filtro nacionalidade me pareceu o mais adequado.  A ideia surgiu depois de ter conhecido parte das histórias criadas por Agatha […]

Mesa Quadrada

Comentarista da ESPN Paulo Antunes fala da sua paixão por futebol americano e experiência no mercado financeiro

Ele conta sobre suas aventuras na cobertura de futebol americano e basquete e ainda revela seus investimentos na Bolsa em novo episódio do podcast Mesa Quadrada

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies