2019-07-25T14:20:56-03:00
Estadão Conteúdo
fazendo as contas

Conta de viagens internacionais registra déficit de US$ 1,150 bi em junho

Desempenho da conta de viagens internacionais foi determinado por despesas de brasileiros no exterior, que somaram US$ 1,524 bilhão em junho

25 de julho de 2019
14:20
Avião nos céus
Avião nos céus - Imagem: Shutterstock

A conta de viagens internacionais voltou a registrar déficit em junho, informou o Banco Central nesta quinta-feira, 25. No mês passado, a diferença entre o que os brasileiros gastaram lá fora e o que os estrangeiros desembolsaram no Brasil foi de um saldo negativo de US$ 1,150 bilhão. Em igual mês de 2018, o déficit nessa conta foi de US$ 1,109 bilhão.

O desempenho da conta de viagens internacionais foi determinado por despesas de brasileiros no exterior, que somaram US$ 1,524 bilhão em junho. Já o gasto dos estrangeiros em passeio pelo Brasil ficou em US$ 374 milhões no mês passado.

No primeiro semestre, o saldo líquido da conta de viagens ficou negativo em US$ 5,730 bilhões. Para 2019, o BC estima um déficit de US$ 12,0 bilhões.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

Dívida externa bruta

A estimativa do Banco Central para a dívida externa brasileira em junho é de US$ 321,227 bilhões. Segundo a instituição, o ano de 2018 terminou com uma dívida de US$ 320,612 bilhões.

A dívida externa de longo prazo atingiu US$ 251,133 bilhões em junho, enquanto o estoque de curto prazo ficou em US$ 70,094 bilhões no fim do mês passado.

Fluxo comercial em julho

O chefe do Departamento de Estatísticas do Banco Central, Fernando Rocha, informou que o fluxo cambial total no País está negativo em US$ 1,677 bilhão em julho até o dia 23. A cifra é resultado de um fluxo comercial negativo de US$ 1,176 bilhão e de um fluxo financeiro negativo de US$ 501 milhões no mesmo período.

Na conta comercial, ocorreram em julho até o dia 23 importações de US$ 10,868 bilhões e exportações de US$ 9,692 bilhões. Dentro das exportações foram US$ 1,644 bilhão de Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 3,073 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 4,975 bilhões em demais operações. Dentro da conta financeira, ocorreram no período entradas de US$ 39,218 bilhões e saídas de US$ 39,719 bilhões.

Com o movimento verificado em julho, até o dia 23, a posição dos bancos no mercado à vista passou de vendida em US$ 30,867 bilhões no fim de julho para vendida em US$ 32,327 bilhões agora.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

BITCOIN (BTC) HOJE

Bitcoin (BTC) cai hoje, mas projeções para mercado de criptomoedas permanecem otimistas, segundo analistas; Cardano (ADA) dispara mais de 8%

Qualquer gatilho neste momento pode desencadear uma alta de preços e um novo bull market das criptomoedas

EXILE ON WALL STREET

Você quer ser reconhecido ou quer ganhar dinheiro? Entenda por que estar na moda nem sempre significa lucrar

O objetivo do investidor não deveria ser estar na moda nem ser reconhecido em conversas pseudointeligentes, uma vez que os ciclos não necessariamente se repetem à frente

Insights para lucrar

VOTAÇÃO: Qual o investimento mais atrativo para o seu patrimônio em 2022?

Seu Dinheiro abre espaço de diálogo entre investidores para cada um saber o que o outro pensa sobre bolsa, criptomoedas, renda fixa e muito mais; vote

BRASILEIRO NÃO DESISTE NUNCA

Longe do fim: Aliansce Sonae (ALSO3) avisa que vai insistir na fusão com a brMalls (BRML3)

Negócio bilionário entre as gigantes rivais daria origem à maior administradora de shoppings da América Latina

TRÉGUA CLIMÁTICA

Depois da Usiminas, Vale anuncia retomada gradual das atividades após chuvas devastadoras em MG

Retorno parcial das operações coincide com trégua nos temporais que deixaram dezenas de mortos e milhares de desabrigados no Estado