Menu
2019-08-14T10:36:29-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
um tango triste

Honda anuncia que vai deixar de produzir carros na Argentina em 2020

Esse é o segundo baque no mercado do País em dois dias. Na segunda-feira, os investidores reagiram mal ao resultado das prévias das eleições presidenciais

14 de agosto de 2019
9:22 - atualizado às 10:36
Honda carros veículos
Imagem: Shutterstock

A Honda anunciou nesta terça-feira, 13, que vai parar de produzir automóveis na Argentina a partir de 2020, focando suas operações produtivas no País no segmento de motocicletas.

Esse é o segundo baque no mercado argentino em dois dias. Na segunda, os investidores reagiram mal ao resultado das prévias das eleições presidenciais no país, que indicaram a possibilidade retorno do grupo político da família Kirchner ao governo.

"Diante das abruptas mudanças da indústria automotiva ao redor do mundo, a Honda tem buscado reforçar a coordenação e colaboração inter-regional, otimizando alocação e capacidade produtiva de automóveis globalmente”, informou a companhia em comunicado.

Conforme lembra o Estadão, a Argentina tem enfrentado queda na venda de veículos desde meados de 2018. Neste ano, o tombo acumulado é de cerca de 50%. A fábrica da Honda no país tem capacidade para produzir 30 mil carros ao ano em dois turnos, mas hoje opera em apenas um turno.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

números da pandemia

Brasil chega a 72,1 mil mortes por covid-19, diz Ministério da Saúde

Foram registrados 24.831 novos casos da doença; total chegou a 1.864.681

entrevista

‘Brasil virou pária do investimento internacional’, diz Persio Arida

Um dos signatários da carta de ex-ministros da Fazenda e do BC em defesa de uma retomada econômica “verde”, ele observa que o presidente tem feito uma “política ambiental horrenda” e na contramão do mundo

ao menos sete parlamentares

Verba de gabinete é usada para lucrar na internet

Deputados da base governista recorreram a empresas contratadas com dinheiro da cota parlamentar e assessores pagos pela Casa para gerir canais monetizados no YouTube

entrevista

‘Caminhamos para o precipício ambiental’, diz CEO da Suzano

Walter Schalka diz que a sustentabilidade tem de unir empresas e governo para que o Brasil possa virar uma potência ambiental no mundo

decisão da justiça

Ex-secretário, vereador e empresário de Marília tornam-se réus por fraudes

De acordo com o Ministério Público Federal, o grupo é acusado de corrupção ativa e passiva, peculato, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements