2019-05-30T15:34:48-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Mercado de capitais

BNDESPar venderá ações em oferta de ações da Linx na B3 e na Bolsa de Nova York

Linx não informou o quando pretende captar, mas a oferta pode movimentar entre US$ 250 milhões e US$ 300 milhões. Participação do BNDESPar é avaliada em R$ 320 milhões

29 de maio de 2019
19:58 - atualizado às 15:34
Varejo tecnologia
BNDESPar possui 5,82% do capital da companhia de tecnologia para o varejoImagem: Shutterstock

Agora é oficial. A Linx, empresa de tecnologia para o varejo, anunciou que pretende fazer uma nova oferta de ações. Mas desta vez em uma operação que acontecerá tanto na B3 como na Bolsa de Nova York (Nyse), com a listagem de ADRs (recibos de ações, na sigla em inglês).

O BNDESPar, que possui 5,82% do capital da companhia, pretende vender ações na oferta, dentro do plano do governo de vender as ações de empresas que possui na carteira. A participação é avaliada em R$ 320 milhões.

A Linx não informou o quando pretende captar, mas a oferta pode movimentar entre US$ 250 milhões e US$ 300 milhões – até R$ 1,2 bilhão, no câmbio atual.

Com a listagem em Nova York, a empresa segue a tendência de outras do setor de tecnologia que foram em busca dos recursos de investidores especializados no setor, como PagSeguro, Stone e Arco Educação.

A Linx pretende usar os recursos captados com a oferta primária (emissão de novas ações) para capital de giro, potenciais aquisições e no desenvolvimento de iniciativas como o Linx Pay Hub.

As ações da empresa encerraram o pregão de hoje na B3 cotadas a R$ 33,07, em alta de 0,2%. A companhia vale hoje R$ 5,5 bilhões na bolsa. Confira também nossa cobertura completa de mercados.

Lá fora, a oferta será coordenada pelos bancos Goldman Sachs, Morgan Stanley, Jefferies, BofA Merrill Lynch e Itaú BBA.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

FIM DO ABORTO LEGAL

Como a suspensão do direito ao aborto pela Suprema Corte dos EUA impacta as grandes empresas do país?

As big techs e os bancos americanos garantem o custeio ou reembolso de viagens para outros estados que permitem o aborto; Disney também se pronunciou

VAI E VOLTA

Uma Via de mão dupla: entenda por que o Citi melhorou a avaliação da varejista, mas cortou o preço-alvo de VIIA3 para R$ 2,80

Potencial de valorização dos papéis é de 23%, segundo o banco, que manteve a recomendação neutra para a empresa

Mãos ao alto

Mais um assalto: hackers roubam US$ 100 milhões em criptomoedas da blockchain Horizon

O ataque à ponte para blockchain já é o terceiro desde o início do ano; a companhia trabalha para recuperar os fundos perdidos

SEU DINHEIRO EXPLICA

‘Julgamento’ da Petrobras (PETR4): a estatal é a culpada pela explosão no preço do diesel e gasolina? Veja o ‘veredicto’ e descubra o impacto da empresa no seu bolso

O preço dos combustíveis explodiu nos últimos meses e, na procura de um bode expiatório, os olhos se voltam para a Petrobras, que estou em ‘julgamento’ que aponta se a petroleira é inocente ou culpada pelos valores que você paga para abastecer seu veículo

NOVO PARCEIRO, VELHOS PROBLEMAS

Bitcoin (BTC) avança para os US$ 21 mil e criptomoedas criam “suporte” para aguentar falta de liquidez; veja o que movimentou o mercado esta semana

A maior corretora de criptomoedas do mundo está de olho no Brasil, mas a autoridade monetária brasileira não dará trégua

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies