2019-08-30T12:50:29-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Roupa nova

Banco Inter dará início às negociações com units na bolsa na sexta-feira

Os certificados de ações terão o código BIDI11 e representam duas ações preferenciais (PN) e uma ordinária (ON) do Banco Inter, que também vai aderir ao Nível 2 de governança da bolsa e estuda captar R$ 1 bilhão em uma oferta de ações

17 de julho de 2019
22:00 - atualizado às 12:50
Cartão do Banco Inter - Imagem: Julia Wiltgen/Seu Dinheiro

Anote o código "BIDI11". A partir desta sexta-feira, dia 19, as negociações com o Banco Inter na bolsa deverão se concentrar nas units – certificados que representam duas ações preferenciais (PN) e uma ordinária (ON) da instituição.

A mudança na forma como o Banco Inter é negociado na B3 faz parte de uma série de mudanças anunciadas pela instituição, que encerrou o semestre com mais de 2,5 milhões de clientes de sua conta digital.

O programa de units foi anunciado no começo deste mês. O período de conversão das ações ocorreu entre 8 e 15 de julho e contou com a adesão de 85% das ações PN e 31,3% das ações ON, o equivalente a aproximadamente 58,2% do capital total do banco.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

Junto com as units, o Banco Inter vai aderir ao Nível 2 de governança corporativa, o segundo mais rigoroso da B3, atrás apenas do Novo Mercado.

Se você possui ações do Inter e não aderiu ao programa de units, o banco informou que estuda abrir um novo período de conversão de ações a partir da segunda quinzena de agosto.

Lá vem oferta de ações

Desde o anúncio da adesão ao Nível 2 e o programa de units, as ações PN do Banco Inter (BIDI4) dispararam 26%. No pregão de hoje, os papéis fecharam em queda de 2,16%, a R$ 13,59.

Apesar da melhora na governança ser positiva, a alta surpreendeu porque a instituição anunciou também que estuda fazer uma oferta de ações, que pode chegar a R$ 1 bilhão.

Se for concretizada, a oferta será primária, com a emissão de novas units para reforçar o capital do banco. Ou seja, os controladores não pretendem vender seus papéis na operação, o que poderia ser interpretado como um sinal de que os donos do banco veem os preços atuais na bolsa como bons para venda. De todo modo, a emissão de novas ações levará a uma diluição dos atuais acionistas.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

O melhor do Seu Dinheiro

Ômicron de “A” a “Z”, dividendos, balanço da Black Friday e outros destaques

A variante ômicron recebeu este nome para evitar maiores conflitos de linguagem, mas Matheus Spiess vai além da semântica em sua análise

A BOLSA HOJE

Esquenta dos mercados: notícia sobre possível baixa eficácia das vacinas contra ômicron derruba mercados, em dia de discurso de Powell e votação dos precatórios

O investidor local ainda permanece de olho nas falas de Roberto Campos Neto e Paulo Guedes em eventos separados hoje

SÓ NO SAPATINHO

Dividendos: Arezzo (ARZZ3) vai distribuir R$ 60 milhões aos acionistas; veja como participar

Serão R$ 33,78 milhões em JCP e R$ 26,22 milhões em dividendos a serem depositados até 31 de janeiro de 2022

INCERTEZAS NO RADAR

CEO da Moderna levanta dúvidas sobre eficácia de vacinas contra a ômicron e provoca reação negativa nos mercados

Stéphane Bancel disse que cientistas consultados por ele esperam ‘queda significativa’ na eficácia dos imunizantes contra a nova cepa

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Os investidores agora viraram virologistas: os impactos da Ômicron sobre os mercados

Ainda não sabemos o bastante para decidir se esta é uma oportunidade de compra, mas parecemos estar mais preparados como sociedade para enfrentar o problema