Menu
2019-08-18T10:51:48-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Demissão anunciada

Ministro da Fazenda da Argentina renuncia ao cargo e traz novas turbulências ao mercado internacional

Anúncio foi feito por meio de uma carta enviada a Mauricio Macri em que Nicolás Dujóvne justifica a necessidade de uma renovação na área econômica

17 de agosto de 2019
18:50 - atualizado às 10:51
Nicolás Dujóvne
Nicolás Dujóvne - Imagem: Shutterstock

Mais uma crise para preocupar os hermanos. O ministro da Fazenda da Argentina, Nicolás Dujóvne, renunciou ao seu cargo na noite deste sábado (17), ampliando as tensões do mercado internacional sobre a situação no país.

O anúncio foi feito por meio de uma carta direcionada ao presidente Mauricio Macri. O documento, divulgado pelo jornal La Nacion, aponta que o principal motivo para a demissão de Dujóvne seria a necessidade "de uma renovação significativa na área econômica". O agora ex-ministro ocupava o cargo desde janeiro de 2017.

E agora, quem entra?

O La Nacion já antecipou quem seria o substituto de Dujóvne. De acordo com a publicação, Hermán Lacunza, que ocupa o cargo de ministro da Economia da província de Buenos Aires, deve assumir a função na administração federal.

Se confirmado, Lacunza assumirá a economia de um país em profunda crise política e econômica. No último domingo, as eleições prévias apontaram para a vitória do oposicionista Alberto Fernández, e que tem a ex-presidente Cristina Kirchner como vice. A dupla conseguiu 47,66% dos votos, contra 32,08% de Macri. O mercado não gostou nada dessa mudança de comando e levou a bolsa argentina a despencar 32% na segunda-feira.

Diante das inseguranças dos investidores, Macri tentou acalmar os mercados anunciando um pacote de medidas econômicas. Entre as ações estavam o aumento do salário mínimo, o congelamento do preço da gasolina e o pagamento de bônus adicionais aos trabalhadores. Também anunciou cortes nos impostos sobre alguns alimentos.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

sessão tensa

Ibovespa afunda com bancos, exterior e fim de trégua política e perde 100 mil; dólar dispara

Declaração do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, de que base do governo é que obstrui andamento de reformas pesa no sentimento do investidor. Juros sobem na véspera do Copom

Não agora

Havan protocola desistência de IPO junto à CVM

Notícia de que a varejista poderia adiar IPO já corria o mercado; Havan entrou com pedido de abertura de capital no fim de agosto

Atritos

Maia critica obstrução de base do governo e cobra interesse para votar reformas

Para o presidente da Câmara, o acordo firmado em fevereiro que garantiria a presidência da CMO ao deputado Elmar Nascimento (DEM-BA) é o válido.

Tesouro Nacional

Dívida Pública Federal sobe 2,59% e fecha setembro em R$ 4,526 tri

Em agosto, o estoque estava em R$ 4,412 trilhões.

Vai comprar?

BB Investimentos eleva preço-alvo da Unidas após resultados positivos no trimestre

A companhia teve um volume recorde na venda de carros e uma alta de 65,4% na receita líquida de seminovos, comparando com 2019.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies