Menu
2019-08-15T09:19:14-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Câmbio

Dólar abre pregão em baixa após BC anunciar venda à vista

Oferta de moeda à vista não acontecia desde fevereiro de 2009. BC está trocando contratos de swaps por moeda à vista.

15 de agosto de 2019
9:16 - atualizado às 9:19
Dólar
Imagem: Shutterstock

O dólar comercial começou o dia em baixa, caindo 0,45%, sendo negociado na casa dos R$ 4,02, com os agentes de mercado colocado no preço o anúncio do Banco Central (BC) voltar a oferecer dólares à vista, algo que não acontecia desde fevereiro de 2009. Outras moedas emergentes também têm desempenho positivo ante o dólar.

O anúncio foi feito na noite de ontem e as intervenções começaram na quarta-feira, dia 21. O BC está trocando contratos de swaps (que equivalem à venda de dólar no mercado futuro) por moeda à vista. Também são feitas operações de swaps reverso (que equivalem à compra de dólar futuro).

A operação busca a rolagem integral de até US$ US$ 3,8445 bilhões (76.890 contratos) que é o montante de swaps a vencer em outubro. Serão ofertados até US$ 550 milhões por dia junto com swaps tradicionais e reversos.

Resumindo bem a questão, o BC entra com o dólar à vista pelo simples fato de que falta “moeda de verdade” para a cobertura de compromissos cambiais e os bancos parecem ter atingido o limite de capacidade de tomar linhas externas e fazer oferta por aqui (a posição vendida dos bancos está na casa dos US$ 30 bilhões, entre as maiores da história).

No fim dessa operação, o BC espera ter trocado os US$ 3,8445 bilhões em swaps por moeda à vista ou feito a rolagem desses contratos.

Como não poderia ser diferente, o anúncio da operação gera variadas interpretações e críticas. No entanto, o BC vinha falando que não tinha “preconceito” com os diferentes instrumentos cambiais e que atuaria para atender à demanda do mercado.

Segundo o próprio BC há uma redução na demanda de proteção cambial (hedge) e o aumento da demanda de liquidez no mercado de câmbio à vista. Discutimos detidamente esse tema nesse texto aqui.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

DINHEIRO NO BOLSO

Neoenergia e Sanepar divulgam condições para pagamento de JCP

Ambas aprovaram pagamentos do provento no ano passado e marcaram para distribuir os valores a partir deste mês

em cima do laço

No limite do prazo, Bolsonaro sanciona Orçamento de 2021 com veto parcial

Até a sanção, governo vinha executando apenas as ações e programas considerados obrigatórios ou inadiáveis

SEXTOU COM O RUY

Quem realmente ganha dinheiro com as operações de day trade na bolsa

Se você realmente tiver interesse em viver de day trade, vai fundo. Eu apenas gostaria de lembrar que a tarefa é muito mais difícil (muito mesmo) do que as corretoras fazem parecer

IR 2021

Como a Receita calcula o imposto de renda devido e o valor das restituições

Jeito de calcular o imposto de renda devido e a eventual restituição varia de acordo com o modelo escolhido de declaração, se completo ou simplificado

seu dinheiro na sua noite

O IPO da Caixa Seguridade vem aí; vale a pena entrar?

Depois de algumas idas e vindas, o já mítico IPO da Caixa Seguridade finalmente vai sair. O processo de abertura de capital da holding de seguros da Caixa Econômica Federal foi paralisado duas vezes no ano passado, mas finalmente será concluído na semana que vem, com a estreia das ações na bolsa. O IPO da […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies