Menu
2019-10-23T15:51:54-03:00
No entra e sai de dólares

Fluxo cambial total em outubro até dia 18 é negativo em US$ 6,224 bilhões

Já o fluxo cambial do ano até 18 de outubro ficou negativo em US$ 19,195 bilhões

23 de outubro de 2019
15:51
Dólar
Imagem: Shutterstock

Depois de encerrar setembro com saídas líquidas de US$ 6,446 bilhões, o País registrou fluxo cambial negativo de US$ 6,224 bilhões em outubro até o dia 18, informou o Banco Central.

O canal financeiro apresentou saídas líquidas de US$ 6,497 bilhões no período. Isso é resultado de aportes no valor de US$ 23,251 bilhões e de retiradas no total de US$ 29,748 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo de outubro até o dia 18 é positivo em US$ 274 milhões, com importações de US$ 8,876 bilhões e exportações de US$ 9,060 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 1,338 bilhão em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 2,129 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 5,593 bilhões em outras entradas.

No ano

O fluxo cambial do ano até 18 de outubro ficou negativo em US$ 19,195 bilhões, informou o Banco Central. Em igual período do ano passado, o resultado era positivo em US$ 18,191 bilhões.

A saída pelo canal financeiro neste ano até 18 de outubro foi de US$ 32,777 bilhões. O resultado é fruto de aportes no valor de US$ 436,752 bilhões e de envios no total de US$ 469,529 bilhões.

No comércio exterior, o saldo anual acumulado até 18 de outubro ficou positivo em US$ 13,582 bilhões, com importações de US$ 141,056 bilhões e exportações de US$ 154,638 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 26,345 bilhões em ACC, US$ 42,063 bilhões em PA e US$ 86,230 bilhões em outras entradas.

Semana

O fluxo cambial registrado na semana passada (de 14 a 18 de outubro) ficou positivo em US$ 634 milhões, informou o Banco Central.

O canal financeiro apresentou entrada líquida de US$ 299 milhões na semana, resultado de aportes no valor de US$ 11,280 bilhões e de envios no total de US$ 10,981 bilhões.

No comércio exterior, o saldo na semana passada ficou positivo em US$ 335 milhões, com importações de US$ 3,239 bilhões e exportações de US$ 3,574 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 334 milhões em ACC, US$ 812 milhões em PA e US$ 2,429 bilhões em outras entradas.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

esquenta dos mercados

Após ganhos recentes, incertezas com covid-19 e economia voltam a pesar nos mercados

Depois de um dia em que os mercados globais foram embalados pela esperança em uma recuperação rápida, a terça-feira começa em um tom mais cauteloso. Com os investidores absorvendo as incertezas que podem prejudicar a tão sonhada recuperação em V. Nos Estados Unidos, o avanço do coronavírus pode ser um obstáculo para a retomada da […]

crise no setor

Azul inicia demissões e sindicato afirma que já são mais de mil em todo o País

Empresa informa estar buscando soluções para enfrentar a crise decorrente da pandemia da covid-19

disputa em meio à crise

Acordo com Gol acirra disputa entre sócios da Smiles

Segundo sócios do Carpena Advogados, as operações de compra antecipada de passagens “não estão sendo realizadas pelo interesse da companhia, mas da sua controladora”

caçador de assimetrias

Admirável semestre novo: riscos e oportunidades para a segunda metade do ano

Devemos parar, respirar fundo e observar o panorama de risco, antes de refletir sobre uma suposta alocação ideal. Sobre os risco, eu poderia enumerá-los; veja neste texto

pedido de liminar

MPF pede afastamento de Ricardo Salles

De acordo com doze procuradores que assinam a ação, ministro atuado em série de atos, omissões e discursos que caracterizariam conduta intencional ‘com o objetivo de fragilizar a atuação estatal na proteção do meio ambiente’

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements