Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-08-14T15:47:14-03:00
Estadão Conteúdo
O entra e sai de dólares

Fluxo cambial total em agosto até dia 9 fica positivo em US$ 169 milhões

Resultado é reflexo de aportes no valor de US$ 12,831 bilhões e de retiradas no total de US$ 14,944 bilhões

14 de agosto de 2019
15:47
Notas de dólar
Imagem: Shutterstock

Depois de encerrar julho com entradas líquidas de US$ 2,912 bilhões, o País registrou fluxo cambial positivo de US$ 169 milhões em agosto até o dia 9, informou o Banco Central.

O canal financeiro apresentou saídas líquidas de US$ 2,112 bilhões no período. Isso é resultado de aportes no valor de US$ 12,831 bilhões e de retiradas no total de US$ 14,944 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo de agosto até o dia 9 é positivo em US$ 2,281 bilhões, com importações de US$ 3,877 bilhões e exportações de US$ 6,158 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 929 milhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 1,912 bilhão em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 3,317 bilhões em outras entradas.

Semana

O fluxo cambial registrado na semana passada (de 5 a 9 de agosto) ficou positivo em US$ 153 milhões.

O canal financeiro apresentou saída líquida de US$ 918 milhões na semana, resultado de aportes no valor de US$ 8,993 bilhões e de envios no total de US$ 9,911 bilhões.

No comércio exterior, o saldo na semana passada ficou positivo em US$ 1,071 bilhão, com importações de US$ 2,733 bilhões e exportações de US$ 3,804 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 715 milhões em ACC, US$ 967 milhões em PA e US$ 2,122 bilhões em outras entradas.

No ano

O fluxo cambial do ano até 9 de agosto ficou negativo em US$ 2,041 bilhões. Em igual período do ano passado, o resultado era positivo em US$ 28,976 bilhões.

A saída pelo canal financeiro neste ano até 9 de agosto foi de US$ 13,844 bilhões. O resultado é fruto de aportes no valor de US$ 340,677 bilhões e de envios no total de US$ 354,521 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo anual acumulado até 9 de agosto ficou positivo em US$ 11,804 bilhões, com importações de US$ 101,961 bilhões e exportações de US$ 113,764 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 20,327 bilhões em ACC, US$ 29,787 bilhões em PA e US$ 63,650 bilhões em outras entradas.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

ENTROU NO JOGO

Previsão de US$ 1 trilhão da Greyscale ficou pequena: Goldman Sachs acredita que metaverso é oportunidade de US$ 8 trilhões

De acordo com cálculos do analista da instituição financeira, as previsões mais otimistas dão conta de um valor potencial de até US$ 12 trilhões

De volta ao lar

Embraer (EMBR3) reintegra o setor de aviação comercial após o fiasco com a Boeing. E agora, como ficam as ações?

Para a Embraer (EMBR3), a parceria com a Boeing em aviação comercial é passado; mas será que o mercado precifica corretamente suas ações?

Disposta a competir com as gigantes, Infracommerce (IFCM3) pode ver salto de mais de 70% nas suas ações, diz BofA; papéis sobem mais de 4%

Banco iniciou a cobertura dos papéis da fornecedora de infraestrutura de e-commerce para outras empresas com recomendação de compra e preço-alvo de R$ 25 por ação

AMPLIANDO A BASE

Em busca do pequeno investidor, BR Partners (BRBI11) fecha preço de oferta de ações; papéis sobem

Banco havia realizado IPO em junho do ano passado em operação que permitia a compra dos papéis nos primeiros 18 meses apenas por investidores que tivessem mais de R$ 1 milhão em aplicações, os chamados investidores qualificados

BITCOIN (BTC) HOJE

Bitcoin (BTC) avança para os US$ 38 mil antes da decisão de política monetária do Fed, mas semana ainda é difícil para mercado de criptomoedas

Investidores aguardam maiores informações sobre a retirada de estímulos e alta nos juros por parte do Banco Central americano

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies