Menu
2019-04-25T17:29:52-03:00
Estadão Conteúdo
Clima tenso no governo americano

Trump critica medidas do Fed e diz que PIB dos EUA poderia ter chegado a 4%

BC americano decidiu manter a taxa básica de juros do país na faixa de 2,25% a 2,50% ao ano em março e sugeriu que não elevará as taxas ao longo deste ano

14 de abril de 2019
13:25 - atualizado às 17:29
GIf de Donald Trump
Donald Trump - Imagem: Giphy

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, usou sua conta no Twitter neste domingo para criticar medidas adotadas pelo Federal Reserve (Fed, Banco Central dos EUA).

"Se o Fed tivesse feito o seu trabalho corretamente, o que não aconteceu, o mercado de ações teria subido entre 5.000 a 10.000 pontos adicionais, e o PIB (Produto Interno Bruto) teria ficado bem acima de 4%, ao invés de 3%... quase sem inflação", afirmou Trump pela rede social.

" Aperto quantitativo foi um assassino, deveria ter feito exatamente o oposto!", acrescentou.

Em março, o Fed decidiu manter a taxa básica de juros do país na faixa de 2,25% a 2,50% ao ano e sugeriu que não elevará as taxas ao longo deste ano.

Em 2018, o Fed aumentou juros em quatro ocasiões. Quanto ao PIB dos EUA, houve crescimento de 2,9% em 2018, segundo o Departamento de Análises Econômicas do país.

Para 2019, Fundo Monetário Internacional (FMI) projeta avanço de 2,3%; para 2020, a previsão é de incremento de 1,9%.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

em meio à crise

GPA tem alta de 150% no lucro, com melhora operacional no Brasil

Cifra atingiu R$ 386 milhões; Assaí apresentou faturamento de R$ 10,1 bilhões, incremento de R$ 2,5 bilhões contra o ano anterior

Números fortes

Vale tem lucro líquido de US$ 2,9 bilhões no 3º tri, alta de 76% na comparação anual

Lucro líquido cresceu quase 76% em relação ao terceiro trimestre do ano passado; Ebitda ajustado chegou a mais de US$ 6 bilhões

Análise

O mercado trucou, e o Banco Central mandou descer ao bancar juro baixo

Emparedado pelo repique da inflação e pelo aumento do risco fiscal, o BC foi inflexível e sustentou o “forward guidance”, a sinalização de que a Selic permanecerá baixa por um longo período

Acelerou

Bolsonaro assina sanção da lei que prorroga incentivos para setor automotivo

A sanção do projeto, assinada por Bolsonaro, deve ser publicada até esta quinta-feira, 29, no Diário Oficial da União (DOU).

o pior já passou?

Petrobras tem prejuízo de R$ 1,5 bilhão no terceiro trimestre, com adesão a anistias tributárias

Analistas esperavam prejuízo de R$ 4,15 bilhões; após baixa com a pandemia, estatal aumentou a participação de mercado e manteve um patamar alto de exportações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies