Menu
2019-09-24T19:33:19-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa e UBS Escola de Negócios. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência CMA, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico.
Tensão na Casa Branca

Presidente da Câmara dos EUA abre processo de impeachment contra Trump

Em meio ao imbróglio envolvendo supostas pressões exercidas por Trump sobre o presidente da Ucrânia para prejudicar o senador democrata Joe Biden, a Câmara dos Representantes dos EUA abriu um processo de impeachment contra o republicano

24 de setembro de 2019
19:33
Donald Trump
Imagem: Shutterstock

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pode estar em maus lençóis. Há pouco, a presidente da Câmara dos Representantes do país, Nancy Pelosi, anunciou a abertura de um processo de impeachment contra o republicano, afirmando que ações tomadas pelo chefe da Casa Branca "violaram a Constituição".

Como pano de fundo para o pedido, aparecem as supostas pressões exercidas por Trump sobre o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky. Em julho, o governo americano cortou uma verba de cerca de US$ 400 milhões que seria repassada à atual administração ucraniana.

Pouco tempo depois, num telefonema em julho, o presidente dos EUA teria tentado convencer Zelensky a abrir uma investigação contra um dos filhos do senador democrata Joe Biden, um dos potencial rivais de Trump nas próximas eleições presidenciais.

O argumento de Trump é o de que no passado, quando era vice-presidente de Barack Obama, Joe Biden teria se empenhado numa campanha para a demissão do promotor-geral da Ucrânia, Viktor Shokin. Na mesma época, o filho do então vice-presidente americano, Hunter Biden, trabalhava numa empresa ucraniana de gás natural — assim, caberia algum tipo de investigação contra a família do político.

Desta maneira, lideranças do partido Democrata argumentam que o corte de verba direcionada à Ucrânia foi usado como "moeda de troca": caso o presidente ucraniano aceitasse o pedido de Trump para investigar os familiares de Biden, os recursos seriam restabelecidos; caso não, a cifra continuaria congelada.

E, em meio a todo esse imbróglio, a presidente da Câmara dos Representantes — órgão semelhante à Câmara dos Deputados no Brasil — abriu um processo de impeachment contra Trump. Vale lembrar que Pelosi também faz parte do partido Democrata e sempre manifestou oposição ao republicano.

Trump reage

No meio da tarde, após ter discursado na Assembleia Geral da ONU, Trump disse ter autorizado a divulgação, nesta quarta-feira (25), da transcrição completa de sua conversa por telefone com o presidente da Ucrânia, afirmando que o diálogo entre os dois não envolveu qualquer tipo de pressão por sua parte.

O movimento foi entendido como a única alternativa para evitar a abertura do processo de impeachment por Pelosi, uma vez que, nos últimos dias, a insatisfação do partido Democrata a respeito da possibilidade de abertura de investigação contra a família de Biden tomou grandes proporções.

No entanto, a promessa feita por Trump não surtiu efeito, com a presidente da Câmara dos Representantes dando início ao processo de impeachment do republicano no início da noite. O movimento, apesar de emblemático, não deve causar maiores transtornos ao chefe da Casa Branca, ao menos por enquanto.

Afinal, o Senado americano possui maioria republicana e, assim, o processo tende a ser barrado ao chegar na Casa. No entanto, Trump foi ao Twitter neste início de noite para se manifestar sobre a abertura do pedido de impeachment.

"Num dia tão importante para o nosso país nas Nações Unidas, com tanto trabalho e tanto sucesso, foi arruinado de propósito pelos democratas com mais caça às bruxas. Isso é muito ruim para o nosso país", escreveu Trump, no Twitter. "Eles nunca leram a transcrição da conversa. Uma total caça às bruxas".

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

manifestações americanas

Trump ameaça usar militares para conter atos contra racismo

EUA registraram ontem o sétimo dia seguido de manifestações antirracistas, após a morte de George Floyd, um homem negro de 46 anos, asfixiado por um policial branco

mundo pós-covid

Não podemos entrar em briga tola contra a globalização, diz Mansueto

Secretário do Tesouro afirmou que o Brasil precisa expandir a presença no mercado internacional e aumentar tanto as exportações quanto as importações

R$ 4 bi a mais

CMN amplia limite para contratação de operações de crédito sem garantia da União

Ministério da Economia afirma que os novos limites entram em vigor a partir desta segunda-feira, 1º

mudança histórica

Opportunity vai transformar Hotel Glória em residências de luxo

Inaugurado em 1922 para ser o primeiro cinco estrelas do Brasil, o Glória, em quase um século de existência, foi prestigiado por 19 chefes de Estado, além de artistas e políticos do mundo todo

Ações do mês

Vale, Magazine Luiza, Petrobras e JBS: como se comportaram as principais indicações das corretoras em maio?

As ações mais indicadas pelas corretoras tinham um perfil comum: resiliência e capacidade de adaptação. Elas foram muito testadas durante os últimos 30 dias, mas passaram com louvor

CAÇADOR DE ASSIMETRIAS

Direto ao ponto: comprar ou não comprar dólar?

A verdade é que ninguém sabe se o dólar vai cair, subir, andar de lado, dar cambalhota ou mortal carpado. Diante disso, quando me perguntam “comprar ou não comprar dólar”; eu devolvo com um segunda questionamento: “depende, você já tem dólar?”

Decisão em plenário

Toffoli marca julgamento sobre inquérito das fake news para semana que vem

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, marcou para a próxima quarta, 10, o julgamento sobre a continuidade ou não das apurações do inquérito das fake news

Ministério atualiza dados

Brasil chega a 526,4 mil casos e 29,9 mil mortes por coronavírus

Até o momento, 211.080 pacientes estão recuperados da doença

seu dinheiro na sua noite

O mundo em ebulição

Caro leitor, Não bastasse uma pandemia mundial que paralisou a economia, tensões políticas no Brasil e o retorno da troca de farpas entre Estados Unidos e China, temos assistido também, nos últimos dias, a intensos protestos nos EUA contra o racismo. No último fim de semana, às já habituais manifestações em apoio ao governo aqui […]

Cresceu 3,7% em 2019

Vendas de festa junina nos supermercados devem crescer 0,6% em SP, diz associação

A perspectiva do avanço de vendas em supermercados é bem menor do que a registrada no ano passado, um crescimento de 3,7%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements