Menu
2019-06-25T19:34:51-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Crédito

Banco Central reduz custo e estimula home equity

Modalidade de empréstimo tem imóvel como garantia e BC quer ampliar volume de operações

25 de junho de 2019
19:27 - atualizado às 19:34
Casas-dinheiro-bancoimobiliario
Imagem: Shutterstock

O Banco Central (BC) quer ampliar a parcela de empréstimos com garantia de imóveis, o chamado home equity, e começou a facilitar esse tipo de operação.

Toda a vez que o banco faz um empréstimo, as regras prudenciais exigem um requerimento de capital de seus acionistas. O que o BC fez foi reduzir essa necessidade de capital para empréstimos com saldo devedor de até 50% do valor de avaliação do imóvel. Ao fazer isso, o BC estimula uma redução do juro cobrado na operação.

“Os ajustes contribuem para o desenvolvimento de uma das modalidades de empréstimos mais seguras e baratas do mercado de crédito”, diz o BC em nota.

Também em nota, o BC avalia o potencial de crescimento do home equity no Brasil. Enquanto nos EUA essas linhas representam cerca de 15% do crédito residencial, no Brasil tal percentual é inferior a 2%. A avaliação é de que o crescimento do home equity pode contribuir para reduzir o custo de crédito.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

APRENDENDO COM O PROFESSOR BESSEMBINDER

O clube dos 900%: o que você pode aprender com os maiores casos de geração de riqueza da Bolsa americana

Empresas quebrando são mais frequentes que empresas dominando o mundo em algumas décadas. Mas poucos acertos podem rechear a sua carteira e garantir sua aposentadoria precoce.

Entrevista

‘Desemprego alto e déficit público nos deixam cautelosos’, diz presidente da Whirlpool

CEO da fabricante das marcas Consul e Brastemp diz estar cauteloso para investir em produção e em relação à sustentabilidade da demanda, por conta de desemprego e da situação fiscal

Mercadores da noite

Bolsa, dólar e juros subindo: qual dos três está mentindo?

Quando a Bolsa, o dólar e as taxas de juros estão subindo ao mesmo tempo, um dos três está mentindo – qual deles será e o que fazer?

Infraestrutura

Novo marco legal para ferrovias vai a votação no Senado na próxima semana

Legislação promete organizar regras do setor e permitir novos formatos para a atração de investimentos privados

Telecomunicações

Operadoras cobram transparência do governo na definição da tecnologia 5G

Teles se dizem preocupadas com as “incertezas” relativas ao processo, depois de governo sinalizar banimento da chinesa Huawei

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies