2019-12-11T18:56:36-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Mais de 11 milhões de ações

Menos de dois meses após IPO, BMG aprova programa de recompra de ações

Programa de recompra de ações do BMG entra em vigor nesta quarta-feira (11) e tem prazo de validade de um ano – até 8 de dezembro de 2020.

11 de dezembro de 2019
9:57 - atualizado às 18:56
Banco BMG - Imagem: Shutterstock

O banco BMG (BMGB4) anunciou na noite desta terça-feira (10) a abertura de um programa de recompra de até 11.994.003 ações PN. A quantia corresponde a 10% do total de papéis em circulação no mercado.

O programa entra em vigor nesta quarta-feira (11) e tem prazo de validade de um ano - até 8 de dezembro de 2020.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

Vale lembrar que o banco fez a sua estreia na bolsa de valores há pouco tempo. Em seu IPO, realizado no dia 24 de outubro, as ações do banco saíram no piso estabelecido de R$ 11,60, o que movimentou R$ 1,6 bilhões.

Mas, desde então, os papéis do BMG tiveram uma desvalorização de quase 24%, puxada pelos resultados desanimadores obtidos no terceiro trimestre de 2019. Instituições como o Credit Suisse, por exemplo, acreditam que a empresa ainda têm muito espaço para valorização.

Não é comum para uma companhia realizar uma oferta de recompra logo depois de se lançar na bolsa. Segundo o BMG, ao aplicar recursos disponíveis para a aquisição de papéis no programa, o objetivo é melhorar a geração de valor para os acionistas, já que contará com uma administração eficiente da estrutura de capital.

O banco irá utilizar sua reserva de lucros para realizar as eventuais recompras. De acordo com o banco, a iniciativa não trará impactos na composição acionária ou na estrutura administrativa da companhia. As ações adquiridas serão mantidas em tesouraria.

As ações do BMG fecharam em alta de 2,65% nesta quarta, cotadas a R$ 8,91.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa na onda das commodities, short de Nubank e o fim das ações das Lojas Americanas: veja as principais notícias do dia

Entre importar o otimismo ou o pessimismo do exterior, a bolsa brasileira tem preferido a primeira opção, nos últimos dias. Em mais um dia negativo para as bolsas americanas, o Ibovespa novamente nadou contra a maré vermelha e fechou em alta, impulsionado pelo avanço dos preços das commodities – sobretudo do minério de ferro. Com […]

Fechamento Hoje

Ibovespa novamente contraria exterior, sobe mais de 1% e fecha acima dos 108 mil pontos; dólar cai abaixo de R$ 5,50

Mesmo com dia negativo em Nova York, Ibovespa é impulsionado pelas commodities; varejistas e techs se recuperam com alívio nos juros futuros

CRYPTO NEWS

Cada vez mais países devem formar reservas de bitcoin ao longo de 2022; entenda como você pode aproveitar

Você provavelmente já viu uma imagem similar a esta abaixo. Ela mostra o conceito da curva de adoção, em S, de uma nova tecnologia ou produto. A curva em formato de sino é um reflexo da curva em S, mostrando o tamanho, ao longo do tempo, dos públicos que aderem a tal inovação. Malcolm Gladwell […]

NOVAS BAIXAS

Dois secretários e um diretor do Ministério da Economia pedem demissão do cargo; saiba quem são os substitutos

Um dos secretários vai para a Funpresp-Exe e o outro, para o Legislativo. Receita Federal diz que saída de seu diretor ocorreu a pedido do servidor

CONCESSÃO RECORDE

Caixa bate recorde em 2021 ao conceder R$ 140,6 bi em crédito habitacional e diz não esperar mais altas nos juros no financiamento imobiliário; entenda

O executivo afirmou que a Caixa segue os juros futuros com vencimento em oito anos para definir as taxas